Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11499
Tipo de Documento: Monografia
Título: Centralidades, densidade e troca de conhecimento : um estudo sobre a rede social formada pelos funcionários da gerência de solicitação de bens da Petrobras/SE
Autor(es): Santos, Alan Liberal Acioly
Data do documento: 4-Abr-2019
Orientador: Silva, Rosangela Sarmento
Resumo: A presente pesquisa teve como objetivo analisar como ocorre as trocas de conhecimentos na rede formada pelos funcionários da gerência de solicitação de bens da Petrobras em Sergipe sob a ótica da análise de redes sociais. Para tanto, buscou-se investigar especificamente a centralidade que existe entre os funcionários; a qualidade de comunicação através da análise da densidade; a coesão entre os membros dos grupos e subgrupos dessa rede; bem como conheceuse quais atores possuem posição central ou periférica na rede. Como método de pesquisa foi utilizado o estudo de caso único. O instrumento de pesquisa utilizado foi adaptado de Guimarães (2005, p.24). Foram entrevistados um total de 40(quarenta) atores, dos quais 5(cinco) possuem função gerencial ou de supervisão, e 35(trinta e cinco) desempenham as atividades administrativas da gerência. A densidade revelou que a gerência de solicitação de bens (SB) se destacou negativamente por possui os menores índices para essa análise. Já entre as demais redes estudadas, houve destaque positivo para a rede formada pelos membros da célula de contratação por licitação (CL) e da célula de gestão de estoque (GE), obtendo elas os maiores índices de densidade em duas das quatro questões. A centralidade de intermediação demonstrou a importância que o ator possui na intermediação dentro das redes estudadas. Com a avaliação dos cliques foi possível enxergar a quantidade de subgrupos que existe dentro de cada rede, quem são os atores que as compõe, sendo esses subgrupos espaço nos quais há um relacionamento mútuo. Por sua vez, a análise dos Core e Periphery, possibilitou identificar a posição que cada ator possui perante a rede. Conclui-se que, independente das métricas e técnicas utilizadas, o fato de se enxergar não mais o indivíduo e sim o grupo de indivíduos permite uma compreensão mais aprofundada do contexto ao qual o grupo está inserido.
Abstract: The present research had as objective to analyze how the exchange of knowledge occurs in the network formed by the employees of Petrobras' asset solicitation management in Sergipe from the point of view of social network analysis. In order to do so, we sought to investigate specifically the centrality that exists among employees; the quality of communication through density analysis; cohesion between the members of the groups and subgroups of that network; as well as knowing which actors have a central or peripheral position in the network. The single case study was used as the research method. The research instrument used was adapted from Guimarães (2005, p.24). A total of 40 (forty) actors were interviewed, of which 5 (five) have a managerial or supervisory role, and 35 (thirty-five) perform administrative management activities. The density revealed that the asset request management (SB) stood out negatively because it has the lowest indices for this analysis. Among the other networks studied, there was a positive highlight for the network formed by members of the contracting cell by bidding (CL) and the stock management cell (GE), obtaining them the highest density indices in two of the four questions. The centrality of intermediation demonstrated the importance that the actor has in the intermediation within the networks studied. With the evaluation of the clicks it was possible to see how many subgroups exist within each network, who are the actors that compose them, these subgroups being a space in which there is a mutual relationship. In turn, the analysis of the Core and Periphery, made it possible to identify the position that each actor has before the network. It is concluded that, regardless of the metrics and techniques used, the fact of seeing no longer the individual but the group of individuals allows a deeper understanding of the context to which the group is inserted.
Palavras-chave: Administração
Ensino de adminstração
Redes sociais
Sistemas de informação
Tecnologia da informação
Comunicação empresarial
Petrobras
Sergipe (SE)
Networks
Centrality
Cohesion
área CNPQ: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Departamento: DAD - Departamento de Administração – São Cristóvão - Presencial
Citação: Santos, Alan Liberal Acioly. Centralidades, densidade e troca de conhecimento : um estudo sobre a rede social formada pelos funcionários da gerência de solicitação de bens da Petrobras/SE. São Cristóvão, SE, 2019. Monografia (graduação em Administração) – Departamento de Administração, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2019
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11499
Aparece nas coleções:Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Alan_Liberal_Acioly_Santos.pdf2,34 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.