Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11654
Tipo de Documento: Tese
Título: Atividade inseticida de derivados indólicos sintetizados em insetos-praga e organismo não-alvo
Autor(es): Costa, Ângela Cecília Freire
Data do documento: 30-Jul-2018
Orientador: Bacci, Leandro
Coorientador: Araújo, Ana Paula Albano
Resumo: Os insetos são organismos essenciais para a dinâmica dos processos ecológicos nos ecossistemas, impactando direta ou indiretamente na vida do homem. Condições ambientais específicas maximizam o sucesso reprodutivo de algumas espécies, as quais podem atingir status de praga. A formiga cortadeira Atta opaciceps (Hymenoptera: Formicidae), a traça-das-crucíferas Plutella xylostella (Lepidoptera: Plutellidae) e o gorgulho do milho Sitophilus zeamais (Coleoptera: Curculionidae) são considerados importantes insetos-praga pelos expressivos danos econômicos causados em cultivos agrícolas e, ou florestais. O uso de inseticidas sintéticos é o principal método de controle destas pragas, no entanto o emprego de tais produtos tem enfrentado sérias dificuldades. Alguns compostos já não possuem a eficácia esperada e outros foram proibidos. Diante disso, a obtenção de novos compostos inseticidas assume grande importância. Neste trabalho, foram avaliados os efeitos letais e subletais de derivados indólicos, sintetizados a partir do indol e da triptamina, sobre A. opaciceps, Pl. xylostella e S. zeamais. Primeiramente, avaliamos a mortalidade, o comportamento e o caminhamento de operárias de A. opaciceps. Foi observada redução da sobrevivência e alteração do comportamento e do caminhamento de formigas expostas aos derivados indólicos sintetizados. No capítulo referente à Pl. xylostella, investigamos a mortalidade, a atividade alimentar e o comportamento de larvas desta espécie, bem como a seletividade em favor das vespas Polybia scutellaris, Po. sericea e Po. rejecta e da abelha Apis mellifera. Foi detectada redução da sobrevivência e do consumo foliar e ausência de comportamento de evasão em larvas de Pl. xylostella expostas aos derivados indólicos sintetizados. Além disso, os compostos testados foram seletivos para as vespas e a abelha. Por fim, analisamos a toxicidade de derivados indólicos sintetizados sobre insetos adultos de três populações de S. zeamais e a capacidade de indivíduos tratados causarem danos em grãos de milho. Houve redução da sobrevivência dos insetos e de danos em grãos nas três populações avaliadas. Diante dos resultados obtidos, concluímos que os derivados indólicos sintetizados são moléculas potenciais para o desenvolvimento de novos produtos inseticidas.
Palavras-chave: Inseticidas
Resistência aos inseticidas
Formigas
Indol
Triptamina
Atta opaciceps
Plutella xylostella
Sitophilus
Inseticidal
Indole
Tryptamine
área CNPQ: CIENCIAS AGRARIAS
Idioma: por
Sigla da Instituição: UFS
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Agricultura e Biodiversidade
Citação: COSTA, Ângela Cecília Freire. Atividade inseticida de derivados indólicos sintetizados em insetos-praga e organismo não-alvo. 2018. 124 f. Tese (Doutorado em Agricultura e Biodiversidade) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2018.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11654
Aparece nas coleções:Doutorado em Agricultura e Biodiversidade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ANGELA_CECILIA_FREIRE_COSTA.pdf3,35 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.