Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12533
Tipo de Documento: Dissertação
Título: O trabalho com gêneros textuais na feitura de si e do outro : memórias de professores alfabetizadores egressos do PNAIC
Autor(es): Santos, Jânio Nunes dos
Data do documento: 27-Fev-2019
Orientador: Romão, Eliana Sampaio
Resumo: Este trabalho consiste numa reflexão sobre as contribuições promovidas pelo “Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) na prática de professorasalfabetizadoras, a partir do trabalho com gêneros textuais no processo de alfabetizar letrando ou letramundiando durante suas experiências no (PNAIC). Para isso, analisa os falares em narrativas de os professores alfabetizadores, a partir de suas memórias decorrentes de anos de experiências no PNAIC, especificamente no campo de Língua Portuguesa, no trato com gêneros textuais atrelados ao processo de alfabetização e letramento. Nesse cenário, atenta-se para o engendramento da leitura e da escrita no ciclo de alfabetização com às práticas sociais. Constitui-se uma pesquisa de natureza quali-narrativa, que se vale do método que privilegia a narratividade por meio de entrevistas narrativas. Para tanto, foram eleitos como participantes deste caminhar cinco professoras de uma escola pública localizada na cidade de Igaci, agreste alagoano.Trabalha os conceitos de gênero textual, alfabetização e letramento a partir de autores como Freire, Ferreiro, Soares, Romão, Marcuschi, Bezerra, Barbosa e Rovai dentre outros. E toca na questão formativa do professor alfabetizador no Brasil na esteira do spostulados de Saviani e Villela para discutir o programa de formação continuada aquiestudado (PNAIC). Tem como marco teórico para a trilha metodológica: Jovchelovitche Baue, Scholze, além de Motta que fundamenta a escolha de análise dos dadoscoletados, bem como as respostas neles imiscuídas. A análise temática é o meio termo para a discussão dos dados a partir da categorização atrelada à análise crítica da narrativa. Os resultados revelam a falta de clareza apresentada pela maioria das professoras pesquisadas no trato com os gêneros textuais, em maior ou menor grau, o que pode influenciar no trabalho em sala de aula, na questão própria do letramento, do letramundo, embora não possa negar que a partir da formação do PNAIC essas professoras passaram a ter maior aproximação com a discussão sobre gênero e suas implicações no ciclo de alfabetização.
Palavras-chave: Educação
Alfabetização
Letramento
Literatura
Ensino de literatura
Formação de professores
Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC)
Gêneros textuais
Literacy
Textual genres
área CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Educação
Citação: SANTOS, Jânio Nunes dos. O trabalho com gêneros textuais na feitura de si e do outro : memórias de professores alfabetizadores egressos do PNAIC. 2019. 122 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2019.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12533
Aparece nas coleções:Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JANIO_NUNES_SANTOS.pdf57,9 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.