Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5231
Tipo de Documento: Dissertação
Título : Hegel : a abstração e seus desdobramentos
Autor : Vieira, Max Batista
Fecha de publicación : 14-feb-2014
Director(a): Tolle, Oliver
Resumen: O presente trabalho resulta de uma tentativa de síntese do nosso estudo acerca das discussões realizadas por Hegel sobre a formação da consciência no período de transição entre juventude e maturidade, particularmente entre os anos de 1802 e 1807, anos em que foram publicados, respectivamente, Fé e Saber e Fenomenologia do Espírito. Aparentemente, nesse período ganha em Hegel ênfase a importância do conceito de abstração para o conhecimento. Como tentaremos mostrar, o autor trabalha esse conceito desde o processo de formação da consciência até o ápice do conhecimento, quando é vencido o limite imposto pela abstração com a conquista do conhecimento do absoluto. Ora, reconstituir alguns dos aspectos principais desse processo de formação nos conduziu a algumas reflexões sobre o papel positivo da abstração, ou seja, de que ela representa não apenas uma perda cognitiva, mas que também é o único meio de passar paulatinamente do particular ao todo.
Resumen : This work results from an attempted synthesis of our study on the discussions held by Hegel on the formation of conscience in the transition period between youth and maturity, particularly between the years 1802 and 1807, years in which they were published, respectively, Faith and Knowledge and Phenomenology of Spirit. Apparently, this period wins in Hegel emphasis the importance of the concept of abstraction for knowledge. Attempt to show how the author works this concept from the process of formation of conscience to the apex of knowledge when the limit imposed by abstraction with the conquest of knowledge of the absolute is expired. Now retrace some of the main aspects of training process led us to some reflections on the positive role of abstraction, ie, that it is not just a cognitive loss, but is also the only way to move gradually from the particular to the whole.
Palabras clave : Hegel
Consciência
Filosofia alemã
Fenomenologia
Abstração
Conhecimento
Philosophy, German
Abstraction
Knowledge
Consciousness
Área CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIA
Idioma : por
Programa de Posgrado: Pós-Graduação em Filosofia
Tipo de acceso: Acesso Aberto
URI : https://ri.ufs.br/handle/riufs/5231
Aparece en las colecciones: Mestrado em Filosofia

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
MAX_BATISTA_VIEIRA.pdf540,45 kBAdobe PDFVista previa
Visualizar/Abrir


Los ítems de DSpace están protegidos por copyright, con todos los derechos reservados, a menos que se indique lo contrario.