Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8857
Tipo de Documento: Dissertação
Título : Microencapsulação de extrato de beterraba pelo processo de gelificação iônica
Otros títulos : Microencapsulation of beet extract by the ionic gelification process
Autor : Ferreira, Laís Priscila Cavalcante
Fecha de publicación : 1-mar-2018
Director(a): Pagani, Alessandra Almeida Castro
Resumen: Na última década, a beterraba tem atraído muita atenção como um alimento funcional, com importante efeito promotor de saúde. Apresenta em sua composição importantes compostos bioativos, destacando as betalaínas, ácido ascórbico, carotenoides e ácidos fenólicos. Apesar da grande relevância nutricional a beterraba ainda não é muito consumida. A encapsulação por gelificação iônica tem se mostrado uma técnica eficaz na obtenção de produtos palatáveis e nutritivos, mascarando sabores indesejados e preservando nutrientes. Diante do exposto, o objetivo do presente estudo foi obter microcápsulas de extrato de beterraba pelo processo de gelificação iônica e verificar a estabilidade durante o armazenamento refrigerado. A partir do extrato de beterraba realizou-se o processo de gelificação iônica, obtendo-se as microcápsulas de beterraba e armazenando-as por 28 dias em embalagens herméticas de vidro a 5±1°C. Foram realizadas análises de rendimento, peso, tamanho, cor, sólidos solúveis, umidade, cinzas, acidez, pH, vitamina C, carotenoides, fenólicos, ABTS e betalainas. Quanto as características físico-químicas do extrato de beterraba com relação as microcápsulas de beterraba houve redução significativa dos sólidos solúveis, da betalaína, da capacidade antioxidante, dos carotenoides e do parâmetro de cor a*. A vitamina C, os fenólicos, as cinzas, a umidade e o pH se mantiveram constantes. Verificou-se leve aumento na acidez e no ângulo Hue. Durante o armazenamento refrigerado observou-se redução de todos os parâmetros com exceção da vitamina C. Após 21 dias de armazenamento observou-se aumento da permeabilidade da membrana de alginato, acarretando maior migração entre os compostos do meio e das microcápsulas. Conclui-se que o processo de gelificação iônica é uma tecnologia viável para a desenvolvimento de produtos que mantenham as características nutricionais da beterraba e que o tratamento com ácido ascórbico obteve melhores resultados de conservação dos compostos bioativos.
Resumen : In the last decade, beet has attracted much attention as a functional food, with important health promoting effect. It presents in its composition important bioactive compounds, highlighting the betalains, ascorbic acid, carotenoids and phenolic acids. Despite the great nutritional importance, the beet is still not very consumed. The encapsulation by ionic gelation has proven to be an effective technique for obtaining palatable and nutritious products, masking unwanted flavors and preserving nutrients. Considering the above, the objective of the present study was to obtain microcapsules of beet extract by the ionic gelation process and verify the stability during refrigerated storage. From the beet extract the ionic gelation process was performed, obtaining the beet microcapsules and storing them for 28 days in hermetic glass containers at 5 ± 1°C. Analyzes of yield, weight, size, color, soluble solids, moisture, ash, acidity, pH, vitamin C, carotenoids, phenolics, ABTS and betalainas were performed. Regarding the physicochemical characteristics of beet extract with respect to beet microcapsules, there was a significant reduction of soluble solids, betalain, antioxidant capacity, carotenoids and color parameter a*. Vitamin C, phenolics, ash, moisture and pH remained constant. There was an increase in acidity and Hue angle. During refrigerated storage, all parameters except vitamin C were reduced. After 21 days of storage, there was an increase in the permeability of the alginate membrane, resulting in greater migration between the medium and microcapsule compound. It is concluded that the ionic gelation process is a viable technology for the development of products that maintain the nutritional characteristics of the beet and that treatment with ascorbic acid obtained better conservation results of the bioactive compounds.
Palabras clave : Beterraba
Compostos bioativos
Microencapsulação
Beets
Bioactive compounds
Microencapsulation
Área CNPQ: CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Patrocinio: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Idioma : por
Institución: Universidade Federal de Sergipe
Programa de Posgrado: Pós-Graduação em Ciências da Nutrição
Citación : FERREIRA, Laís Priscila Cavalcante. Microencapsulação de extrato de beterraba pelo processo de gelificação iônica. 2018. 59 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Nutrição) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2018.
URI : http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8857
Aparece en las colecciones: Mestrado em Ciências da Nutrição

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
LAIS_PRISCILA_CAVALCANTE_FERREIRA.pdf1,27 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Los ítems de DSpace están protegidos por copyright, con todos los derechos reservados, a menos que se indique lo contrario.