Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5652
Tipo de Documento: Dissertação
Título: Ditadura, memória e justiça : “revolução” e golpe de 1964 transitam no ciberespaço
Autor(es): Rocha, Luzimary dos Santos
Data do documento: 26-Mai-2016
Orientador: Cardoso, Célia Costa
Resumo: A pesquisa analisa o Ciberespaço como lugar de construção e preservação de conflitos memorialísticos referentes à ditadura civil-militar (1964-1985). O século XX trouxe muitas transformações para o mundo no âmbito político, social e econômico, como também possibilitou o surgimento das novas tecnologias, que se transformaram em suportes criadores de relações sociais, tornando-se geradoras de novas práticas sociais. O advento tecnológico favoreceu o crescimento dos meios de comunicação de massa, destacando-se entre eles a Internet, que se consolidou entre as sociedades se tornando um espaço de entretenimento, meio de comunicação, rede de sociabilidade e propagador de ideologias e comportamentos políticos. A partir dessas considerações, este trabalho tem por finalidade discutir o uso do Ciberespaço como ferramenta de disseminação das visões político-ideológicas correspondentes à direita e à esquerda, que se traduzem na atualidade em ativismo político em defesa ou oposição ao golpe civil-militar de 1964. Busca-se, nesse contexto, compreender também, a persistência das categorias Direita X Esquerda na sociedade brasileira atual, na identificação e análise de forças sociais que apresentam formas mais complexas de organização política. Além destas questões, analisou-se percepções e imagens demonstrativas destas vertentes, abrangendo a política de reparação dos crimes da ditadura brasileira e a atuação da Comissão Nacional da Verdade. Utiliza-se como principais fontes, textos escritos e imagéticos dos sites dos Grupos Terrorismo Nunca Mais (Ternuma / direita) e Tortura Nunca Mais (esquerda), para identificar e explicitar objetivos, ideologias e projetos de sociedade a partir de leituras atuais sobre a ditadura civil-militar.
Abstract: The researching analyzes the Cyberspace as place of construction and preservation of memoirs conflicts related to civil-military dictatorship (1964-1985). The twentieth century brought many changes to the world in the political, social and economic context, but it also allowed the emergence of new technologies that have become creators of social relations becoming creators of new social practices. Technological advent favored the growth the means of mass comunication, highlighted among them the Internet that consolidated among societies becoming an entertainment space, means of communication, sociability network and propagator of ideologies and political behavior. From these considerations, this working aims to discuss the use of cyberspace as dissemination tool of political and ideological views corresponding the right and the left that are understand nowadays as political activism in defense or opposition to civil-military coup of 1964. Search in this context to understand also the persistence of the Right X Left categories in the current Brazilian society in the identification and analysis of social forces that have forms more complex of political organization. Beyond to these issues they were analyzed perceptions and demonstrative images of these aspects, including the policy of reparation of the Brazilian dictatorship crimes and the actions of the National Commission of the Truth. It is used as main sources, written texts and imagistic from sites of Terrorism Groups Never More (Ternuma / right) and Torture Never More (left), to identify and to clarify the objectives, ideologies and projects of society from current readings on the civil-military dictatorship.
Palavras-chave: História
História do Brasil
Ditadura
Ditadura brasileira
Ciberespaço
Direita
Esquerda
Cyberspace
Dictatorship
Memory
Right
Left
área CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Idioma: por
País: Brasil
Instituição/Editora: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da Instituição: UFS
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em História
Citação: Rocha, Luzimary dos Santos. Ditadura, memória e justiça : “revolução” e golpe de 1964 transitam no ciberespaço. 2016. 147 f. Dissertação (Pós-Graduação em História) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/5652
Aparece nas coleções:Mestrado em História

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LUZIMARY_SANTOS_ROCHA.pdf1,6 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.