Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/10568
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSoares, Gabriel Anísio dos Santos-
dc.date.accessioned2019-02-22T22:30:49Z-
dc.date.available2019-02-22T22:30:49Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.urihttp://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/10568-
dc.description.abstractThe brain-computer interface is one of the emerging fields of human-computer interaction due to its broad spectrum of applications, especially those dealing with human cognition. In this assignment, electroencephalography (EEG) signals are used as a base data to classify the state of the eyes (open or closed) by applying Long Short Term Memory (LSTM) networks and variants. For benchmarking purposes, the eye-state EEG data set available at the University of California Irvine (UCI) Machine Learning repository was used. The results indicated that the model is applicable to the classification of the data and that its performance is reasonable compared to the more expensive models computationally. In addition, a data capture system prototype was developed based on the YouMake platform, accessible hardware developed at the institution to have easy access to biomedical data considering the possibility of obtaining data with both conventional (but with prohibitively high costs) and device developed (with lower and limited cost).eng
dc.languageporpt_BR
dc.subjectCiência da computaçãopor
dc.subjectProcessamento gráficopor
dc.subjectEletroencefalografia (EEG)por
dc.subjectAprendizado de máquinapor
dc.subjectLong Short Term Memory (LSTM)eng
dc.subjectElectroencephalography (EEG)eng
dc.subjectMachine learningeng
dc.titleReconhecimento de padrões biométricos utilizando máquinas de aprendizado profundo: elaboração de modelo de máquina de aprendizado sequencialpt_BR
dc.typeRelatóriopt_BR
dc.identifier.licenseCreative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional (CC BY-SA 4.0)pt_BR
dc.contributor.advisor1Matos, Leonardo Nogueira-
dc.description.resumoA interface cérebro-computador é um dos campos emergentes da interação homem-computador devido ao seu amplo espectro de aplicações, especialmente as que lidam com a cognição humana. Neste trabalho, a eletroencefalografia (EEG) é usada como dado base para classificar o estado dos olhos (abertos ou fechados) aplicando redes Long Short Term Memory (LSTM) e variantes. Para fins de benchmarking, foi utilizado o conjunto de dados de EEG com registro do estado do olho, disponível no repositório de aprendizado de máquina da Universidade da Califórnia em Irvine (UCI). Os resultados obtidos indicaram que o modelo é aplicável para a classificação dos dados e que seu desempenho é bom comparado aos modelos mais caros computacionalmente. Adicionalmente foi desenvolvido um sistema de captura de dados com baseado na plataforma YouMake, hardware acessível desenvolvido na instituição para ter acesso facilitado a dados biomédicos considerando a possibilidade de obter os dados tanto com os aparelhos convencionais (mas com custos proibitivamente altos), quanto com dispositivo desenvolvido (com custo mais baixo e limitado).pt_BR
dc.publisher.initialsUniversidade Federal de Sergipe - Pró-reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa - Coordenação de Pesquisapt_BR
dc.description.localSão Cristóvão, SEpt_BR
Appears in Collections:28º Encontro de Iniciação Científica da UFS
Ciências Exatas e da Terra - PIBIC 2017/2018
Relatórios de Iniciação Científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ReconhecimentoPadroesBiometricos.pdf5,39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.