Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12118
Document Type: Monografia
Title: Comportamento da linha de costa nas praias do Mosqueiro, dos Náufragos e da Atalaia, município de Aracaju, Sergipe
Authors: Silva, Vanessa Rodrigues Correia da
Issue Date: 30-Aug-2019
Advisor: Andrade, Ana Cláudia da Silva
Resumo : A linha de costa é conhecida pelo seu alto dinamismo, devido à sua localização entre o oceano e o continente. A depender do balanço sedimentar, positivo ou negativo, pode progradar ou recuar (erosão costeira), respectivamente. Trabalhos realizados no Brasil e no mundo mostram que a erosão costeira se torna um problema em áreas ocupadas. A falta de conhecimento da dinâmica da linha de costa e sua ocupação inapropriada podem provocar prejuízos socioeconômicos. Em Sergipe e, mais especificamente, no litoral de Aracaju esse cenário não é diferente. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi analisar a variação da linha de costa em três praias de Aracaju (Mosqueiro, Náufragos e Atalaia) no período de 2003 a 2016. Em seguida, foram calculados o envelope de variação e as taxas de variação da linha de costa, pelos métodos estatísticos do ponto de terminação e da regressão linear. Por fim, os dados de taxa de variação da linha de costa permitiram a classificação do comportamento da linha de costa em: acresção (> + 0,5 m/ano), estabilidade (entre -0,5 m/ano e +0,5 m/ano), erosão (-0,5 a -1,0 m/ano), erosão intensa (-1,0 a -3,0 m/ano), erosão severa (-3,0 a -5,0 m/ano), erosão extrema (< -5,0 m/ano). O envelope de comportamento da linha de costa mostrou maiores valores (262,68 m) na praia do Mosqueiro, valores intermediários (118,0 m) na praia da Atalaia e, valores menores (34,17 m) na praia dos Náufragos. Além disso, a praia da Atalaia apresentou taxas de variação entre 8,0 e – 10,67 ± 1,44 m/ano; a praia dos Náufragos apresentou taxas entre – 1,71 e – 3,39 ± 0,23 m/ano; e a praia do Mosqueiro, entre – 3,70 e – 38,34 ± 1,66 m/ano. O comportamento da linha de costa, durante o período investigado, foi de erosão (erosão, erosão intensa, erosão severa e erosão extrema), estabilidade e acresção na praia da Atalaia; de erosão (de intensa a extrema) na praia do Mosqueiro; e de erosão (intensa e severa) na praia dos Náufragos, apesar desta apresentar um comportamento mais estável em relação às outras duas praias. De uma forma geral, 89,43% da linha de costa das praias investigadas apresentaram comportamento de erosão; 0,54% de estabilidade e 10,03% de acresção no período de 2003 a 2016. Esse trabalho serve de subsídios ao planejamento ambiental e urbano do litoral de Aracaju.
Abstract: The coastline is known for its high dynamism due to its location between the ocean and the mainland. Depending on the sedimentary balance, positive or negative, can progress or retreat (coastal erosion), respectively. Studies conducted in Brazil and around the world show that coastal erosion becomes a problem in occupied areas. Lack of knowledge of the dynamics of the coastline and its inappropriate occupation can cause socioeconomic damage. In Sergipe and, more specifically, on the coast of Aracaju this scenario is no different. Thus, the objective of this work was to analyze the shoreline variation in three beaches of Aracaju (Mosqueiro, Naufragos and Atalaia) from 2003 to 2016. Then, the variation envelope and the variation rates of the line were calculated by the statistical methods of end point rate and linear regression. Finally, shoreline rate of change data allowed the classification of shoreline behavior into: accretion (> + 0.5 m / year), stability (between -0.5 m / year and +0, 5 m / year), erosion (-0.5 to -1.0 m / year), intense erosion (-1.0 to -3.0 m / year), severe erosion (-3.0 to - 5, 0 m / yr), extreme erosion (<-5.0 m / yr). The envelope of the shoreline behavior showed higher values (262.68 m) at Mosqueiro beach, intermediate values (118.0 m) at Atalaia beach and smaller values (34.17 m) at Naufragos beach. In addition, Atalaia beach presented rates of variation between 8.0 and - 10.67 ± 1.44 m / year; Naufragos Beach had rates between - 1.71 and - 3.39 ± 0.23 m / year; and Mosqueiro beach, between - 3.70 and - 38.34 ± 1.66 m / year. The behavior of the shoreline during the period investigated was erosion (erosion, intense erosion, severe erosion and extreme erosion), stability and accretion on Atalaia beach; erosion (from intense to extreme) on Mosqueiro beach; and erosion (intense and severe) in the Naufragos beach, although it presents a more stable behavior in relation to the other two beaches. Overall, 89.43% of the coastline of the investigated beaches showed erosion behavior; 0.54% of stability and 10.03% of accretion from 2003 to 2016. This work serves as subsidies to the environmental and urban planning of the Aracaju coast.
Keywords: Geologia
Ensino de geologia
Oceonografia
Erosão
Costa, Sergipe (SE)
Praias, Aracaju (SE)
Praia do Mosqueiro (SE)
Praia dos Náufragos (SE)
Praia da Atalaia (SE)
Costa marítima, Sergipe (SE)
Aracaju (SE)
Change rate
Erosion
Accretion
Subject CNPQ: CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::OCEANOGRAFIA::OCEANOGRAFIA FISICA::MOVIMENTO DA AGUA DO MAR
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Department: DGEOL - Departamento de Geologia – São Cristóvão - Presencial
Citation: Silva, Vanessa Rodrigues Correia da. Comportamento da linha de costa nas praias do Mosqueiro, dos Náufragos e da Atalaia, município de Aracaju, Sergipe. São Cristóvão, SE, 2019. Monografia (graduação em Geologia)– Curso de Geologia, Departamento de Geologia, Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2019
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12118
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vanessa_Rodrigues_Correia_Silva.pdf1,8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.