Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12529
Document Type: Tese
Title: Mercedes Dantas e os discursos sobre a viagem pedagógica aos estados do Norte/Brasil (1930)
Authors: Amaral, Rosemeire dos Santos
Issue Date: 30-Sep-2019
Advisor: Sobral, Maria Neide
Resumo : A presente tese insere-se na linha de pesquisa História, Sociedade e Pensamento Educacional, junto ao Programa de Pós-graduação em Educação (PPGED) da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e pauta-se nas discussões a respeito das viagens pedagógicas realizadas por intelectuais e profissionais da educacão, tanto em âmbito internacional (Europa e Estados Unidos), quanto nacional, dentro de um circuito da História Intelectual da Educação. O foco é a professora Mercedes Dantas de Itapicurú Coelho (1900-1982) e os discursos sobre a viagem pedagógica realizada por ela aos estados do Norte do Brasil em 1930. O objetivo geral foi compreender quem foi a professora Mercedes Dantas e analisar os discursos produzidos na imprensa sobre a viagem pedagógica. Estabeleceu-se como objetivos específicos: elaborar um perfil biobibliográfico de Mercedes Dantas, destacando os lugares institucionais e sociais que ocupou; elencar os discursos produzidos na imprensa sobre a viagem em cada estado; e problematizar os enunciados discursivos da viagem e da Reforma de Fernando de Azevedo e sua possível difusão nos estados visitados. Os dados foram obtidos das informações contidas nos excertos dos jornais impressos da década de 1920 e 1930 – A manhã (RJ), A Noite (RJ), A Província (PE), Correio da Manhã (RJ), Diário da Manhã (ES), Jornal do Brasil (RJ), Jornal do Comércio (RJ - AM), O Globo (RJ), O Paiz (RJ), Pequeno Jornal, Jornal Pequeno (PE), entre outros – acessados por meio da Biblioteca Nacional Digital (BNDigital), de assinaturas digitais e de uma fonte histórica em particular uma coletânea de recortes de jornais e revistas, elaborada e organizada cronologicamente (1911-1947), o “Caderno de Lembrança” de Mercedes Dantas. O material foi investigado à luz das teorizações que constituem a Análise do Discurso (AD), seguindo a linha francesa, com base nos postulados do filósofo e historiador Michel Foucault (1926-1985). A professora Mercedes, uma mulher, solteira, jovem, patrícia, professora, escritora, jornalista, política e intelectual erudita, que, nos anos de 1930, conseguiu transgredir padrões sociais e culturais, adentrar espaços e setores, muitas vezes, exclusivos aos “homens de letras”, personagens ilustres e governantes. Fez-se viajante e, no papel de embaixadora, foi propagadora das aspirações da Escola Nova, participou do embate entre a Associação Brasileira de Educação e a Federação Nacional das Sociedades de Educação, uma importante dissidência, propagou pelos estados do Norte do Brasil os princípios da Reforma Educacional de Fernando de Azevedo, assegurou o agrupamento das sociedades de educação dos estados. Esta mulher, sem dúvida, merece estar incluída na Historiografia Brasileira e na História Intelectual da Educação. A viagem pedagógica de Mercedes Dantas aos estados do Norte do Brasil constituiu-se um acontecimento de reconhecimento nacional e de suma importância para a renovação educacional do país. Alicerçou-se na Reforma da Instrução Pública de Fernando de Azevedo, particularmente do ensino primário, e na criação das sociedades de professores dos respectivos locais, como consta do “Caderno de Lembrança”, onde se encontram as condições de produção e de emergência e o processo de internalização e aceitabilidade e o momento de ruptura dos discursos ligados a práticas institucionais e relações de poder. A Tese concluiu que a investigação a respeito da vida pessoal, produção intelectual e profissional da professora Mercedes Dantas – pela ausência de pesquisas sobre sua personagem ou por representar uma personalidade de destaque no campo educacional do Brasil, mas que se manteve “atrás das cortinas” ou ao menos “esquecida” pela historiografia brasileira, – é um contributo valioso para a produção do conhecimento no campo de História da Educação e na formação e atuação de professores e intelectuais nas décadas de 1920 e 1930.
Abstract: The present Thesis is inserted in the research line of History, Society and Educational Thought, along with the Graduate Program in Education (PPGED) of the Federal University of Sergipe (UFS) and it is based on the discussions about the pedagogical trips taken by intellectuals and professionals in education, both internationally (Europe and the United States) and nationally, within a circuit of the Intellectual History of Education. The focus is the Professor Mercedes Dantas de Itapicurú Coelho (1900-1982) and the speeches on the pedagogical trip to the Northern States of Brazil in 1930. The general objective was to understand who was Professor Mercedes Dantas and the speeches produced by the press about her pedagogical trip to the Northern States, Brazil, in 1930. As specific objectives: to elaborate a biobibliographical profile of Mercedes Dantas, highlighting the institutional and social positions she has occupied; to list the speeches produced by the press about the trip taken in each state and, finally, to problematize the referred discursive statements of the trip and the Fernando de Azevedo Reform and its possible diffusion in the visited states. The data obtained from excerpts‟ information of the printed newspapers from the 1920 and 1930s - A manhã (RJ), A Noite (RJ), A Província (PE), Correio da Manhã (RJ), Diário da Manhã (ES), Jornal do Brasil (RJ), Jornal do Comércio (RJ - AM), O Globo (RJ), O Paiz (RJ), Pequeno Jornal, Jornal Pequeno (PE), among others - accessed through the National Digital Library (BNDigital), from digital signatures and from a particular historical source, a collection of newspaper and magazine clippings prepared and organized chronologically (1911-1947), Mercedes Dantas's “Notebook of Remembrance” - were investigated through the theorizations that constitute the Discourse Analysis (AD), following the French line, based on the postulates of the philosopher and historian Michel Foucault (1926-1985). The Mercedes teacher, a woman, single, young, patrícia, teacher, writer, journalist, politician and scholarly intellectual, who, in the 1930s, managed to transgress social and cultural standards, entering spaces and sectors, often exclusive to "men of letters", illustrious and ruling characters. She became a traveler and, in the role of ambassador, propagated the aspirations of the New School, participated in the clash between the Brazilian Association of Education and the National Federation of Education Societies, an important dissidence, propagated the principles of the Educational Reform of Fernando de Azevedo throughout the states of Northern Brazil, and ensured the grouping of the educational societies of the states. This woman, undoubtedly, deserves to be included in the Brazilian Historiography and in the Intellectual History of Education. The pedagogical trip to Northern Brazil states, based on the speeches extracted from the printouts, in turn, was configured as a case/event of national recognition and of great importance for the educational renewal of the country. Based on the Fernando de Azevedo Public Instruction Reform, in particular, of the primary education and the establishment/affiliation of teachers‟ societies from the respective places, as presented in the “Notebook of Remembrance”, where were highlighted the production and emergency conditions and the process of internalization and acceptability or not, as well as the moment of rupture of the speeches related to institutional practices and power relations. The Thesis pointed out that the research on the intellectual production, personal and professional life of Professor Mercedes Dantas - for the lack of researches that look into her character or for representing a prominent personality in the Brazilian educational field, although she remained “behind of the curtains” or at least “forgotten” by Brazilian historiography - is a valuable contribution to the knowledge production in the field of History of Education and the formation / performance of teachers and intellectuals in the 1920s and 1930s.
Keywords: Educação
História da educação
Educadores
Reforma do ensino
Viagens
Pedagogia
Discursos
Mercedes Dantas
Renovação do ensino
Speeches
Renewal of education
Trips
Pedagogy
Subject CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Program Affiliation: Pós-Graduação em Educação
Citation: AMARAL, Rosemeire dos Santos. Mercedes Dantas e os discursos sobre a viagem pedagógica aos estados do Norte/Brasil (1930). 2019. 185 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2019.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12529
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROSEMEIRE_SANTOS_AMARAL.pdf4,15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.