Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12728
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorFarias, Raiane Biano de-
dc.date.accessioned2020-02-11T13:20:36Z-
dc.date.available2020-02-11T13:20:36Z-
dc.date.issued2019-10-09-
dc.identifier.citationFarias, Raiane Biano de. Impactos das mudanças climáticas nos estoques de carbono no cultivo de milho em Canindé de São Francisco-SE. São Cristóvão, SE, 2019. Monografia (graduação em Ecologia) – Departamento de Ecologia, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2019pt_BR
dc.identifier.urihttp://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12728-
dc.languageporpt_BR
dc.subjectEcologiapor
dc.subjectEnsino de ecologiapor
dc.subjectModelagem ambientalpor
dc.subjectCentury 4.5por
dc.subjectMitigaçãopor
dc.subjectAgricultura familiarpor
dc.subjectCanindé de São Francisco (SE)por
dc.titleImpactos das mudanças climáticas nos estoques de carbono no cultivo de milho em Canindé de São Francisco-SEpt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.contributor.advisor1Pinto, Alexandre Siqueira-
dc.description.resumoEstudos vêm mostrando o aumento das concentrações de gases de efeito estufa na atmosfera em função de atividades antrópicas, sendo o uso da terra um dos setores que mais contribuem para esse cenário. Sabe-se que a agricultura depende de fatores climáticos para se desenvolver, portanto a mudança no clima pode afetar a produção agrícola. O milho (Zea mays L.) é considerado uma das principais espécies cultivadas no mundo, correspondendo a uma importante fonte de renda e subsistência no semiárido nordestino brasileiro. No entanto, o uso intensivo do solo associado a práticas agrícolas inadequadas vêm comprometendo os estoques de carbono (C) nesse compartimento e, consequentemente, aumentando sua emissão para atmosfera. A modelagem ambiental tem auxiliado na compreensão dos efeitos do uso da terra na dinâmica de C no sistema solo-planta-atmosfera. Considerando as perspectivas de mudança do clima global e seus impactos na agricultura, este estudo teve como objetivos: (1) avaliar o efeito das mudanças climáticas nos estoques de carbono do solo e na produtividade do milho; (2) avaliar a eficácia de um manejo alternativo (simulação de uso de milho melhorado geneticamente e também plantio direto) para mitigação das emissões de carbono para a atmosfera, no município de Canindé de São Francisco, Sergipe. O modelo Century versão 4.5 foi utilizado para simular a dinâmica de C na região sobre efeito das projeções climáticas até 2100 (pessimista, o qual simula aumento da energia no sistema de 8,5 W.m-2 ; intermediários, 6,0 e 4,5 W.m-2 ; otimista, 2,6 W.m-2 ) e investigar o efeito de dois sistemas de manejo (convencional e alternativo). Foi possível observar redução nos estoques de C do solo e também na produção de grão, sendo que dentre os diferentes cenários simulados, o pessimista resultou em maiores perdas ao final do período avaliado em ambos os sistemas de manejo. O cenário pessimista apresentou perda de 8,2 Mg.ha-1 (convencional) e -7,7 Mg.ha-1 (alternativo). No otimista essa perda correspondeu a -3,7 Mg.ha-1 (convencional) e -2,1 Mg.ha-1 (alternativo). Portanto, o manejo alternativo reduziria as perdas de C do solo, apesar de ter pouco efeito na produção de grãos. Para o enfrentamento das mudanças climáticas em Canindé de São Francisco seria importante buscar novos tipos de manejo, de forma a garantir segurança alimentar e menor comprometimento ambiental em função do cultivo de milho.pt_BR
dc.publisher.departmentDECO - Departamento de Ecologia – São Cristóvão - Presencialpt_BR
dc.subject.cnpqCIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMASpt_BR
dc.publisher.initialsUniversidade Federal de Sergipept_BR
dc.description.localSão Cristóvão, SEpt_BR
Appears in Collections:Ecologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Raiane_Biano_Farias.pdf708,81 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.