Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/13618
Document Type: Dissertação
Title: Avaliação da eficiência do monitor de secas para definição de secas em Sergipe
Authors: Santos, Kelly Marina Silva
Issue Date: 5-Mar-2020
Advisor: Albuquerque, Tatiana Máximo Almeida
Co-advisor: Mendes, Ludmilson Abritta
Resumo : A seca é um fenômeno natural recorrente em diversas regiões do planeta e provoca sérios impactos sobre o meio ambiente e a população. Historicamente, o governo das localidades afetadas costuma adotar medidas emergenciais para combater esses impactos. Nas últimas décadas, surgiram programas de preparação para a seca em vários países, a exemplo dos Estados Unidos, Portugal e México. No Brasil, a implementação do Monitor de Secas (MSB) evidencia o início da transição da gestão de crise para gestão de riscos da seca. Essa ferramenta consiste em um produto de monitoramento baseado em diversos índices e dados observados, através de um processo participativo entre instituições federais e estaduais. Dada a importância da consolidação do Monitor como meio de suporte à decisão para políticas públicas, esta pesquisa buscou avaliar a eficiência na identificação das regiões secas pelo MSB no estado de Sergipe. Foram utilizados dados climáticos estaduais e decretações de emergência pela Defesa Civil para análise de associãção com a classificação da seca pelo Monitor, através de ferramentas estatísticas: o teste de independência do Qui-Quadrado e o coeficiente de correlação V de Cramer. Adicionalmente, o Formulário Mínimo Padrão (FMP), questionário respondido por integrantes do processo para verificar a percepção local de impactos da seca, foi analisado quanto à correspondência com a tabela de impactos do MSB. Através dos testes estatísticos aplicados, observou-se a existência de associação entre precipitações mensais, trimestrais e semestrais e as categorias do MSB, por meio da rejeição da hipótese nula de independência com valor-p de 2,5x10-5, 2,3x10-10 e 8,7x10-15, respectivamente. Contudo, os resultados do coeficiente V foram valores próximos de zero (0,21, 0,28 e 0,32, nessa ordem), indicando fraca associação entre as classificações estudadas. Resultados semelhantes foram encontrados para anomalias de precipitação mensal, trimestral e semestral, com valor-p de 6,7x10-5, 1,3x10-5 e 8,3x10-15, respectivamente. Nesse caso, o coeficiente de Cramer assumiu os valores de 0,20, 0,21 e 0,32. O NDVI foi a variável climática com melhores resultados, ao rejeitar a hipótese nula com valor-p de 7,8x10-133 e coeficiente V de Cramer igual a 0,52. Assim, pode-se afirmar que, para o estado de Sergipe, o NDVI possui maior associação com as categorias do Monitor do que as demais variáveis. Como a melhoria do entendimento comum da situação da seca é um dos objetivos do MSB, também foi analisada a existência de correlação entre decretações da Defesa Civil Estadual com impactos de curto e longo prazos do Monitor. Nesse caso, o teste do Qui-Quadrado resultou em valor-p de 0,09 e coeficiente de Cramer igual a 0,12, sugerindo que não há associação entre os mapas do MSB e decretações de emergência. Por fim, o principal problema identificado na análise dos formulários foi a existência de subjetividade nas perguntas e respostas. Por isso, foi proposta uma reformulação do FMP, de modo a torná-lo mais claro e objetivo. De modo geral, pode-se afirmar que o Monitor tem representado o estado de Sergipe com baixa eficiência, necessitando de ajustes e melhorias, devido à sua crescente importância como ferramenta de suporte à decisão.
Abstract: Drought is a recurring natural phenomenon in several regions around the world and causes serious effects on the environment and the population. Historically, governments of affected locations usually adopt emergency measures to fight the impacts of the drought. In the last decades, drought preparedness programs were developed in many countries, like United States, Portugal and Mexico. In Brazil, the implementation of the Brazilian Drought Monitor (MSB) shows the beginning of a transition from crisis management to risk management. This tool consists of a drought monitoring based on multiple indices and observed data, through a participatory process between federal and state institutions. Due to the importance of consolidating the Monitor as a means to support the decision for public policies, this research aimed to evaluate the performance of MSB regarding the identification of droughts in the State of Sergipe. State climate data and emergency decrees were used for association analysis with the Monitor classification of drought, through the application of statistical tools: Chi-Square independence test and Cramer's V coefficient. In addition, the Minimum Standard Form (FMP), a questionnaire answered by members of the process to verify the local perception of impacts of drought, was analyzed to check the correspondence with the MSB impacts table. Through the statistical tests applied, an association between monthly, quarterly and half-yearly rainfall and the MSB categories was observed, since the null hypothesis of independence was rejected, with a p-value of 2,5x10-5, 2,3x10-10 e 8,7x10-15, respectively. However, the results of Cramer’s V coefficient were close to zero (0,21, 0,28 and 0,32, in this order), indicating a weak association between the studied classifications. Similar results were found for monthly, quarterly and half-yearly precipitation anomalies, with p-values of 6,7x10-5, 1,3x10-5 e 8,3x10-15, respectively. In this case, Cramer’s V values were 0,20, 0,21 and 0,32. NDVI was the climatic variable with the best results, rejecting the null hypothesis with p-value of 7,8×10-133 and Cramer's V coefficient of 0,52. Therefore, it can be stated that, for the state of Sergipe, NDVI has a higher association with the Monitor categories than the other variables. Since the promotion of a common understanding of the drought situation between the federal and state institutions is one of the MSB's objectives, this work also analyzed the existence of a correlation between Civil Defense emergency decrees with short and long-term impacts of the Monitor. In this case, the Chi-Square test resulted in p-value of 0,09 and Cramer’s V was equal to 0,12, suggesting that there is no association between the MSB maps and emergency decrees. Finally, the main problem identified through the analysis of the forms was the subjectivity in its questions and answers. Thereby, a reformulation of the FMP was proposed, in order to make it more objective. In general, it can be concluded that the Monitor has represented the state of Sergipe with low efficiency, requiring adjustments and improvements, due to its growing importance as a decision support tool.
Keywords: Engenharia civil
Secas
Monitoramento
Gestão de secas
Políticas públicas
Monitoring
Drought management
Public policy
Subject CNPQ: ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Program Affiliation: Pós-Graduação em Engenharia Civil
Citation: SANTOS, Kelly Marina Silva. Avaliação da eficiência do monitor de secas para definição de secas em Sergipe. 2020. 147 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) – Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2020.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/13618
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KELLY_MARINA_SILVA_SANTOS.pdf5,49 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.