Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/13810
Document Type: Trabalhos em Eventos
Title: Precarização do trabalho: perspectivas liberais e social-protecionistas na voz de profissionais de diversas áreas
Authors: Araújo, Marley Rosana Melo de
Silva, Simone Souza
Batista, Karen
Divino, Pedro Henrique Reis
Issue Date: Oct-2020
Resumo : O trabalho consiste âmbito essencial da vida, atuando no desenvolvimento pessoal e social, colaborando para a manutenção da saúde e suprimento das necessidades básicas dos indivíduos. A precarização está atrelada às más condições estruturais no trabalho, às remunerações inadequadas, aos cortes em direitos trabalhistas básicos, à flexibilização e informalidade, entre outras idiossincrasias que fogem à lógica de trabalho decente. Este estudo objetivou caracterizar os aspectos que definem a precarização do trabalho pela ótica de diferentes profissionais, distribuídos em um continuum de perspectivas que vai desde uma visão liberal em relação ao trabalho, até uma visão social-protecionista. Trata-se de uma pesquisa de caráter qualitativo, com aplicação da técnica de entrevista semiestruturada, empregada em empresários, administradores, economistas, advogados trabalhistas, sociólogos e sindicalistas. Como resultado da análise de conteúdo temática empreendida sobre os dados, surgiram cinco categorias analíticas: 1) Trabalho ideal; 2) Indícios da precarização do trabalho; 3) Causas da precarização do trabalho; 4) Consequências da precarização do trabalho; 5) Contextos sociais da precarização do trabalho. Percebeu-se que os profissionais de viés liberal observam a precarização do trabalho como uma inevitável consequência das condições econômicas do mercado. Já os profissionais de viés protecionista compreendem esse fenômeno através de um leque de fatores, que vai desde a retirada de direitos trabalhistas, até a dificuldade dos sujeitos em adequar suas necessidades pessoais às condições do trabalho. As variadas maneiras como profissionais, que assumem posições estratégicas nas relações produtivas, entendem trabalho e precarização, colabora para orientar suas práticas e propagar visões levemente a acentuadamente antagônicas.
Keywords: Precarização do trabalho
Perspectiva liberal
Perspectiva social-protecionista
Sociologia
Is part of: Anais do III Seminário Nacional de Sociologia: Distopias dos extremos: sociologias necessárias
Language: por
Institution: Programa de Pós-Graduação em Sociologia - Universidade Federal de Sergipe (PPGS/UFS)
Citation: ARAÚJO, M. R. M. et al. Precarização do trabalho: perspectivas liberais e social-protecionistas na voz de profissionais de diversas áreas. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE SOCIOLOGIA DA UFS, 3., 2020, São Cristóvão, SE. Anais [...]. São Cristóvão, SE: PPGS/UFS, 2020.
License: Autorização para publicação no Repositório Institucional da Universidade Federal de Sergipe (RIUFS) concedida pelos editores.
URI: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/13810
Appears in Collections:GT 05 – Precarização: transformações e crises nas relações sociais do trabalho

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PrecarizacaoTrabalhoPerspectivas.pdf340,94 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.