Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/15973
Document Type: Monografia
Title: Condenação de vísceras bovinas no Frigoserrano em Itabaiana, Sergipe
Authors: Santos, Carla Moniele dos
Issue Date: 20-Jun-2022
Advisor: Vale, Patrícia de Azevedo Castelo Branco do
Resumo : A condenação de vísceras bovinas ainda é comum nos frigoríficos brasileiros e está entre as principais causas de perdas. A produção de vísceras de boa qualidade depende, entre outros fatores, das técnicas adotadas na fazenda e no frigorifico, no pré-abate e no abate. A identificação das causas de condenação é importante, pois, fornece suporte para melhorias no processo produtivo, auxiliando na redução de perdas. O presente estudo teve por objetivo identificar e avaliar as principais causas e frequências de condenações de vísceras de bovinos abatidos em frigorífico localizado em Itabaiana, Sergipe. Para o levantamento das causas de condenações de vísceras bovinas, foram consultados relatórios mensais fornecidos pelo frigorífico, no período de setembro de 2021 a março de 2022. Dentre as vísceras avaliadas, os rins apresentaram maior índice de condenação (32,68%), seguido pelos pulmões (24,45%), baço (22,19%), fígado (7,04%), coração (1,64%) e mocotó (12,00%). Entre as principais causas de condenação estão nefrose (rins, 50,94%), bronquite (pulmão, 37,48%), congestão (baço, 82,77%), abscesso (fígado, 97,24%), pericardite (coração, 61,39%) e pododermatite (mocotó, 85,43%). Essas lesões, em sua totalidade, estão relacionadas a falhas de manejo durante a criação e do manejo do pré abate dos bovinos. Por fim, as informações e tomadas de decisões através da inspeção sanitária devem priorizar o controle e prevenção de doenças que podem ser transmitidas ao consumidor pelo alimento.
Abstract: The condemnation of bovine viscera is still common in brazilian slaughterhouses and it’s among the main causes of losses. The production of good quality offal depends, among other factors, on the techniques adopted in farm, pre-slaughter and at slaughter. The identification of causes of condemnation is important, as it provides support for improvements in the production process, helping to reduce losses. The present study aimed to identify and evaluate the main causes and frequencies of condemnation of the viscera of cattle slaughtered in a slaughterhouse located in Itabaiana, Sergipe. To survey the causes of condemnation of bovine viscera, monthly reports provided by the slaughterhouse were consulted, from September 2021 to March 2022. Among the evaluated viscera, the kidneys had the highest condemnation rate (32.68%), followed by through the lungs (24.45%), spleen (22.19%), liver (7.04%), heart (1.64%) and “mocotó” (12.00%). Among the main causes of conviction are nephrosis (kidneys, 50.94%), bronchitis (lung, 37.48%), congestion (spleen, 82.77%), abscess (liver, 97.24%), pericarditis (heart , 61.39%) and pododermatitis (“mocotó”, 85.43%). These lesions, in their entirety, are related to management failures during cattle rearing. Finally, information and decision-making through sanitary inspection should prioritize the control and prevention of diseases that can be transmitted to the consumer by food.
Keywords: Zootecnia
Animal de corte - Gado
Manejo produtivo
Segurança alimentar
Food safety
Productive management
Sanitary inspection
Subject CNPQ: CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Department: NZOS - Núcleo de Graduação em Zootecnia – Nossa Senhora da Glória - Presencial
Citation: SANTOS, Carla Moniele dos. Condenação de vísceras bovinas no Frigoserrano em Itabaiana, Sergipe. 2022. 20 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal de Sergipe, Nossa Senhora da Glória, SE, 2022.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/15973
Appears in Collections:Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carla_Moniele_Santos.pdf283,64 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.