Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/1607
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSantos, Bartira Telles Pereira-
dc.date.accessioned2016-01-28T12:41:59Z-
dc.date.available2016-01-28T12:41:59Z-
dc.date.issued2007-
dc.identifier.citationSANTOS, B. T. P. A religião como fundamento na escola pública: um estudo sobre a inserção da Igreja Universal do Reino de Deus em escolas públicas soteropolitanas. 2007. 123 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2007. Disponível em: <https://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/11810>. Acesso em: 28 jan. 2016.pt_BR
dc.identifier.urihttps://ri.ufs.br/handle/riufs/1607-
dc.description.abstractEsta dissertação apresenta como objeto o entrecruzamento das rotinas escolares, em escolas públicas de nível fundamental, situadas na periferia da cidade de Salvador, com as rotinas da Igreja Universal do Reino de Deus. Neste particular, investiu-se na analise dos efeitos da expansão da vivência de fé evangélica em escolas públicas soteropolitanas através de investigação sobre os modos através dos quais as crenças morais e espirituais de funcionários da escola foram traduzidas em práticas pedagógicas. Na abordagem do tema consideramos como referencial teórico o Materialismo Histórico Dialético, como metodologia o estudo de caso e como questões norteadoras: É possível estabelecer alguma relação entre o acirramento da contradição sagrado versus secular na escola pública, traduzida no profundo entrelaçamento entre as rotinas escolares e as rotinas da igreja, e a ascensão do pós-modernismo visto como a lógica cultural do capitalismo avançado? Em que medida o ceticismo epistemológico, característico das correntes pós-modernas, passam a legitimar o uso do argumento religioso em sala de aula ao propugnarem a trivialidade da questão do conhecimento e da verdade? No decorrer da dissertação buscamos apontar algumas das principais mediações que caracterizam o recrudescimento da contradição sagrado versus secular na escola pública. Como resultado, chegamos à conclusão de que uma série de processos conjugados e paralelos configura a tessitura da problemática por nós analisada, assim, na esfera social, a partir de uma análise marxiana das relações entre religião e sociedade, identificamos que o ressurgimento da religião, e em especial, da religião de resultado, apresenta-se como um espelhamento dialético do aprofundamento de uma realidade objetiva excludente, geradora de insegurança, individualismo e alienação, ademais, na esfera político-ideológica, constatamos a permanência da religiosidade imiscuindo-se nos assuntos seculares e na relação do Estado brasileiro com os cidadãos, ao passo que, acrescida a esta constatação chegamos à conclusão segundo a qual formas antigas de poder (costumes) infiltram-se nas instituições (ordem legal), não como simples elementos anacrônicos, mas como funcionais a certas formas de dominação.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEscola públicapt_BR
dc.subjectIgreja Universal do Reino de Deuspt_BR
dc.subjectPós-modernidadept_BR
dc.subjectPublic schoolpt_BR
dc.subjectPost-modernismpt_BR
dc.titleA religião como fundamento na escola pública: um estudo sobre a inserção da Igreja Universal do Reino de Deus em escolas públicas soteropolitanaspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.leaderRosa, Dora Lealpt_BR
dc.identifier.licenseDireitos autorais pertencentes ao(s) autor(es)pt_BR
Appears in Collections:DED - Departamento de Educação - Teses e Dissertações defendidas em outras instituições

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ReligiaoEscolaIgreja.pdf978,32 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.