Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4999
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorRibeiro, Aline de Oliveira-
dc.date.accessioned2017-09-26T18:02:24Z-
dc.date.available2017-09-26T18:02:24Z-
dc.date.issued2016-02-22-
dc.identifier.citationRibeiro, Aline de Oliveira. Inserção e desenvolvimento da especialização em enfermagem obstétrica no estado de Sergipe : narrativas históricas. 2016. 74 f. Dissertação (Pós-Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2016.por
dc.identifier.urihttps://ri.ufs.br/handle/riufs/4999-
dc.description.abstractNão informado.eng
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Sergipepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEnfermagem Obstétricapor
dc.subjectEducaçãopor
dc.subjectEnsinopor
dc.subjectPós-graduaçãopor
dc.subjectHistóriapor
dc.subjectEspecialização em Enfermagem Obstétricapor
dc.subjectEnfermeiros obstétricospor
dc.subjectHistória oral temáticapor
dc.titleInserção e desenvolvimento da especialização em enfermagem obstétrica no estado de Sergipe : narrativas históricaspor
dc.typeDissertaçãopor
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6453568628739295por
dc.contributor.advisor1Mattos, Maria Cláudia Tavares de-
dc.description.resumoprocesso de inserção, formação, consolidação e desenvolvimento da especialização em Enfermagem Obstétrica no estado de Sergipe.Percurso metodológico: trata-se de uma pesquisa descritiva, de abordagem qualitativa cujas narrativas foram obtidas pelo método da História Oral Temática (HOT) entre os meses de fevereiro e maio de 2015. Foram depoentes deste estudo 37 Enfermeiros Obstétricos (EO). O recorte temporal compreendeu o período entre os anos de 2001 e 2014 e o recorte espacial abrangeu maternidades de caráter público, privado e filantrópico, Instituições de Ensino Superior(IES) e equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF).Resultados: os achados revelaram que o ano de 2001 inaugurou o primeiro curso de especialização em Enfermagem Obstétrica neste estado, numa parceria entre a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e o Ministério da Saúde (MS). Esse curso continuou a ser ofertado regularmente pela Universidade Tiradentes (UNIT) a partir do ano de 2006 e a partir do ano de 2013 o Hospital Universitário (HU)/UFS passou a ofertá-lo na modalidade de Residência. Foram encontrados EO atuantes na assistência tanto nas consultas de pré-natal quanto nas maternidades; à frente da gestão de maternidades e programas ligados à área Obstétrica e da Saúde da Mulher e na docência de cursos de Graduação em Enfermagem nas disciplinas relacionadas a essas áreas. Os resultados apontaram ainda que a inserção do EO nesses distintos serviços e a consequente possibilidade de atuação com enfoque nas práticas assistenciais obstétricas provocou mudanças favoráveis, que se refletem, sobretudo, na qualidade da assistência ofertada. Desafios ainda se apresentam à plena atuação desses profissionais tendo destaque para o acúmulo de atribuições assistenciais e burocrático-administrativas, para a perpetuação, em alguns espaços, da hegemonia médica e para a estrutura insatisfatória, tanto física quanto operacional, de alguns serviços. O crescimento numérico e qualitativo dessa categoria levou muitos dos seus representantes a se organizarem profissionalmente, fato que culminou na criação da Associação Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstétricos (ABENFO) secção Sergipe no final do ano de 2014.Considerações finais:desde o ano de 2008 portarias ministeriais têm sido criadas favorecendo a expansão da Enfermagem Obstétrica no cenário nacional. Esta pesquisa revelou que o estado de Sergipe também apresentou avanços na atuação e fortalecimento dessa categoria. Espera-se que os resultados aqui apresentados possam contribuir tanto para a divulgação desses novos modos de assistir ao parto com enfoque no protagonismo do EO quanto para subsidiar as lutas dessa categoria na busca de novos espaços de atuação. Pretende-se ainda, com esse tipo de pesquisa, contribuir para a História da Enfermagem e da Obstetrícia.por
dc.publisher.programPós-Graduação em Enfermagempor
dc.subject.cnpqCIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEMpor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSpor
Aparece nas coleções:Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ALINE_OLIVEIRA_RIBEIRO.pdf952,59 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.