Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5404
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMelo, Alice Maria Queiroz de-
dc.date.accessioned2017-09-26T18:35:35Z-
dc.date.available2017-09-26T18:35:35Z-
dc.date.issued2017-02-22-
dc.identifier.citationMELO, Alice Maria Queiroz de. Idades U-Pb de zircão detríticos e suas implicações na proveniência de sedimentos da porção inferior da formação Penedo, bacia de Sergipe-Alagoas, NE Brasil. 2017. 55 f. Dissertação (Pós-Graduação em Geociências e Análise de Bacias) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2017.por
dc.identifier.urihttps://ri.ufs.br/handle/riufs/5404-
dc.description.abstractAmong the several techniques used for provenance studies, the geochronological analysis associated to paleocurrent survey has presented excellent results. Therefore, this study aimed to identifying the sources of the sandstone at the outcrop that gave name to the Penedo Formation, inserted in the Sergipe-Alagoas Basin. This outcrop is located at Penedo’s city, state of Alagoas, northeast of Brazil. The methodology consisted of a continuous bibliographical survey; field work for sample collection and paleocurrent analysis; preparation of samples for concentration of the detrital zircon crystals; chemical-isotopic determination of the crystals with the U-Pb dating, by Laser Ablation Mass Spectrometer (LA-ICP-MS); data processing and the elaboration of this dissertation. The sedimentary record of paleocurrents indicated a contribution coming from north, while the analyzed crystals indicated ages ranging from Mesoarchean (3,098 ± 33 Ma) to Paleozoic (530 ± 12 Ma). This set of ages is related to five groups of sources: Neoproterozoic granites related to the Brasiliano cycle; Mesoproterozoic rocks of the Cabrobró Complex; rocks of the Paleoproterozoic basement coming from the Arapiraca Complex; and finally, rocks of Neo and Mesoarquean ages from rocks of the “Domo Jirau do Ponciano”, south of Alagoas state. Further work with the chemical characterization of zircon crystals of various igneous lithotypes (presented in this dissertation in the form of annex), indicated that these crystals of the Penedo Formation were largely provided from basic igneous or mantle affinity rocks, which ratifies the sources identified here by geocrology and paleocurrent analysis.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPESpor
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Sergipepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectGeociênciaspor
dc.subjectGeocronologiapor
dc.subjectQuímica mineralógicapor
dc.subjectBacias (Geologia)por
dc.subjectAnálise de proveniênciapor
dc.subjectDatação U-Pbpor
dc.subjectLA-ICP-MSpor
dc.subjectFormação Penedopor
dc.subjectBacia de Sergipe-Alagoaspor
dc.subjectProvenance analysiseng
dc.subjectU-Pb datingeng
dc.subjectPenedo formationeng
dc.subjectBasin of Sergipe-Alagoaspor
dc.titleIdades U-Pb de zircão detríticos e suas implicações na proveniência de sedimentos da porção inferior da formação Penedo, bacia de Sergipe-Alagoas, NE Brasilpor
dc.typeDissertaçãopor
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7885817224106515por
dc.contributor.advisor1Rosa, Maria de Lourdes da Silva-
dc.description.resumoDentre as diversas técnicas empregadas para estudos de proveniência, a análise geocronológica aliada ao levantamento de paleocorrentes tem se destacado com excelentes resultados. Esta pesquisa teve o objetivo de identificar as fontes dos arenitos da seção aflorante que deu nome à Formação Penedo, inserida na Bacia de Sergipe-Alagoas. Este afloramento localiza-se na cidade de Penedo, estado de Alagoas, nordeste do Brasil. A metodologia de trabalho constituiu de levantamento bibliográfico contínuo; missões de campo para coleta de amostra e levantamento de paleocorrentes; preparação das amostras para concentração dos cristais de zircão detríticos; determinação química-isotópica dos cristais com a datação U-Pb, por meio de Espectrometria de Massa por Ablação a Laser (LA-ICP-MS); tratamento de dados e elaboração desta dissertação. O registro sedimentar de paleocorrentes indicaram aporte vindo de norte, enquanto os cristais analisados indicaram idades variando do Mesoarqueano (3.098 ± 33 Ma) ao Paleozóico (530 ± 12 Ma). Este conjunto de idades está relacionado a cinco grupos de fontes: granitos neoproterozóicos relacionados ao ciclo Brasiliano; rochas mesoproterozóicas do Complexo Cabrobró; rochas do embasamento paleoproterozóico provindas do Complexo Arapiraca; e por fim, rochas de idades neo e mesoarqueanas provenientes do Domo Jirau do Ponciano, sul do estado de Alagoas. Trabalho complementar sobre a caracterização química de cristais de zircões de diversos litotipos ígneos (apresentados nesta dissertação na forma de anexo), indicaram que estes cristais da Formação Penedo eram em grande parte oriundos de rochas ígneas básicas ou com afinidade mantélica, ratificando as fontes aqui indentificadas por meio de geocrologia e paleocorrente.por
dc.publisher.programPós-Graduação em Geociências e Análise de Baciaspor
dc.subject.cnpqCIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIASpor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFSpor
dc.contributor.advisor-co1Conceição, Herbet-
Appears in Collections:Mestrado em Geociências e Analise de Bacias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ALICE_MARIA_QUEIROZ_MELO.pdf5,05 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.