Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7175
Tipo de Documento: Dissertação
Título: Evidência clínica do uso de métodos profiláticos orais relacionados a pneumonia associada à ventilação mecânica
Título(s) alternativo(s): Clinical evidence of oral prophylactic methods related to ventilator-associated pneumonia
Autor(es): Nascimento, Emmeline Bastos Ferreira do
Data do documento: 23-Ago-2017
Orientador: Mendonça, Adriano Augusto Melo de
Resumo: A pneumonia associada à ventilação mecânica (PAVM) é definida como a pneumonia que se desenvolve 48 horas a partir do início da ventilação mecânica invasiva, sendo considerada até 48 horas após a extubação. Os pacientes em uso do tubo orotraqueal (TOT) apresentam déficit para o autocuidado, exibindo maiorsusceptibilidade ao acúmulo de biofilme na cavidade bucal favorecendo a incidência das pneumonias nosocomiais em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Assim, este trabalho teve como objetivo realizar uma revisão sistemática sobre os principais métodos profiláticos orais utilizados na prevenção da PAVM. As fontes de busca foram as bases PubMed, Scopus e Cochrane de 23 de maio de 2017 até 26 de maio do corrente ano. Os estudos selecionados avaliaram a eficácia dos antimicrobianos orais em pacientes sob ventilação mecânica em ensaios clínicos randomizados controlados (ECRC) de acordo com os critérios de inclusão. Os trabalhos que apresentaram temas não relacionados ao estabelecido, estudos com animais, patentes e revisões sistemáticas foram excluídos do processo. Após análise dos dados os artigos foram classificados quanto ao nível de evidência. Os resultados mostraram que dos 503 resumos encontrados, destes, 15 artigos contemplaram os critérios da revisão. Os estudos selecionados apontaram como métodos profiláticos orais utilizados nos ECRC: a clorexidina, Listerine, iodo-povidine e ceftazidima. Foi observado nos 15 artigos elegidos que 8 apresentaram resultados não satisfatórios para a redução da PAVM. Nesta perspectiva, os métodos profiláticos orais aplicados nos pacientes admitidos na UTI encontrados nos ensaios clínicos não foram favoráveis à redução dos índices de PAVM.
Abstract: Mechanical ventilation pneumonia (VAP) is defined as pneumonia that develops 48 hours after the beginning of invasive mechanical ventilation, and is considered up to 48 hours after extubation. Patients using the orotracheal tube (TOT) presented a deficit for self-care, showing a greater susceptibility to biofilm accumulation in the buccal cavity, favoring the incidence of nosocomial pneumonia in the Intensive Care Unit (ICU). Thus, this study aimed to carry out a systematic review on the main oral prophylactic methods used in the prevention of VAP. Search sources were PubMed, Scopus and Cochrane databases from May 23, 2017 through May 26 of this year. The selected studies evaluated the efficacy of oral antimicrobials in mechanically ventilated patients in controlled randomized controlled trials (RCTs) according to inclusion criteria. Papers presenting non-established themes, animal studies, patents and systematic reviews were excluded from the process. After analyzing the data, the articles were classified according to the level of evidence. The results showed that of the 503 abstracts found, of these, 15 articles included the review criteria. The selected studies indicated as prophylactic oral methods used in ECRC: chlorhexidine, Listerine, iodo-povidine and ceftazidime. It was observed in the 15 chosen articles that 8 presented unsatisfactory results for the reduction of VAP. In this perspective, the oral prophylactic methods applied in patients admitted to the ICU found in clinical trials were not favorable to the reduction of VAP indexes.
Palavras-chave: Pneumonia
Clorexidina
Listerine
Iodo-povidine
Antibiótico profilaxia
Evidência clínica
Mechanical ventilation
Prophylaxi
Clinical evidence
área CNPQ: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Ciências Aplicadas à Saúde
Citação: NASCIMENTO, Emmeline Bastos Ferreira do. Evidência clínica do uso de métodos profiláticos orais relacionados a pneumonia associada à ventilação mecânica. Lagarto, SE, 2017. 63 f.Dissertação (Mestrado em Ciências Aplicadas à Saúde) - Universidade Federal de Sergipe, Lagarto, 2017
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7175
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciências Aplicadas à Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EMMELINE-BASTOS_FERREIRA_DO_NASCIMENTO.pdf1,18 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.