Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7259
Tipo de Documento: Artigo
Título: Diversidade de carnívoros (Mammalia: Carnivora) da Serra dos Macacos, Tobias Barreto, Sergipe
Título(s) alternativo(s): Diversity of carnivores (Mammalia: Carnivora) in the Serra dos Macacos, Sergipe
Autor(es): Dias, Douglas de Matos
Ribeiro, Adauto de Souza
Bocchiglieri, Adriana
Pereira, Taiguã Corrêa
Data do documento: Ago-2014
Resumo: A redução dos habitats dos carnívoros que necessitam de grandes áreas de vida tem ameaçado seriamente muitas espécies em todo o planeta, cujas causas estão relacionadas, quase sempre, às atividades antrópicas. Nesse sentido, esforços de pesquisa de campo são imprescindíveis, de modo a contribuir com informações sobre ocorrência e estado de conservação das espécies. Este estudo teve como objetivo inventariar a fauna de carnívoros da Serra dos Macacos em Tobias Barreto/SE. Entre outubro de 2010 e agosto de 2011, os carnívoros foram registrados através de 20 armadilhas de pegadas de 1m² cada, dispostas ao longo de quatro transectos. Cada transecto era composto por cinco armadilhas equidistantes 20 m, que permaneciam iscadas durante duas noites consecutivas por campanha. A busca direta por vestígios ocorreu percorrendo-se aleatoriamente trilhas e estradas, cujos percursos variaram entre 1200 m e 12 km e entrevistas foram realizadas com 30 moradores locais. Foram registradas oito espécies de carnívoros: Cerdocyon thous, Procyon cancrivorus, Conepatus semistriatus, Galictis cuja, Eira barbara, Leopardus pardalis, Puma yagouaroundi e Leopardus spp. No total foram obtidos 42 registros de carnívoros, sendo 14 pelas armadilhas de pegada e 28 pela busca por vestígios, resultando em cinco espécies registradas por ambos os métodos e estimada 5,9 ± 0,9 pelo Jackknife 1. Não houve diferença no número de registros entre as estações seca e chuvosa (t = -1,1767; p = 0,4532). As três espécies mais abundantes (P. cancrivorus, C. thous e C. semistriatus) corresponderam a cerca de 88% dos registros obtidos, enquanto os felinos foram menos abundantes. Acredita-se que os fragmentos florestais da Serra dos Macacos sejam mantenedores da diversidade observada, proporcionando abrigo e outros recursos, mas que estão seriamente ameaçados devido à ação antrópica.
Abstract: The worldwide anthropogenic reduction of the habitat available to carnivores that depend on large home ranges has seriously threatened many species. In this context, reliable data on the occurrence and abundance of species are vital to conservation efforts. This study inventoried the carnivore fauna of the Serra dos Macacos in Tobias Barreto, Sergipe (Brazil). Between October 2010 and August 2011, carnivores were recorded using 20 track plots each measuring 1m², arranged along four transects. Each transect was composed of five traps 20 m apart, which were baited on two consecutive nights during each field campaign. Vestiges were also identified during active searches of existing trails and roads with lengths ranging from 1200 m to 12 km and additional information was collected in interviews with 30 local residents. Eight carnivore species were recorded: Cerdocyon thous, Procyon cancrivorus, Conepatus semistriatus, Galictis cuja, Eira barbara, Leopardus pardalis, Puma yagouaroundi and Leopardus sp. A total 42 records were obtained, 14 in the track plots and 28 in the active search for vestiges, with five species being recorded by each method and a total of estimated 5.9±0.9 being estimated by the Jackknife 1. There was no difference in the number of records between the dry and rainy seasons (t = -1,1767; p = 0,4532). The three most abundant species (P. cancrivorus, C. thous, and C. semistriatus) corresponded to approximately 88% of the records, while the felines were less abundant. It is believed that the forest fragments at Serra dos Macacos contribute to the maintenance of local diversity carnivore diversity by providing shelter and other resources, although these habitats are seriously threatened by ongoing human activities.
Palavras-chave: Ecologia
Carnívoros
Serra dos Macacos (SE)
Armadilhas de pegada
Caatinga
Entrevistas
Track plots
Interviews
ISSN: 1981-3163
Parte de : Bioscience Journal
Idioma: por
Instituição/Editora: Universidade Federal de Uberlândia
Citação: DIAS, D. M. et al. Diversidade de carnívoros (Mammalia: Carnivora) da Serra dos Macacos, Tobias Barreto, Sergipe. Bioscience Journal, Uberlândia, v. 30, n. 4, p. 1192-1204, jul./ago. 2014. Disponível em: <http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/22591/14769>. Acesso em: 28 jan. 2018.
Licença: Creative Commons Atribuição-Não Comercial-Sem Derivados 3.0 Não Adaptada (CC BY-NC-ND 3.0).
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7259
Aparece nas coleções:DECO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DiversidadeCarnivorosMammalia.pdf246,78 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.