Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7563
Tipo de Documento: Monografia
Título: Estresse, síndrome de burnout e qualidade de vida em estudantes de medicina que utilizam metodologia ativa de ensino-aprendizagem: um estudo transversal
Título(s) alternativo(s): Stress, burnout syndrome and quality of life in medical students using active teaching-learning methodology: a cross-sectional study
Autor(es): Oliveira, Ana Beatriz Dantas de
Data do documento: 7-Fev-2018
Orientador: Vaez, Andreia Centenaro
Resumo: Estudo frequente, provas, participação em atividades obrigatórias e extracurriculares, carga horária extensa, pressão acadêmica e o lidar constante com a morte são algumas situações encaradas pelo estudante de medicina em seu dia-a-dia. Elas são consideradas estressoras a partir do momento que o aluno apresenta dificuldade em enfrentá-las. No âmbito acadêmico e profissional a exposição crônica ao estresse pode gerar a Síndrome de Burnout, além de prejuízo na qualidade de vida (QV). Os objetivos deste estudo foram: (1) avaliar a presença do estresse, Síndrome de Burnout (SB) e a condição da qualidade de vida (QV) dos estudantes de medicina que utilizam metodologia ativa de ensino-aprendizagem; e (2) descrever os fatores associados com a alteração da qualidade de vida. Trata-se de um estudo observacional e transversal com abordagem descritiva e quantitativa que tem como universo de pesquisa o Campus Universitário Profº Antônio Garcia Filho, o qual utiliza a Aprendizagem Baseada em Problemas como metodologia de ensino-aprendizagem. A amostra foi não probabilística por conveniência, constituída por 143 estudantes. Foram aplicados os questionários de caracterização do perfil sociodemoráfico, o Perceived Stress Scale, o Maslach Burnout Inventory – Student Survey e o World Health Organization´s Quality of Life (WHOQOL-bref) Observou-se uma alta percepção do 28 estresse na amostra. No que se refere ao Burnout os três domínios mostraram-se alterados. Houve uma alta percepção de exaustão emocional e descrença, e baixa no tangente à eficácia profissional. Os fatores associados com a QV ruim foram os domínios do WHOQOL-bref relacionados ao meio ambiente e às relações sociais. O estresse percebido aumentou em 6,2 vezes a chance dos estudantes apresentarem o desfecho de QV ruim. O MBI-SS apresentou a dimensão da exaustão emocional como principal fator. As variáveis relacionadas ao comportamento de saúde e atividades da universidade não se associaram como fator de risco para QV de ruim. Este estudo identificou a presença de estresse e alterações nos domínios da Síndrome de Burnout que se associaram significativamente como fatores de risco para a alteração na QV dos estudantes de medicina que utilizam metodologias ativas. Identificou-se que outros aspectos não relacionados ao estresse e a SB, como ineficiência de transporte público e insegurança podem ter contribuído para tal resultado.
Abstract: Frequent study, tests, participation in compulsory and extracurricular activities, extensive workload, academic pressure, and the constant dealing with death are some situations faced by the medical student in his or her daily life. From the moment the student presents difficulties to overcome them, they are considered stressful. In the academic and professional context, chronic exposure to stress can generate Burnout Syndrome, as well as impairment of quality of life (QoL). The objectives of this study were: (1) to evaluate the presence of stress, Burnout Syndrome (BS) and quality of life (QoL) condition of medical students using active teaching-learning methodology; and (2) describe the factors associated with altered quality of life. This is an observacional and cross-sectional study with a descriptive and quantitative approach that has as a research universe the University Campus Profº Antônio Garcia Filho, which uses Problem-Based Learning as a teaching-learning methodology. Conveniently, a non-probabilistic sample of 143 students was chosen. The sociodemographic profile characterization questionnaires, the Perceived Stress Scale, the Maslach Burnout Inventory - Student Survey and the World Health Organization's Quality of Life (WHOQoL-bref) were applied. There was a high perception of stress in the sample. Regarding Burnout, the three domains were altered. There was a high perception of emotional exhaustion and disbelief in themselves, and low in relation to professional effectiveness. The factors associated with poor QoL were the WHOQOL-bref domains related to the environment and social relationships. Perceived stress increased by 6.2 times the chance of students having a poor QoL outcome. MBI-SS presented the dimension of emotional exhaustion as the main factor. The variables related to health behavior and university activities were not associated as a risk factor for poor QoL. This 29 study identified the presence of stress and changes in the domains of Burnout Syndrome that were significantly associated as risk factors for the change in QoL of medical students using active methodologies. It was identified that other aspects not related to stress and BS, such as public transport inefficiency and insecurity, may have contributed to this result.
Palavras-chave: Medicina
Saúde
Qualidade de vida
Educação médica
Aprendizagem baseada em problemas
Stress ocupacional
Medicine
Quality of life
Medical Education
Problem-based learning
área CNPQ: CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Departamento: DME - Departamento de Medicina – Aracaju - Presencial
Citação: OLIVEIRA, Ana Beatriz Dantas de. Estresse, síndrome de burnout e qualidade de vida em estudantes de medicina que utilizam metodologia ativa de ensino-aprendizagem : um estudo transversal. Aracaju, SE, 2018. Monografia (Graduação em Medicina) - Departamento de Medicina, Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, 2018.
OLIVEIRA, Ana Beatriz Dantas de. Estresse, síndrome de burnout e qualidade de vida em estudantes de medicina que utilizam metodologia ativa de ensino-aprendizagem : um estudo transversal. Aracaju, SE, 2018. Monografia (Graduação em Medicina) - Departamento de Medicina, Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, 2018.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7563
Aparece nas coleções:Medicina

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ana_Beatriz_Dantas _Oliveira.pdf883,42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.