Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7931
Document Type: Tese
Title: (Re)invenção do turismo de base comunitária no litoral sul sergipano : turismo e economia criativa como elos de gestão participativa
Authors: Alexandre, Lilian Maria de Mesquita
Issue Date: 6-Feb-2018
Advisor: Araújo, Hélio Mário de
Resumo : O turismo é um fenômeno social, complexo e diversificado tanto que, devido a sua abrangência, hoje não se idealiza apenas como atividade de lazer, mas também permite a inserção de novas formas de analisá-lo, mobilizando pessoas pelos mais variados motivos, para os mais diversos destinos. A compreensão de que ele se baseia em um sistema complexo, integrado e dinâmico é necessário para refletir novas possibilidades na gestão, onde uma interação não só no âmbito econômico, mas também no social, cultural e ambiental, fortalecem as ações das políticas públicas de turismo. Neste sentido, o desenvolvimento dessa pesquisa visou, em termos gerais, analisar o modelo de desenvolvimento proposto pelo Turismo de Base Comunitária (TBC) junto às comunidades tradicionais do Litoral Sul Sergipano, levando-se em consideração os municípios que fazem parte do Polo Costa dos Coqueirais, a saber: Itaporanga D‟Ajuda, Estância, Santa Luzia do Itanhy e Indiaroba. A pesquisa é de caráter qualitativo, baseado no método fenomenológico, amparado na Teoria da Complexidade de Morin (1985). Para cumprimento dos objetivos específicos, utilizaram-se diferentes procedimentos metodológicos, priorizando a entrevista com os diversos atores sociais locais, a observação direta participante e do registro fotográfico para coleta dos dados e a análise do discurso para a crítica, por meio da categorização de dados que se relacionam com o Turismo Criativo e a Economia Criativa. Os impactos negativos advindos pela falta de controle da ocupação dos espaços, o (des) ordenamento territoriais causados pelas construções de empreendimentos imobiliários (Segunda Residência), o aumento da especulação imobiliária e da violência urbana nessas áreas, mostram algumas consequência dos conflitos gerados por ocupações desordenadas e pela falta de políticas públicas eficientes. É preciso atentar para que a efetivação de políticas públicas municipais tenham na participação dos atores sociais locais (e não só atores públicos e privados), uma construção coletiva e como tal, um novo olhar para o planejamento participativo. Mudanças socioespaciais advindas de ações, principalmente, do PRODETUR (utilizado como política pública federal e estadual) devem ser minimizadas a partir de um planejamento participativo eficiente. Observou-se também, a criação de territórios de poder, refletidos na imposição de empreendedores de fora das localidades, de subempregos gerados e da não empregabilidade dos jovens na chamada “geração de emprego e renda” promovida pelo turismo. Portanto, construir esse novo modelo de gestão a partir do TBC, é construir um modelo de referência para o desenvolvimento turístico local, chegando-se o mais perto possível das premissas da sustentabilidade local, cuidando dos espaços coletivos, do lugar e consequentemente, fazendo emergir um território turístico passível de fomentar inclusão social de qualidade e minimizando os impactos pontuados.
Abstract: Tourism is a social phenomenon, complex and diversified so much that, due to its scope, today is not only idealized as a leisure activity, but also allows the insertion of new ways of analyzing it, mobilizing people for a variety of reasons, for the destinations. The understanding that it is based on a complex, integrated and dynamic system is necessary to reflect new possibilities in the management, where an interaction not only in the economic but also in the social, cultural and environmental spheres, strengthen the actions of tourism public policies . In this sense, the development of this research aimed, in general terms, to analyze the development model proposed by Community Based Tourism (TBC) in the traditional communities of the Sergipano South Coast, taking into account the municipalities that are part of the Costa Coconut trees, namely: Itaporanga D'Ajuda, Estância, Santa Luzia do Itanhy and Indiaroba. The research is qualitative, based on the phenomenological method, supported by Morin's Theory of Complexity (1985). In order to fulfill the specific objectives, different methodological procedures were used, prioritizing the interview with the various local social actors, the participant direct observation and the photographic record for the data collection and the analysis of the discourse for the critic, through the categorization of data which relate to Creative Tourism and the Creative Economy. The negative impacts of the lack of control of the occupation of the spaces, the territorial (dis) ordering caused by the construction of real estate developments (Second Residence), the increase in real estate speculation and urban violence in these areas show some consequence of the conflicts generated by occupations and the lack of efficient public policies. It is necessary to ensure that the implementation of municipal public policies will involve local social actors (and not only public and private actors), a collective construction and as such, a new look at participatory planning. Socio-spatial changes arising from actions, mainly of PRODETUR (used as federal and state public policy) should be minimized through efficient participatory planning. It was also observed the creation of territories of power, reflected in the imposition of entrepreneurs from outside the localities, of underemployment generated and the non-employability of young people in the so-called "employment and income generation" promoted by tourism. Therefore, building this new model of management from the TBC, is to build a reference model for local tourism development, getting as close as possible to the premises of local sustainability, taking care of the collective spaces, the place and consequently, a tourist territory capable of promoting social inclusion of quality and minimizing the punctuated impacts.
Keywords: Geografia
Turismo
Desenvolvimento sustentável
Comunidades
Turismo e Estado
Costa
Sergipe
Portugal
Turismo de base comunitária
Turismo criativo
Litoral sul de Sergipe
Community based tourism
Creative tourism
Southern coast of Sergipe
Subject CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Program Affiliation: Pós-Graduação em Geografia
Citation: ALEXANDRE, Lilian Maria de Mesquita. (Re) invenção do Turismo de Base Comunitária no litoral sul sergipano : turismo e economia criativa como elos de gestão participativa. 2018. 257 f. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2018.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7931
Appears in Collections:Doutorado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LILIAN_MARIA_MESQUITA_ALEXANDRE.pdf11,83 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.