Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8123
Document Type: Tese
Title: Recursos e habitats para conservação do guigó (Callicebus coimbrai) em Sergipe
Other Titles: Resources and habitats for the conservation of coimbras’s titi (Callicebus coimbrai) in Sergipe
Authors: Baião, Sirley Almeida Adelino
Issue Date: 15-Dec-2017
Advisor: Ferrari, Stephen Francis
Resumo : O guigó-de-coimbra, Callicebus coimbrai, é uma espécie de primata endêmica da MataAtlântica do nordeste brasileiro, encontrada somente em Sergipe e no extremo nordeste da Bahia. A espécie tem sido o alvo de esforços de pesquisa e conservação ao longo dos últimos doze anos, integrando pesquisadores e instituições da região. A pesquisa apresentada nesta tese dá continuidade a estes esforços através de três abordagens distintas, mas complementares. A primeira abordagem foi o estudo ecológico no Refúgio de Vida Silvestre Mata do Junco, no município sergipano de Capela, cujos resultados refletem principalmente a resiliência ecológica da espécie frente à fragmentação de habitats. O guigó é uma espécie pouco ativa, que passa a maior parte de seu dia descansando, e predominantemente frugívora, embora a proporção de tempo gasto em forrageio foi maior que na maioria dos estudos anteriores do mesmo grupo, podendo ser relacionado a variação nos procedimentos observacionais. Apesar de alguma variação sazonal significativa na composição da dieta, o comportamento dos membros do grupo de estudo mudou muito pouco entre diferentes períodos do ano, ou mesmo entre anos, na comparação com estudos anteriores. Dois aspectos do comportamento dos animais se destacaram, entretanto. Um foi uma falha no mecanismo de dispersão do grupo natal, que resultou num acasalamento aparentemente endogâmico entre o macho reprodutor residente e sua filha, amadurecida. Este é o segundo caso de endogamia registrado em C. coimbrai, que parece resultar da inflexibilidade da organização social da espécie, frente à fragmentação de habitat, e representa um problema potencialmente grave para a conservação da espécie em longo prazo. Outra novidade foi a predação de cupins (Nasutitermes sp.), que parece refletir a flexibilidade do comportamento de C. combrai e pode representar um aspecto positivo de sua capacidade de lidar com a fragmentação de habitat. Na segunda abordagem, foi revisada o conceito ecológico de espécie/recurso chave, através de uma revisão sistemática da literatura, visando avaliar o potencial para aplicações práticas na conservação de C. combrai. A revisão revelou uma literatura extensa, com crescimento quase exponencial em anos recentes, embora o conceito tem sido aplicado relativamente raramente em estudos de primatas. Junto aos dados acumulados sobre a ecologia da espécie, a discussão do conceito apontou para a extensão de floresta como o recurso chave para a conservação de C. coimbrai. Esta conclusão apoiou a terceira abordagem, que foi uma avaliação do potencial para a implementação de uma rede de corredores ecológicos na área de estudo. A análise identificou três prioridades para a formação de corredores, uma no entorno do RVS Mata do Junco, a segunda no sul da área, e a terceira ligando o refúgio com a AIE Mata do Cipó. A tese oferece valiosos insights para a conservação da espécie em longo prazo, mas frisa a necessidade de esforços integrados de pesquisa e ação prática por parte de órgãos ambientais, instituições de pesquisa e a população local.
Abstract: Coimbra-Filho’s titi monkey, Callicebus coimbrai, is an endemic primate of the Atlantic Forest of the Brazilian Northeast, found only in Sergipe and northern Bahia. The species has been the focus of research and conservation efforts over the past twelve years, which has integrated the region’s scientists and institutions. The study presented here provides continuity, with three distinct, but complementary approaches. The first approach was an ecological study in the Mata do Junco Wildlife Refuge, in the municipality of Capela, in the Brazilian state of Sergipe. The results of this study highlighted the ecological resilience of the species in the face of habitat fragmentation. The titi is relatively inactive, spending most of the day at rest, and is predominantly frugivorous, although the proportion of time spent foraging was higher than in most previous studies of the same group, which may be related to variation in observational procedures. While some significant variation was found in the composition of the diet, the behavior of the members of the study group changed very little between the different periods of the year, or even among years, in comparison with previous years. Two aspects of the behavior of the animals were highlighted, however. One was the breakdown in the dispersal mechanism from the natal group, which apparently resulted in an endogamous mating between the resident reproductive male and its mature daughter. This is the second case of endogamy recorded in C. coimbrai, which may result from the inflexible social organization of the species in the context of habitat fragmentation, and represents a potentially serious problem for the long-term conservation of the species. The second new behavior was the predation of termites (Nasutitermes sp.), which appears to reflect the behavioral flexibility of C. combrai, and may represent a positive feature of the capacity of the species to cope with habitat fragmentation. In the second theme, the ecological concept of keystone species/resources was reviewed through a systematic literature search, which aimed to evaluate the potential practical applications of the concept for the conservation of C. combrai. This review revealed an extensive literature, which has grown almost exponentially in recent years, although the concept has been applied relatively rarely in primate studies. Together with the data accumulated on the ecology of the species, the discussion of the concept indicated that the extension of forest is a keystone resource for the conservation of C. coimbrai. This conclusion supports the third approach, which was an evaluation of the potential for the implementation of a network of ecological corridors in the study area. The analysis identified three priorities for the formation of corridors, one in the buffer zone of the RVS Mata do Junco, the second to the south of the area, and the third linking the refuge to the AIE Mata do Cipó. The thesis provides valuable insights into the long-term conservation of the species, but emphasizes the need for integrated efforts in research and practical action by environmental organs, research institutions, and the local population.
Keywords: Meio ambiente
Primatas
Ecologia
Mata atlântica
Habitat (Ecologia)
Callicebus coimbrai
Conservação
Corredor ecológico
Recurso-chave
Ecology
Atlantic forest
Conservation
Ecological corridor
Keystone resource
Subject CNPQ: OUTROS
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Program Affiliation: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citation: BAIÃO, Sirley Almeida Adelino. Recursos e habitats para conservação do guigó (Callicebus coimbrai) em Sergipe. 2017. 109 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) – Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2017.
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8123
Appears in Collections:Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SIRLEY_ALMEIDA_ADELINO_BAIAO.pdf2,72 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.