Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8223
Tipo de Documento: Monografia
Título: Viabilidade do lixo de formigueiro como substrato para cultivo orgânico de mudas de alface
Autor(es): Santos, Rafaella Santana
Data do documento: 27-Fev-2014
Orientador: Souto, Leandro Sousa
Resumo: O sucesso do sistema de produção orgânica depende do substrato a ser utilizado, pois esse influencia no desenvolvimento inicial da planta. Dessa forma, objetivou-se avaliar o potencia de substratos formulados a partir de lixo de formigueiros para produção de mudas de alface. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, formado por seis tratamentos com 5 repetições, totalizando 180 mudas. Os substratos utilizados foram: substrato base (Casca de Pinus sp. + Fibra de coco ) utilizado como Controle , Húmus + substrato base (1:1); NPK + substrato base (5ml/litro) e lixo de formigueiros + substrato base, nas concentrações de 20% (L20), 30% (L30) e 50% (L50). Foram de terminados os teores de Fósforo (P) e Nitrogênio (N), além do pH das misturas. Aos 21, 28, 35 e 45 dias após a semeadura, foram realizadas avaliações morfológicas e fisiológicas das mudas. Diferenças entre os tratamentos foram analisadas por meio de A NOVA, seguida de teste Tukey (p = 0,05). O substrato L50 apresentou a maior concentração de N e o tratamento L30 o maior teor de P, entretanto, esses tratamentos apresentaram baixo desenvolvimento das mudas e não diferiram do substrato controle. Plantas cultivam das no substrato L50 tiveram alta mortalidade, possivelmente em função do elevado teor de sais no composto. Por outro lado, mudas cultivadas nos substratos L20, Húmus e NPK apresentaram respostas similares em todos os atributos avaliados e características apropriadas para o transplantio. O uso do substrato com lixo de formigas a 20 % (L20) pode ser uma alternativa viável na produção de mudas de alface, proporcionando uma fonte de fácil acesso para pequenos cultivos, uma vez que pode ser obtido na própria área de cultivo orgânico. Um modelo de criação em pequena escala de formigueiros é proposta no presente trabalho.
Palavras-chave: Ecologia
Ensino de ecologia
Ecologia agrícola
Fertilizantes orgânicos
Hotalicias (alface)
área CNPQ: CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA APLICADA
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Departamento: DECO - Departamento de Ecologia – São Cristóvão - Presencial
Citação: SANTOS, Rafaela Santana. Viabilidade do lixo de formigueiro como substrato para cultivo orgânico de mudas de alface. São Cristóvão, SE, 2014. Monografia (Bacharelado em Ecologia) - Departamento de Ecologia, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Sergipe, 2014
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/8223
Aparece nas coleções:Ecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Rafaella_Santana_Santos.pdf1,03 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.