Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/3241
Document Type: Dissertação
Title: Patrimônio arqueológico musealizado em Sergipe : um estudo de caso sobre a relação documentação museológica e informação arqueológica como procedimento essencial de gestão de coleções
Other Titles: Musealized archaeological heritage in Sergipe : a case study on the relationship museology documentation and archaeological information as an essential collections management procedure
Authors: Santos, Heide Roviene Santana dos
Issue Date: 25-Jun-2015
Advisor: Mendonça, Elizabete de Castro
Resumo : O presente estudo trata da gestão do patrimônio arqueológico, especificamente, o gerenciamento de informações referente às coleções que receberam endosso das instituições museológicas vinculadas a Universidade Federal de Sergipe (UFS), a saber: Museu de Arqueologia de Xingó (MAX) e as coleções provenientes do Museu do Homem Sergipano (MUHSE). Ao conceder o endosso institucional aos projetos de arqueologia por contrato, essas instituições tornaram-se responsáveis por vasta quantidade de coleções. Pensando no patrimônio arqueológico como fonte de informação, o objetivo deste trabalho é analisar os mecanismos realizados para o gerenciamento de informações relativas às coleções do campo arqueológico coletadas no âmbito da arqueologia por contrato, e sob a guarda dos museus da Universidade Federal de Sergipe, bem como verificar se estes procedimentos – se é que existem – interagem com as diretrizes das áreas de Arqueologia e Museologia no que tange a gestão de coleções. Diante das coleções sob a guarda da UFS, e da necessidade de realização dos procedimentos de gestão para o patrimônio arqueológico, este estudo parte da premissa que é impreterível a estruturação de mecanismos que permeiem desde o ato de aquisição até a disseminação de informação relativa as coleções. Um planejamento estruturado visa evitar que informações sejam perdidas diante de várias ações que impedem a gestão de coleções, principalmente, durante o “salvamento” arqueológico. Por fim, reflete-se também sobre o papel social das instituições museológicas para o conhecimento das informações no que se refere ao patrimônio arqueológico, ressaltando a necessidade da execução do procedimento de documentação museológica sobre as coleções arqueológicas, tanto pelas instituições museológicas, bem como nos trabalhos de campo. Onde, esses mecanismos de gestão, possibilitarão a disseminação de informações pertencentes a esses bens culturais que são passíveis de serem interpretados como atos e vozes de povos do passado para a compreensão das práticas sociais do presente.
Abstract: This study deals with the archaeological heritage management, specifically the management of information related to collections that received endorsement of museum institutions linked to Federal University of Sergipe (UFS), namely: Archaeology Museum of Xingó (MAX) and collections from Museum of Man of Sergipe (MUHSE). In granting the institutional endorsement to archaeology projects under contract, these institutions became responsible for vast amount of collections. Thinking about the archaeological heritage as a source of information, the objective of this study is to analyze the mechanisms made for information management concerning the collections of archaeological field collected under contract archaeology, and under the custody of museums in the Federal University of Sergipe, as well how to check if these procedures - if any - interact with the guidelines of the areas of Archaeology and Museology in relation to collections management. In front of the collections in the custody of the UFS, and the need for realization of management procedures for the archaeological heritage, this study assumes that it is imperative structuring mechanisms that permeate from the act of acquisition to the dissemination of information collections. This planning will be more complicated under the absence of several actions that prevent the collections management, especially if it occurs during the archaeological “rescue”. Lastly, the social role of museum institutions for knowledge of information in relation with archaeological heritage is consider, highlighting the necessity of implementing the museum documentation procedure on the archaeological collections, both by museum institutions as in field work, where these management mechanisms will enable the dissemination of information belonging to these cultural objects that are liable to be interpreted as acts and voices of past people to understand the social practices of present.
Keywords: Patrimônio arqueológico
Gestão de coleções
Documentação museológica
Disseminação de informação
Museus da Universidade Federal de Sergipe
Archaeological heritage
Collections management
Museology documentation
Dissemination of information
Museum of the Federal University of Sergipe
Subject CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::ARQUEOLOGIA
Sponsorship: Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq
Language: por
Country: Brasil
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Arqueologia
Citation: Santos, Heide Roviene Santana dos. Patrimônio arqueológico musealizado em Sergipe : um estudo de caso sobre a relação documentação museológica e informação arqueológica como procedimento essencial de gestão de coleções. 2015. 140 f. Dissertação (Pós-Graduação em Arqueologia) - Universidade Federal de Sergipe, Laranjeiras, 2015.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/3241
Appears in Collections:Mestrado em Arqueologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HEIDE_ROVIENE_SANTANA_SANTOS.pdf1,44 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.