Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/3967
Document Type: Dissertação
Title: Efeito da fototerapia laser na percepção álgica, no medo do movimento e na qualidade de vida de sujeitos com dor miofascial associada à fibromialgia
Authors: Rodrigues, Layana Fontes de Brito
Issue Date: 5-Mar-2013
Advisor: Bonjardim, Leonardo Rigoldi
Resumo : Objetivo: Avaliar a eficácia do tratamento por meio da fototerapia laser em ponto gatilho miofascial do músculo trapézio em pacientes fibromiálgicos. Casuística e Métodos: Foram avaliados 25 sujeitos diagnosticados com dor miofascial e fibromialgia, segundo os critérios do Colégio Americano de Reumatologia, os quais foram divididos em três grupos: Laser (n=8), Laser + Medicamento (n=10) e Medicamento (n=7), que receberam laserterapia 2 vezes por semana durante 5 semanas. As variáveis mensuradas foram: 1) intensidade de dor pela escala visual analógica (EVA) nos tempos basal, 5a e 10a sessão; 2) limiar de dor à pressão (LDP) por meio de algômetro de pressão nos tempos basal, 5a, 10a sessão; 3) estado geral da dor por meio do Questionário de Rolland-Morris (QIRM) nos tempos pré e pós tratamento; 4) medo do movimento por meio da Escala de Tampa para Cinesiofobia (ETC) nos tempos basal e final; 5) Avaliação do impacto da fibromialgia na qualidade de vida (QIF) nos tempos basal e final. Todos os dados obtidos foram analisados por meio da análise de variância (ANOVA) de duas vias para medidas repetidas, seguida pelo pós-teste de Tukey, quando apropriado. Para os casos em que a interação entre os fatores (Tratamento e Tempo) foi significativa, foi conduzida ANOVA para medidas repetidas de uma via para cada grupo de tratamento. Todos os testes foram bi-caudais e foi considerado p<0,05. Resultados: Foi verificada uma diminuição da intensidade da dor e aumento do LDP no músculo trapézio na 5ª e 10ª sessões em relação ao basal para os grupos em que a fototerapia foi utilizada. Nenhuma interação significativa foi encontrada entre os escores das variáveis QIRM, ETC e QIF entre os grupos, exceção feita aos subitens da escala QIF, rigidez e ansiedade, que mostraram diferença significativa entre os grupos. Conclusão: A fototerapia laser promoveu uma diminuição da intensidade da dor local e um aumento do LDP do músculo trapézio. Além disso, melhorou os sintomas de ansiedade e rigidez. Sugerimos a indicação do laser como adjuvante no tratamento de pacientes com dor miofascial associada à fibromialgia.
Abstract: Objective: Evaluate the efficacy of laser phototherapy treatment on myofascial trigger point in the trapezius muscle in fibromyalgia patients. Methods: We evaluated 25 subjects diagnoses of myofascial pain and fibromyalgia according to the criteria of the with American College of Rheumatology (ACR) 1990, which were divided into: Group Laser (n = 8), group laser + drug (n = 10) and group drug (n = 7) receiving lasertherapy 2 times per week for 5 weeks. The variables measured were: 1) intensity of pain by visual analogue scale (VAS) in the times basal, 5th, 10th session, 2) threshold pressure pain (LDP) through a pressure algometer in the basal, 5th, 10th session, 3) evaluation of the pain through the general Questionnaire Rolland-Morris (QIRM) in the times basal end and, 4) assessment of fear of moving the affected limb through the Tampa Scale for kinesiophobia (ETC) at the times baseline and end; 5) evaluation of the impact of fibromyalgia on quality of life (QIF) in the times basal and final. All data were analyzed by analysis of variance (ANOVA), two-way repeated measures followed by the Tukey post-test, when appropriate. For cases in which the interaction between factors (treatment and time) was significant, we conducted ANOVA for repeated measures oneway for each treatment group. All tests were two-tailed and performed at a significance level of 5%. Results: There was a decrease in pain intensity and increase the LDP in the trapezius muscle in the 5th and 10th sessions compared to baseline for the groups that LLLT was used. No significant interaction was found between the scores of the variables QIRM, ETC and QIF between groups, except for the sub-scale of the QIF, stiffness and anxiety that showed significant differences between groups. Conclusion: The laser phototherapy caused a decline in the intensity of local pain and an increase in the LDP trapezius muscle. Furthermore, improved symptoms of anxiety and rigidity. We suggest an indication of the laser as adjuvant in the treatment of patients with myofascial pain associated with fibromyalgia.
Keywords: Lasers
Fototerapia
Dor - Tratamento
Fibromialgia
Lasers
Pain
Phototherapy
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIA
Language: por
Program Affiliation: Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/3967
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Fisiológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LAYANA_FONTES_BRITO_RODRIGUES.pdf808,07 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.