Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11198
Document Type: Monografia
Title: Resíduos sólidos marinhos na Praia da Costa, Barra dos Coqueiros-SE
Authors: Pinto, Maiara dos Santos
Issue Date: 28-Feb-2019
Advisor: Gonçalves, Jeamylle Nilin
Resumo : A poluição devido aos resíduos sólidos é um dos principais problemas enfrentados na atualidade, e esta pode ser observada também nas regiões costeiras. A Praia da Costa, situada no município da Barra dos Coqueiros, em Sergipe, é uma das praias mais procuradas do litoral norte sergipano e dentro de sua extensão apresenta áreas que possuem utilização diversificada por parte dos seus frequentadores e da população local residente. Com base nesse contexto, o objetivo do presente trabalho foi caracterizar o lixo marinho encontrado na área de estudo da Praia da Costa, bem como relacionar com a fonte geradora da poluição. Foram realizadas duas coletas no mês de agosto de 2017 em duas diferentes áreas: Área comercial (A1) e área residencial (A2). Durante a realização do estudo foram recolhidos 3.426 itens de resíduos sólidos marinhos, com peso total de 13.488,1 g equivalente à um volume 353,54 L; onde A2 apresentou maior concentração de itens por metro linear de praia (118,1 itens.m-1) em comparação com A1 (53,2 itens.m-1). Com relação ao peso médio obteve-se que a área residencial com vegetação presente (A2 VG) apresentou maior valor (106,77 g. m-1) e a linha de deixa da área residencial (A2 LD) obteve a menor média (8,98 g. m-1), para o volume, A2 VG mostrou a maior média entre as áreas (2,26 L. m-1), por sua vez A1(0,58 L. m-1) apresentou os menores valores médios entre as áreas. Para ambas as áreas abordadas as categorias mais abundantes foram Plástico e Papel. A gravimetria mostrou-se diferente para as áreas, em A1 e A2 VG plástico foi a categoria mais abundante (45,5% e 38,2%) respectivamente, já para A2 LD Outros foi a categoria de maior destaque com 40,1%. No que diz respeito as fontes, para A1 constatou-se que Alimentação foi a principal fonte de resíduos sólidos marinhos, seguido de Outros, em contrapartida, tanto para A2 VG quanto para A2 LD as principais fontes foram Outros, seguidos de Alimentação. A partir dos resultados obtidos foi possível perceber que existe diferenças tanto na quantidade como no tipo e composição dos resíduos sólidos encontrados para as duas áreas, já que estas possuem características fisiográficas e de uso de praia diferentes entre si. Diante disso tem-se a importância de além de quantificar e categorizar os resíduos sólidos marinhos tentar correlacionar com as fontes para ajudar a propor medidas que minimizem o problema da poluição por resíduos sólidos marinhos.
Keywords: Biologia
Ensino de biologia
Resíduos sólidos marinhos
Praia da Costa (SE)
Barra dos Coqueiros (SE)
Costa, Sergipe (SE)
Educação ambiental
Subject CNPQ: CIENCIAS BIOLOGICAS
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Department: DBI - Departamento de Biologia – São Cristóvão – Presencial
Citation: Pinto, Maiara dos Santos. Resíduos sólidos marinhos na Praia da Costa, Barra dos Coqueiros-SE. São Cristóvão, SE, 2017. Monografia (Graduação em Biologia) – Departamento de Biologia, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2019
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/11198
Appears in Collections:Biologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maiara_Santos_Pinto.pdf1,05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.