Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/1287
Tipo de Documento: Artigo
Título: Left atrial volume as an index of diastolic function
Título(s) alternativo(s): Volume atrial esquerdo como índice de função diastólica
Autor(es): Sousa, Antônio Carlos Sobral
Data do documento: Set-2006
Abstract: A insuficiência cardíaca congestiva (ICC) constitui uma das principais causas de morte e internações hospitalares em nosso meio, segundo dados do Datasus1. Essa síndrome clínica é progressiva e caracterizada por adaptações cardíacas e sistêmicas complexas que variam ao longo da evolução da doença2. Verificou-se, todavia, que em aproximadamente 30% a 50% dos indivíduos que desenvolvem ICC a função sistólica, estimada pela fração de ejeção (FE) do ventrículo esquerdo (VE), apresenta-se normal ou relativamente normal3. Portanto, a razão da descompensação cardíaca desses pacientes é a disfunção diastólica do VE, justificando o termo “insuficiência cardíaca diastólica”4. Ainda se conhece pouco sobre a história natural dessa doença, particularmente no que se refere aos mecanismos causadores de morte nos pacientes afetados5, embora seja reconhecida sua prevalência em certas populações como idosos e mulheres, e que usualmente antecede a disfunção sistólica na maioria das afecções cardíacas, inclusive na miocardiopatia chagásica . Existem poucas publicações concernentes à incidência de ICC em portadores de disfunção diastólica evidenciada pela ecocardiografia Doppler. Foi demonstrado, numa população de indivíduos maiores de 65 anos sem evidências clínicas de doença cardíaca, que a detecção desse tipo de disfunção através da ecocardiografia Doppler tem valor preditivo para o desenvolvimento de ICC em 11% a 15 %, num período de cinco anos. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT: Congestive heart failure (CHF) is one of the main causes of death and hospital admissions in our country, according to data from Datasus1. This clinical syndrome is progressive and characterized by complex cardiac and systemic adaptations, which vary during disease evolution2. It has been observed, however, that in approximately 30% to 50% of the individuals who develop CHF, the systolic function estimated through the left ventricular ejection fraction (LVEF) is normal or relatively normal3. Thus, the cause of cardiac decompensation in these patients is the left ventricular diastolic dysfunction, justifying the term “diastolic cardiac failure”4. Little is known on the natural history of this disease, particularly regarding the mechanisms causing affected patients’ death5, although its prevalence is known among certain groups, such as the elderly and women, as well as the fact that it usually precedes the systolic dysfunction in most cardiac affections, including Chagas’ myocardiopathy . There have been few studies published in literature regarding the incidence of CHF in patients with diastolic dysfunction evidenced by Doppler echocardiography. It has been demonstrated, in a population of individuals older than 65 years with no clinical evidence of cardiac disease, that the detection of this type of dysfunction through Doppler echocardiography has a predictive value for the development of CHF in 11 a 15% of the cases within a five-year period.
Palavras-chave: Volume atrial
Função diastólica
Insuficiência cardíaca congestiva (ICC)
ISSN: 0066-782X
Instituição/Editora: Arquivos Brasileiros de Cardiologia
Citação: SOUSA, A. C. S. Left atrial volume as an index of diastolic function. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 86, n. 3, set. 2006. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2006001600031>. Acesso em: 03 out. 2014.
Licença: Creative Commons Attribution License
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/1287
Aparece nas coleções:DME - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ExerciseStress.pdf233,97 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.