Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/1289
Tipo de Documento: Artigo
Título: Biventricular thrombus and endomyocardial fibrosis in antiphospholipid syndrome
Título(s) alternativo(s): Trombo biventricular e fibrose endomiocárdica na síndrome antifosfolípide
Autor(es): Sousa, Antônio Carlos Sobral
Gonçalves, Luiz Flávio Galvão
Souto, Fernanda Maria Silveira
Faro, Fernanda Nascimento
Oliveira, Joselina Luzia Menezes
Barreto Filho, José Augusto Soares
Data do documento: Nov-2012
Abstract: A SAF é uma doença sistêmica autoimune caracterizada pela detecção plasmática de anticorpos antifosfolípides, tais como o anticardiolipina e o anticoagulante lúpico, que se manifesta clinicamente mediante: trombose arterial e/ou venosa recorrentes, trombocitopenia, abortamentos de repetição e anemia hemolítica autoimune, além de alterações cardíacas, neurológicas e cutâneas1. Constitui-se na principal causa adquirida de hipercoagulabilidade, ocorrendo em 2% da população geral e apresenta alta morbimortalidade2. Pode ser classificada como primária quando não há outra doença subjacente e como secundária quando ocorre associada a outras patologias, como o lúpus eritematoso sistêmico. As alterações cardíacas são frequentes, sobretudo as valvopatias (espessamentos e vegetações) e a doença arterial coronariana (DAC)2-4; tem sido também relatada a presença de trombos intracavitários5. Todavia, o acometimento miocárdico é raramente descrito nesta patologia6. O presente relato descreve o caso de uma paciente lúpica, com SAF e trombo cavitário biventricular, diagnosticado pela RMC. Foi detectada, também, a presença de realce tardio endomiocárdico que pode ser manifestação precoce da ocorrência de (EMF). _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT: The antiphospholipid syndrome (APS) is a systemic autoimmune disorder characterized by plasma detection of antiphospholipid antibodies such as anticardiolipin and lupus anticoagulant, which clinically manifests as: recurrent arterial and/or venous thrombosis, thrombocytopenia, recurrent miscarriage and autoimmune hemolytic anemia, in addition to cardiac, neurological and skin alterations1. It constitutes the main acquired cause of hypercoagulability, occurring in 2% of the general population and has high morbidity and mortality2. It can be classified as primary when there is no other underlying disease as secondary when it occurs associated with other pathologies, such as systemic lupus erythematosus (SLE). The cardiac alterations are frequently observed, especially valvular heart disease (thickening and vegetations) and coronary artery disease (CAD)2-4; the presence of thrombi has been also reported5. However, myocardial involvement is rarely described in this pathology6. This report describes the case of a lupus patient with APS and biventricular cavitary thrombus, diagnosed by MRI. The presence of endomyocardial delayed enhancement was also observed, which may be early onset of the occurrence of endomyocardial fibrosis (EMF).
Palavras-chave: Síndrome antifosfolipídica
Anticorpos
Antifosfolipídeos
Fibrose endomiocárdica
Trombose
Espectroscopia
ISSN: 0066-782X
Instituição/Editora: Arquivos Brasileiros de Cardiologia
Citação: GONÇALVES, L. F. G. et. al. Biventricular thrombus and endomyocardial fibrosis in antiphospholipid syndrome. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 99, n. 5, nov. 2012. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2012001400017>. Acesso em: 03 out. 2014.
Licença: Creative Commons Attribution License
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/1289
Aparece nas coleções:DME - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BiventricularThrombus.pdf268,41 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.