Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/3836
Document Type: Dissertação
Title: Morfologia e função tireoideanas na deficiência isolada de hormônio do crescimento
Other Titles: MORPHOLOGY AND FUNCTION THYROID IN HORMONE THE ISOLATED DEFICIENCY OF THE GROWTH
Authors: Alcântara, Marta Regina Silva de
Issue Date: 25-Jul-2005
Advisor: Oliveira, Manuel Hermínio de Aguiar
Resumo : Há complexas relações entre o sistema GH-IGF-I e o eixo hipotalâmico-pituitáriotireoideano. Os hormônios tireoideanos são importantes na iniciação e manutenção do crescimento somático e na regulação de vários fatores de crescimento. A relação entre bócio e acromegalia é bem conhecida, mas o único estudo de volume tireoideano na deficiência de hormônio do crescimento mostrou volume tireoideano reduzido em pacientes com hipopituitarismo. O objetivo deste estudo é avaliar a morfologia e função tireoideanas em adultos afetados com DIGH devido a mutação no receptor do GHRH de Itabaianinha e em heterozigotos para a mesma mutação. Casuística e Métodos: Foram estudados 3 grupos: Grupo 1 - 24 indivíduos com DIGH (MT/MT; 9M/15F, 43,7±15,8anos); Grupo 2 18 indivíduos heterozigotos (WT/MT; 8M/10F,51,1 ±16,5anos); Grupo 3 18 homozigotos normais (WT/WT; 7M/11F, 41,8±15anos). Os indivíduos realizaram ultrassonografia da tireóide, avaliação da composição corporal, hormônios tireoideanos (T3, T4, T4 livre), TSH, AAM e IGF-I. comparação entre os grupos foi feita através de Anova e correlações através do coeficiente de correlação de Spearman. Resultados: O grupo 1 (DIGH) apresentaram menor peso, altura, edp a/i, superfície corpórea, IGF-I e massa magra, além de maior porcentagem de massa gorda em comparação com os grupos 2 e 3. O Grupo 1 apresentou também menores níveis de T3 que o grupo 3 (1,12 ± 0,23 x 1,43 ± 0,2; p < 0,05) e maiores níveis de T4 livre que os grupos 2 (1,2 ± 0,25 x 0,94 ± 0,18; p<0,05) e 3 (1,2 ± 0,25 x 1,01 ± 0,22; p< 0,05), com tendência a maiores concentrações de TSH em relação ao grupo 3. O grupo 2 apresentou menor edp a/i (-2,44 ± 1,19 x -1,51 ± 1,2, p<0,05) e IGF-I em relação ao grupo 3 (138,2 ng/ml ± 122,3 x 290,2 ± 160,7; p <0,05). O volume tireoideano foi menor no grupo 1 (3,59 mL ± 2,09) em comparação ao grupo 2 (5,9 mL ± 2,3; p<0,003) e 3 (9,24 mL ± 3,12; p<0,0001). O gropo 2 (heterozigotos) apresentou menor volume tireoideano que o grupo 3 (homozigotos normais) (p<0,003). Quando o volume tireoideano foi corrigido por superfície corpórea, a diferença do volume tireoideano entre os homozigotos afetados (3,16 ml ± 1,69) e heterozigotos (3,97 ml ± 1,68) desapareceu. O volume tireoideano apresentou correlação positiva com o IGF-I 1 3 (r=677; p<0,0001), peso (r= 0,688; p<0,0001), superfície corpórea (r=0,678; p<0,0001), massa magra (r=0,717; p<0,0001) e altura (r=0,748; p<0,0001) e correlação negativa com percentual de massa gorda (r = -0,631; p < 0,0001) e T4 livre (r = -0,278; p < 0,04 ) quando analisados o total de 46 indivíduos. Quando analisados apenas o grupo 1, persiste as correlações positivas com massa magra (r=0,432; p<0,05), altura (r=0,489;p<0,02) e superfície corpórea (r=0,625; p=<0,02). CONCLUSÃO: O achado de menor volume tireoideano nos indivíduos com DIGH e heterozigotos e suas correlações com altura e IGF-I indicam um papel crítico do GH na determinação do volume da glândula tireoideana.
Abstract: There are complex relationships between GH system and hypothalamic-pituitarythyroid axis. Thyroid hormones play a fundamental role in the initiation and maintenance of somatic growth and are important in the regulation of several growth factors. The relationship between goiter and acromegaly is well known, but the unique study of thyroid volume in the growth hormone deficiency has shown reduced thyroid volume in hypopituity patients. The aim of this study was to asses the morphology and thyroid function in adults patients with isolated growth homone deficiency (IGHD) due to a mutation in the receptor of growth hormone releasing hormone (GHRH) of Itabaianinha. MATERIAL AND METHODS: 3 groups were studied: Group 1 - 24 individuals with IGHD ( MT/MT; 9M/15F, 43,7±15,8anos); Group 2 18 individuals heterozygous (WT/MT; 8M/10F, 51,1±16,5anos); Group 3 18 normal homozygous (WT/WT; 7M/11F, 41,8±15anos). The subjects have done thyroid ultrassonography, avaliation of body composition, thyroid hormones (T3, T4, free T4, TSH), AAM and IGF-I. Statical analysis was made using ANOVA and spearmam correlation index. RESULTS: The group 1 (IGHD) had reduced weight, height, sds h/a, body surface, IGF-I and fat free mass with higher fat mass percent than groups 2 and 3. Group 1 (IGHD) had smaller T3 than group 3 (1,12 ± 0,23 x 1,43 ± 0,2; p < 0,05) (normal control) and higher free T4 than groups 2 (1,2 ± 0,25 x 0,94 ± 0,18; p<0,05) and 3 (1,2 ± 0,25 x 1,01 ± 0,22; p< 0,05) with tendency of higher TSH than group 3. The group 2 had smaller sds h/a (-2,44 ± 1,19 x -1,51 ± 1,2, p<0,05) and IGF-I than group 3 (138,2 ng/ml ± 122,3 x 290,2 ± 160,7; p <0,05). The thyroid volume was smaller in the group 1 (3,59 mL ± 2,09) than group 2 (5,9 mL ± 2,3; p<0,003 ) and 3 (9,24 mL ± 3,12; p<0,0001). The group 2 (heterozygous) had smaller thyroid volume than group 3 (normal homozygous) (p<0,003). When thyroid volume was corrected for body surface, the difference between thyroid volume in groups 1 (3,16 ml ± 1,69) and 2 (3,97 ml ± 1,68) dissapeared. The thyroid volume had positive correlation with IGF-I (r=677; p<0,0001), weight (r= 0,688; p<0,0001), body surface (r=0,678; p=0,000), fat free mass (r=0,717; p<0,0001) e height (r=0,748; p<0,0001) and negative correlation with free T4 (r = -0,278; p < 0,04 )and fat mass percentual (r = -0,631; p < 0,0001) when analysed the total of 46 individuals. When analysed only the IGHD individuals the positive correlation had persisted with fat free mass (r=0,432; p<0,05), height (r=0,489;p<0,02) and body surface (r=0,625; p=<0,02). CONCLUSION: The finding of smaller thyroid volume in GHD and in heterozygous subjects, and its correlation with height and serum IGF-1 indicate a critical role of GH in the determination of the volume of the thyroid gland.
Keywords: Deficiência de Hormônio do Crescimento
Volume tireoideano
IGF-I
Growth hormone deficiency
Thyroid volume
IGF-I
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Language: por
Country: BR
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citation: ALCÂNTARA, Marta Regina Silva de. Morfologia e função tireoideanas na deficiência isolada de hormônio do crescimento. 2005. 105 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, 2005.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/3836
Appears in Collections:Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MARTA_REGINA_SILVA_ALCANTARA.pdf771,28 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.