Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4614
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorOliveira, Ana Carla Menezes dept_BR
dc.date.accessioned2017-09-26T17:47:33Z-
dc.date.available2017-09-26T17:47:33Z-
dc.date.issued2013-05-28-
dc.identifier.urihttps://ri.ufs.br/handle/riufs/4614-
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEconomia doméstica - Estudo e ensinopor
dc.subjectEducação femininapor
dc.subjectEducação - Históriapor
dc.subjectEnsino técnicopor
dc.subjectCultura Escolarpor
dc.subjectEconomia Domésticapor
dc.subjectEducaçãopor
dc.subjectGênero Femininopor
dc.subjectHistória da Educaçãopor
dc.subjectEducationeng
dc.subjectHome economicseng
dc.subjectTechnical educationeng
dc.subjectWomeneng
dc.titleA trajetória histórica da formação em economia doméstica na Escola Agrotécnica Federal de São Cristóvão (1952 a 1967)por
dc.typeDissertaçãopor
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/0772568631511406por
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1545911375120314por
dc.contributor.advisor1Nascimento, Jorge Carvalho dopt_BR
dc.description.resumoEsta pesquisa consiste em apresentar a trajetória histórica da Formação em Economia Doméstica, curso de nível médio, ministrado na Escola Agrotécnica Federal de São Cristóvão, atualmente Instituto Federal de Sergipe Campus São Cristóvão. Tem como objetivo geral compreender a formação em Economia Doméstica desenvolvida na Escola Agrotécnica Federal de São Cristóvão, no período de 1952 a 1967 e como objetivos específicos: analisar as relações existentes entre a formação em Economia Doméstica e as discussões sobre o ensino agrícola em Sergipe, além de compreender a Economia Doméstica no contexto da formação para o trabalho no que diz respeito às mulheres. Neste sentido, os conceitos de cultura escolar, gênero feminino e economia doméstica foram fundamentais para compreender essas práticas, contribuindo para um melhor direcionamento dos elementos que fazem parte dos aspectos institucionalizados na escola, entre eles: currículo, finalidades, modos de ensinar e aprender, condutas e normas, enfim, para a sua organização e práticas cotidianas. O levantamento histórico dos dados foi processado nos arquivos da instituição escolar objeto deste estudo através de fontes documentais, por exemplo: relatórios ministeriais e relatórios de gestão do Colégio Agrícola, fontes iconográficas e fontes orais, como: entrevistas semi-estruturadas e fontes bibliográficas, as quais foram selecionadas, organizadas e sistematizadas. A fundamentação teórica está baseada em estudos referentes à Cultura Escolar, Educação Feminina e História da Educação, em pesquisadores como: Almeida (1998), Camargo (2000), Cavero (1987), Ribeiro (1996), Saffioti (1969), Serrano (1954), entre outros. Por fim, destaca-se que a formação em Economia Doméstica, na Escola Agrotécnica Federal de São Cristóvão, destinava-se a qualificar as moças como boas donas-de-casa, visando dar uma qualidade de vida melhor à mulher e à família rural. Desta forma, a Formação em Economia Doméstica buscava atender às necessidades e às exigências do mercado de trabalho e proporcionar um profissional bem qualificado nesta área.por
dc.publisher.programPós-Graduação em Educaçãopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpor
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ANA_CARLA_MENEZES_OLIVEIRA.pdf2,33 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.