Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4901
Tipo de Documento: Tese
Título: O debate sobre cotas universitárias : itinerários da prática pedagógica na Universidade Federal de Sergipe
Autor(es): Oliveira, Andréa Hermínia de Aguiar
Data do documento: 12-Dez-2013
Orientador: Neves, Paulo Sérgio da Costa
Resumo: A discussão da igualdade de oportunidades educacionais bem como da democratização do acesso à universidade, enquanto lócus privilegiado de produção e veiculação de saberes na sociedade, traz em seu bojo o debate sobre a implementação de políticas públicas e ações afirmativas capazes de reparar desigualdades socioeconômicas, étnico-raciais entre os cidadãos. Por meio desta pesquisa, procuro discutir a implementação de ações afirmativas, mais especificamente, o sistema de cotas, e sua relação com a prática pedagógica no curso de Medicina da Universidade Federal de Sergipe (UFS), identificando possíveis dificuldades e mudanças advindas a partir desse processo, além de evidenciar as percepções dos pesquisados, acerca do processo de introdução das cotas na UFS. Para tanto, foram realizadas 33 entrevistas e aplicados 62 questionários, totalizando uma amostra de 95 pesquisados. Num mundo em que a conciliação de direitos é tarefa complexa, políticas de reconhecimento e redistribuição traduzem a mobilização social para reparar uma história de sofrimento, injustiça, violência e exclusão. Entretanto, para que as ações afirmativas tenham efetividade, é preciso considerar critérios de justiça que garantam a sua legitimidade pelo corpo social. Mais importante ainda, no âmbito acadêmico, é alimentar e retroalimentar um debate, que está apenas começando.
Abstract: The discussion of equal educational opportunities as well as the democratization of access to university as a privileged locus of production and transmission of knowledge in society, brings with it the debate on the implementation of public policies and affirmative action capable of repairing socioeconomic, ethnic and interracial inequalities, among citizens. This research aims to discuss the implementation of affirmative action, more specifically, the quota system, and its relationship to pedagogical practice in the medicine course of the Federal University of Sergipe (UFS), identifying possible problems and changes arising from that process, besides highlighting the perceptions of respondents, about the process of introducing quotas on UFS. To this end, were conducted 33 interviews and applied 62 questionnaires, a total sample of 95 respondents. In a world where the rights of reconciliation is a complex task, policies of recognition and redistribution must reflect the social mobilization to repair a story of suffering, injustice, violence and exclusion. However, for the affirmative action have effectiveness , one must consider the criteria of justice to ensure its legitimacy from the social body. More importantly, at the academic environment, is to food and feed back a debate that is just beginning.
Palavras-chave: Universidade Federal de Sergipe
Educação e Estado
Democratização da educação
Programas de ação afirmativa
Ensino superior
Planejamento político
Prática de ensino
Sistema de cotas
Cotas universitárias
Ações afirmativas
Affirmative action programs
Education and state
Higher education
Political planning
Student teaching
Quoatas in university
área CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Educação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4901
Aparece nas coleções:Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ANDREA_HERMINIA_AGUIAR_OLIVEIRA.pdf1,61 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.