Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4995
Tipo de Documento: Dissertação
Título: Qualidade de vida, conhecimento e atitude de indivíduos com diabetes Mellitus após participação em programa educativo
Autor(es): Brito, Gabriela Menezes Gonçalves de
Data do documento: 27-Jan-2016
Orientador: Gois, Cristiane Franca Lisboa
Resumo: Reconhece-se que ainda há lacunas de conhecimento de indivíduos com diabetes mellitus tipo 2 sobre a doença e tratamento e no enfrentamento das situações advindas no cotidiano para o controle da doença. Essas fragilidades suscitam a importância de oferecimento de programas educativos para promoção de uma melhor qualidade de vida, aquisição de conhecimento e enfrentamento da doença pelos indivíduos com diabetes mellitus tipo 2. Objetivo: Avaliar a qualidade de vida, conhecimento e atitude de indivíduos com diabetes mellitus após participação em programa educativo Método: quase experimental, prospectivo, comparativo, do tipo antes e depois, realizado no Ambulatório de Endocrinologia do Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe, em 2015. A amostra foi constituída por 110 indivíduos, que foram subdivididos em Grupo Teste (GT) e Grupo Controle (GC). Critério de descontinuidade estabelecido consistiu da presença dos participantes em pelo menos duas intervenções propostas no programa educativo. O GT (n=36) participou de cinco intervenções educativas e o GC (n=74) do atendimento de rotina ambulatorial a cada três meses. Para a coleta de dados foram utilizados questionário para obtenção das variáveis sociodemográficas e clínicas; o Whoqol- bref e o B-PAID para avaliação da qualidade de vida; o DKN-A, para o conhecimento e ATT-19, para a atitude. Resultados: no GT e GC, o domínio Psicológico do Whoqol- bref apresentou as maiores médias (14,98 e 14,22) e o Meio Ambiente, as menores (12,94 e 12,98), respectivamente. Constatou-se diferença estatisticamente significativa entre os grupos frente ao domínio Relações Sociais, sendo que o GT apresentou melhor avaliação (p=0,05). Em relação à medida B-PAID, observou-se que houve diminuição do sofrimento em viver com o DM nos dois grupos, na segunda fase da pesquisa, com diferença estatisticamente significativa, sendo a maior diferença encontrada no GT, apontando que esse grupo apresentou menor sofrimento. Houve aquisição de conhecimento sobre a doença e tratamento no GT e a diferença entre as médias foi estatisticamente significativa (p=0,01). Quanto à atitude, verificou-se discreto aumento no GT e redução no GC. Conclusão: O programa educativo a indivíduos com diabetes mellitus tipo 2 contribuiu para o aumento da QV, incluindo a diminuição do sofrimento; aumento do conhecimento sobre a doença e tratamento e para o melhor enfrentamento a doença.
Abstract: It is recognized that there are still knowledge gaps of individuals with type 2 diabetes mellitus about the disease and treatment and coping with situations arising in everyday life to control the disease. These weaknesses raise the importance of offering educational programs to promote a better quality of life, acquiring knowledge and readiness for coping with the disease for individuals with type 2 diabetes mellitus Objective: To evaluate the quality of life, knowledge and attitude of individuals with diabetes mellitus after taking part in an educational program Method: quasi-experimental, prospective, comparative, pre- and post held at the Endocrinology Clinic of the University Hospital of the Federal University of Sergipe, in 2015. The sample consisted of 110 individuals who were subdivided into Test Group (TG) and control group (CG). Discontinuity established criteria consisted of the presence of the participants in at least two proposed interventions in the educational program. The GT (n = 36) participated in five educational interventions and the control group (n = 74) of outpatient care routine every three months. To collect questionnaire data were used to obtain sociodemographic and clinical variables; the WHOQOL-bref and the B-PAID for evaluation of quality of life; the DKN-A, for knowledge and ATT-19, for the attitude. Results: the GT and GC, the psychological domain of the WHOQOL-BREF showed the highest average (14.98 and 14.22) and the Environment, the lowest (12.94 and 12.98), respectively. There was a statistically significant difference between the front groups to the domain Social Affairs, and the GT showed a better evaluation (p = 0.05). With respect to Measure B-PAID, it was observed that there was a decrease of suffering in living with MD in both groups, the second phase of the research, which was statistically significant, with the largest difference found in GT, pointing out that this group had lower suffering. There was acquiring knowledge about the disease and treatment in GT and the difference between the means was statistically significant (p = 0.01). On the attitude, there was a slight increase in GT and reduced GC. Conclusion: The educational program for individuals with type 2 diabetes mellitus contributed to the increase in QoL, including the reduction of suffering; increased knowledge about the disease and treatment and to better face the disease.
Palavras-chave: Diabetes Mellitus tipo 2
Qualidade de vida
Educação em saúde
Type 2 Diabetes Mellitus
Quality of life
Health education
área CNPQ: CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Instituição/Editora: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da Instituição: UFS
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Enfermagem
Citação: Brito, Gabriela Menezes Gonçalves de. Qualidade de vida, conhecimento e atitude de indivíduos com diabetes Mellitus após participação em programa educativo. 2016. 79 f. Dissertação (Pós-Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4995
Aparece nas coleções:Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GABRIELA_MENEZES_GONCALVES_BRITO.pdf2,7 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.