Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5588
Document Type: Dissertação
Title: A política de desenvolvimento dos territórios rurais: uma leitura preliminar no agreste de Alagoas.
Other Titles: The development policy of rural areas: a preliminary reading in the wild Alagoas.
Authors: Santos, Leide Maria Reis dos
Issue Date: 18-Jun-2009
Advisor: Costa, José Eloízio da
Resumo : Esta pesquisa tem como objetivo analisar a eficácia da política territorial destinada ao agricultor familiar, tendo como referência analítica a delimitação de territórios rurais observado empiricamente no Agreste de Alagoas. Os Territórios Rurais foram implementados em 2003 sob responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Territorial do Ministério do Desenvolvimento Agrário (SDT/MDA), tendo como objetivo central a inserção social aos que se encontram em situação de pobreza a partir da institucionalidade, representatividade e inovação. Neste sentido, este estudo apresenta as mudanças ocorridas no Agreste alagoano a partir dessa política de desenvolvimento rural sustentável e aborda sobre os problemas que dificultaram a execução das ações. Para tanto foram utilizadas várias fontes de dados, além da revisão bibliográfica e do trabalho de campo com entrevistas a atores sociais representantes das entidades que integram o território. Constatou-se que apesar da consolidação da comissão através do Colegiado de Desenvolvimento Territorial (CODETER), os problemas persistiram como as disputas entre os atores sociais pelo recurso destinado principalmente às cadeias definidas (mandioca e leite); a fragilidade de alguns municípios dentro do colegiado em virtude da falta de organização e participação, além da inadimplência fiscal e previdenciária das prefeituras que impediram a aprovação dos projetos; e problemas relacionados à infraestrutura, dificultando o escoamento da produção. Atualmente esse território está inserido no programa Territórios da Cidadania (2008) que consiste em uma ação integrada entre vários ministérios, na qual houve a ampliação não só dos recursos, mas da participação social. Conclui-se que apesar do enfoque setorial (agrícola), a política dos Territórios Rurais representou um relativo avanço por entrelaçar Estado e sociedade civil. As mudanças se deram a partir de projetos elaborados coletivamente, resultando na reestruturação das casas de farinha, contribuindo para maior produtividade e qualidade do produto, além da construção em andamento da unidade de beneficiamento de leite e da implantação da unidade de fecularia e classificadora de farinha no município de Arapiraca que, juntamente com Palmeira dos Índios, exerce importante influência no território.
Abstract: This research has as a goal to analyze the effectiveness of the territorial policy directed to the familiar agriculture, having as an analytical reference the delimitation of rural territories observed empirically in the Alagoano Agrestic. The Rural Territories were implemented in 2003 under the charge of the Development Territorial Agrarian Ministry which has as a central aim the social insertion of those who live in the poverty line through the institutionality, representation and innovation. In this sense, this report shows the changes made in the Alagoano Agrestic area through the rural developmental sustainability, highlighting the problems which make impossible the execution of these actions. For the conclusion of this work some data were used, likewise the bibliographical review and some field research work, also done through interviews with some social representatives from entities which make part of this territory. It was observed that despite the consolidation of the commission through the Territorial Development, the problems happened as disputes with the social agents for the income aimed mainly to defined chains (cassava and milk).The fragility of some counties which made part of the commission, the lack of organization, participation and commitment of some counties in not paying their taxes, impeded the approval of the projects and problems related to infrastructure increased , making it difficult to the distribution of the production. Nowadays this territory is included in the citizenship territories program (2008) which consists in an integrated action among many administration departments, making possible not only the enlargement of the resources but also the social participation. It is conclusive that although the section focus (agriculture), the policy of the Rural Territories represented a relative breakthrough for intersecting State and the civil society. The changes happened through projects created collectively, resulting from the restructure of some flour processing units which contributed to a better productivity and quality of the product, as well as to the ongoing construction of a processing milk unit and the implementation of a flour processing and classifying unit in Arapiraca county that along with Palmeira dos Índios play an important influence in that territory.
Keywords: Território
Política territorial
Agricultura familiar
Participação social
Agreste de Alagoas
Territory
Territorial policy
Familiar agriculture
Social participation
Alagoas agrestic area
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Language: por
Country: BR
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Geografia
Citation: SANTOS, Leide Maria Reis dos. The development policy of rural areas: a preliminary reading in the wild Alagoas.. 2009. 146 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2009.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/5588
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LEIDE_MARIA_REIS_SANTOS.pdf1,57 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.