Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/6231
Document Type: Dissertação
Title: O exercício profissional do assistente social na política de educação em Aracaju/SE : um estudo de demandas e respostas sócio-profissionais
Authors: Oliveira, Ingredi Palmieri
Issue Date: 27-Jan-2014
Advisor: Araújo, Nailsa Maria Souza
Resumo : O estudo em questão teve como alicerce analisar as demandas e respostas socioprofissionais do assistente social na área de educação, no município de Aracaju/SE. Seu objeto de estudo consistiu sobre o exercício profissional na forma como se expressa em tal política. Pautada no método dialético, esta pesquisa possui caráter exploratório e descritivo, com abordagem quali-quantitativa, e utiliza como procedimentos metodológicos não só a revisão bibliográfica como a aplicação de formulários com 14 (quatorze) assistentes sociais que trabalham na política de educação em Aracaju/SE em diversos níveis de ensino. O capítulo I aborda o debate da educação enquanto política social, para posteriormente relacioná-la ao campo de atuação do assistente social, realizando uma incursão sobre a constituição e configurações da política social de forma mais abrangente, em suas relações com o modo de produção capitalista, principalmente nos contextos de crise, dialogando com as demandas e contradições que a mesma assume na atualidade. O capítulo II trata dos determinantes do exercício profissional do assistente social, de maneira geral, suscitando suas particularidades na educação. Realiza-se nesta etapa textual um resgate histórico do surgimento e funcionalidade da profissão de assistente social, mostrando as alterações nas suas requisições, características e respostas, bem como as demandas e debates que o circunscrevem na atualidade, no âmbito do seu projeto profissional. Já o capítulo III constitui-se da exposição e análise dos dados coletados, à luz do percurso teórico dos capítulos anteriores, mostrando como resultado as seguintes situações: o contexto socioinstitucional não oferece muitos limites ao exercício profissional do assistente social na educação, na opinião da maioria das profissionais; não obstante os desafios, a prática do assistente social está de acordo com o que preceituam as legislações básicas da profissão e da área educacional; as demandas requeridas pela instituição ao assistente social na escola relacionam-se, majoritariamente, à garantia/ampliação do acesso e da permanência, além da execução de programas e projetos institucionais e, de forma também relevante, àquelas voltadas ao ajustamento de condutas; as respostas profissionais são bem diversificadas, sendo a maioria relacionada com atendimento e orientação direta aos usuários e ações socioassistenciais e socioeducativas; apesar das dificuldades, a articulação das dimensões teórico-metodológica, técnico-operativa e ético-política consegue ser materializada.
Abstract: This study aimed to analyze the demands and responses socio- professional social worker in the area of education, in the city of Aracaju / SE. The object of study was the exercise professional in the way you expressed in this policy. Guided the dialectical method , research has owned exploratory and descriptive character, with qualitative and qualitative approach and used as instruments to literature and forms applied to fourteen (14) Social workers who work in education policy in Aracaju / SE at various levels education. Chapter I approached the discussion of education as social policy, to further relate it as a field of action for social assistance, conducting a raid on the constitution and configuration of social policy more broadly, in their relations with the capitalist mode of production especially in times of crisis, dialoguing with the demands and contradictions that it takes today. Chapter II addressed the determinants of the professional practice of social workers in general, inspiring its special education. Conducted a historical review of the appearance and functionality of the social work profession, showing changes in their requests, responses and characteristics as well as the demands and debates that circumscribes today, as part of its professional design. Have chapter III consisted of exposure and analysis of collected data, the light of the theoretical trajectory of the previous chapters, showing the following results: the socio- institutional context does not offer too many limitations on the exercise of professional social workers in education, in the opinion most professionals, despite the challenges, the practice of social workers is in accordance with the provisions of the basic laws of the profession and the educational area, the demands required by the institution to the social worker in school relate mostly to the warranty/expansion access and permanence beyond the implementation of programs and institutional projects, and also relevant way those intended for the adjustment of conduct; professional responses are well diversified, with the majority related to direct care and guidance to users and social assistance actions and socio; despite the difficulties, the articulation of theoretical and methodological dimensions, technical-operative and ethical-political can be materialized .
Keywords: Serviço social
Educação
Assistentes sociais
Educação e Estado
Demandas Socioprofissionais
Education and state
Social service
Social workers
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Language: por
Program Affiliation: Pós-Graduação em Serviço Social
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/6231
Appears in Collections:Mestrado em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
INGREDI_MARIA_SOUZA_ARAUJO.pdf4,17 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.