Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/6563
Tipo de Documento: Dissertação
Título: Análise espacial e temporal de incêndios florestais para o Município de Inhambupe, litoral norte da Bahia
Título(s) alternativo(s): Spatial and temporal analysis of forest fires for the city of Inhambupe, north coast of Bahia
Autor(es): White, Larissa Alves Secundo
Data do documento: 25-Fev-2013
Orientador: Ribeiro, Genésio Tâmara
Resumo: Todo fogo no ambiente florestal que foge do controle do homem é denominado de incêndio florestal. O fogo, apesar de ser um agente natural presente nos ecossistemas, quando mal manejado, pode causar danos que englobam tanto a esfera ambiental quanto a econômica e a social. É a partir do conhecimento desse poder de destruição que se desperta o sentimento de se estabelecer ações de prevenção e combate aos incêndios florestais. Visando aprimorar ações de prevenção, em povoamentos de eucalipto presentes no município de Inhambupe, foram realizadas a estimativa da probabilidade de ocorrência e a modelagem do risco de incêndio florestal. Para isso, inicialmente, por meio da utilização de variáveis climáticas, foram comparados os índices de Angstron, Logarítmico de Telicyn, Rodríguez e Moretti, Nesterov, e as fórmulas de Monte Alegre e Monte Alegre Alterada, baseados na avaliação do Skill Score de Heidke. Posteriormente, foi realizada a modelagem do mapa de risco de incêndio florestal, mediante a elaboração e integração de mapas preliminares de risco de variáveis naturais e sociais: inclinação, área urbana, sistema viário, malha hidrográfica, aspecto e uso e ocupação do solo. Por fim, ambas as metodologias foram comparadas ao histórico de ocorrências de incêndios florestais e ao registro de áreas queimadas, oriundos de plantios de eucalipto, a fim de determinar a aplicabilidade das mesmas. Mediante os dados obtidos, determinou-se para o município de Inhambupe o Índice Logarítmico de Telicyn e a Fórmula de Monte Alegre ajustada como adequadas para estimar a probabilidade de ocorrência de incêndios florestais. Além disso, foi evidenciado que mais de 75% da área encontra-se em risco alto a extremo de surgimento e desenvolvimento dos mesmos
Abstract: Every fire on the forest environment that escapes man's control is called forest fire. Despite the fire being a natural agent within ecosystems, when badly managed, can cause damage that involve environmental sphere as well as the economic and social. From the knowledge of the power of fire destruction emerges the sense of establishing prevention and fighting forest fires. In order to improve prevention activities in eucalyptus plantations of the city of Inhambupe was performed the estimate probability of fire occurrence and modeling forest fire risk. For this, initially, through the use of climatic variables, indexes of Angstron, Logarithmic of Telicyn, Rodríguez and Moretti, Nesterov, and the formulas of Monte Alegre and Monte Alegre Altered were compared, based on the evaluation of the Heidke Skill Score. Subsequently, the modeling of forest fire risk map was performed by developing and integrating preliminary risk maps of natural and social variables: slope, urban area, road system, network watershed, appearance and soil use and occupancy. Finally, both approaches was compared to historical occurrences of forest fires and registry of burned areas in plantations of eucalyptus, for the purpose of determined the applicability of them. By the obtained data it was determined for the city of Inhambupe that the Logarithmic of Telicyn Index and the adjusted Formula of Monte Alegre was appropriate to determine the probability of forest fires. Furthermore, it was shown that more than 75% of the area is at risk of "high" to "extreme" of the emergence and development of the same
Palavras-chave: Política florestal
Incêndios florestais - Prevenção e controle
Avaliação de riscos ambientais
Impacto ambiental - Avaliação
Environmental impact analysis
Environmental risks assessment
Forest fires
Forest policy
área CNPQ: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Agroecossistemas
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/6563
Aparece nas coleções:Mestrado em Agroecossistemas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LARISSA_ALVES_SECUNDO_WHITE.pdf3,15 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.