Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/6731
Tipo de Documento: Monografia
Título: Nariz vermelho : fundamentos do Clown na ação da U. T. Riso
Título(s) alternativo(s): Red Nose: Clown Essentials in Action from U. T. Laughter
Autor(es): Santos, Ewerton Batista dos
Data do documento: 2013
Orientador: Benevides, Lourdisnete Silva
Resumo: O presente trabalho, pretende dar visibilidade às tecnicas teatrais utilizadas pelos integrantes do projeto artístico Unidade de Tratamento do Riso, (U.T.rIso) em sua interação cênica, com pacientes internos das áreas pediátricas e oncológicas, do Centro de Oncologia Dr. Osvaldo Leite, anexo do Hospital Geral Governador João Alves Filho, hoje Hospital de Urgências de Sergipe, HUSE. O grupo se apropria da linguagem do clown (palhaço), uma vez que essa metodologia possibilita a construção de vínculos que permitem a expressão de sentimentos espontâneos, e a relação que se estabelece entre o clown e o paciente, apesar dos percalços que envolvem a dimensão da dor. A ação de palhaços nos hospitais é uma nova realidade no país, aumentando a cada dia o numero de iniciativas, o nariz vermelho é a sua identidade. Mas será que apenas a utilização do nariz revela um palhaço? Sendo assim, discutimos no presente trabalho, o processo de iniciação do ator dentro de um universo que promove a exposição do ridículo, buscando compreender qual a contribuição desse projeto para a formação do artista, que propõe exercer sua arte como oficio, utilizando a figura do palhaço como forma de aproximação da criança enferma, a partir de uma visão artística, desvinculada de qualquer pretensão terapêutica.
Abstract: This work intends to give visibility to the theatrical techniques used by the members of the artistic project Laughter Treatment Unit (UTrIso) in its scenic interaction with patients in the pediatric and oncological areas of the Dr. Osvaldo Leite Oncology Center, annex of General Governador João Alves Filho Hospital, now Sergipe Emergency Hospital, HUSE. The group appropriates the language of clown, since this methodology allows the construction of bonds that allow the expression of spontaneous feelings, and the relationship that is established between the clown and the patient, despite the mishaps involving the dimension of pain. The action of clowns in hospitals is a new reality in the country, increasing the number of initiatives every day, the red nose is their identity. But is it just that the use of the nose reveals a clown? Thus, we discuss in the present work the process of initiation of the actor within a universe that promotes the exposition of ridicule, trying to understand what the contribution of this project to the formation of the artist, which proposes to exercise his art as an office, using the figure of the clown as a way of approaching the sick child, from an artistic view, unrelated to any therapeutic claim.
Palavras-chave: Teatro
Theater
Ensino de teatro
Theater teaching
Terapia do riso
Laughter Therapy
Oncologia
Oncology
área CNPQ: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::TEATRO::INTERPRETACAO TEATRAL
Idioma: por
Sigla da Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Departamento: DTE - Departamento de Teatro – Laranjeiras – Presencial
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/6731
Aparece nas coleções:Teatro

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ewerton Batista dos Santos.pdf3,34 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.