Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7238
Document Type: Trabalhos em Eventos
Title: Precarização do emprego em um hospital público de Sergipe: um estudo de caso com profissionais da enfermagem
Authors: Nascimento, Tereza Cecília Costa do
Araújo, Marley Rosana Melo de
Almeida, Saulo Pereira de
Issue Date: Sep-2017
Resumo : A precarização do trabalho revela-se uma tendência que atinge os trabalhadores em vários segmentos profissionais, sendo imprescindível sua identificação para definição de estratégias adequadas ao combate de situações prejudiciais ao indivíduo no ambiente laboral. Este trabalho prestou-se a investigar a percepção de precarização do emprego junto ao corpo de enfermagem de um hospital público do Estado de Sergipe, uma vez que esses profissionais são essenciais na prestação de serviços de saúde e estão expostos a uma organização do trabalho que exige grande esforço físico e emocional. Para tanto, realizou-se nova validação da medida Inventário de Precarização Laboral (IPREL), o que permitiu a identificação da magnitude e preponderância das dimensões da precarização do emprego para o público-alvo pesquisado. O instrumento foi aplicado em 279 profissionais de enfermagem (enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem) apresentando índices psicométricos adequados quanto à validade e confiabilidade. A partir de Análise Fatorial de Eixos Principais, rotação oblíqua Promax, foram extraídos 2 fatores (Higiene Ocupacional e Justiça: α= 0,87; Relações de Trabalho: α= 0,67) que explicam 19,09% da variância dos dados. Os escores médios demonstram que os trabalhadores de enfermagem pouco vivenciam condições de trabalho adequadas e seguras e percepção de justiça nas relações estabelecidas no trabalho (M = 1,5; DP = 0,52), ainda que acusem razoável ocorrência, por parte da organização empregadora, de práticas de gestão de pessoas voltadas ao reconhecimento profissional, à participação nas tomadas de decisões e à observação das obrigações trabalhistas remuneratórias (M = 2,0; DP = 0,51). Os escores de precarização do emprego encontrados neste hospital público apontam para um quadro mais crítico referente às condições materiais de trabalho e relações de equidade, ainda que não tenha sido completamente satisfatório o indicador que versa sobre as práticas e políticas de gestão de pessoas, sinalizando a necessidade de melhorias corretivas neste cenário organizacional.
Keywords: Precarização do emprego
Enfermagem
Hospital público
Is part of: Anais do I Congresso Internacional de Desempenho do Setor Público (CIDESP)
Language: por
Publisher / Institution : Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL) / Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) / Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) / Fundação Escola de Governo ENA
Citation: NASCIMENTO, T. C. C. do; ARAÚJO, M. R. M. de; ALMEIDA, S. P. de. Precarização do emprego em um hospital público de Sergipe: um estudo de caso com profissionais da enfermagem. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE DESEMPENHO DO SETOR PÚBLICO, 1., 2017, Florianópolis. Anais eletrônicos... Florianópolis: CIDESP, 2017. Disponível em: <http://cidesp.com.br/index.php/Icidesp/1cidesp/paper/view/138>. Acesso em: 24 jan. 2018.
License: Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada (CC BY 3.0)
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7238
Appears in Collections:DPS - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PrecarizacaoEmpregoHospitalEmfermagem.pdf473,05 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.