Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/740
Tipo de Documento: Tese
Título: A midiatização do social : Globo e Criança Esperança tematizando a realidade brasileira
Autor(es): Gomes, Ana Ângela Farias
Data do documento: 2007
Abstract: Trata-se de pesquisa que, tendo por base a teoria sistêmica, analisa as intervenções televisivas na área social, em específico aquelas realizadas por meio do Criança Esperança, operador institucional da Rede Globo de Televisão. São analisados os períodos de campanha relativos aos anos de 2005 e 2006, sendo foco pontos da programação tradicionalmente classificados como inserções publicitárias, telejornalísticos e programas de entretenimento. Tal processo de análise discursiva ajuda na compreensão sobre os modos como contemporaneamente o televisivo se constitui um sistema social autônomo. A partir disso, compreender como a sociedade se tem hoje representada por meio do sistema midiático – no caso, pela televisão. O pensamento de Luhmann auxilia na compreensão de toda essa engrenagem midiática, auxiliando principalmente com os conceitos de tematização e acoplamento estrutural, visto que o social tematizado pela Globo ocorre graças a processos de acoplamento entre Globo e outras instâncias da sociedade, tendo destaque o terceiro setor. Todo esse processo resulta na midiatização do social, contextualizado em um tempo histórico de ascensão da mídia, do terceiro setor e de todas as formas que garantam a indivíduos e sistemas uma situação de alta visibilidade._____________________________________________________________________________________________ ABSTRACT: The present research, based on the systemic theory, analyzes television interventions in the social field, in particular those presented through the Criança Esperança, Rede Globo de Televisão ́s main institutional representation. The analysis focuses on the advertisements, newscasts and entertainment programs shown during the campaigns of 2005 and 2006. Such process of discourse analysis helps understand how contemporary television constitutes today an autono mous social system and sheds light on how present day society is represented thr ough media – in this particular case, through television. Luhmann ́s thinking about theme setting and structural coupling helps understand the complexities of the media machinery in a context where social themes are presented through a process of “joining together” between Globo and other institutions – in particular third sector institutions. This process results in the mediatization of social themes, and happens in a time when the preponderance of media gives individuals, systems and the third sector, high visibility.
Palavras-chave: Comunicação social
Teoria sistêmica
Rede Globo de Televisão
Criança Esperança (programa televisivo)
Mídia
Televisão
Citação: GOMES, A. A. F. A midiatização do social: Globo e Criança Esperança tematizando a realidade brasileira. 2007. 255 f. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação)-Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2007. Disponível em: <http://biblioteca.asav.org.br/vinculos/tede/midiatizacao%20do%20social.pdf>. Acesso em: 10 set. 2013
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/740
Aparece nas coleções:DCOS - Departamento de Comunicação Social - Teses e Dissertações defendidas em outras instituições

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MidiatizacaoSocial.pdf1,5 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.