Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7467
Tipo de Documento: Monografia
Título: Controle de qualidade de cápsulas magistrais de hidroclorotiazida manipuladas no município de Lagarto-SE
Título(s) alternativo(s): Control of hydrochlorothiazide magistrative capsules manipulated in the municipality of Lagarto-SE
Autor(es): Cruz, Erica dos Santos
Data do documento: 4-Abr-2017
Orientador: Serafini, Mairim Russo
Resumo: Hipertensão arterial é uma condição clínica multifatorial de risco para o desenvolvimento de diversas patologias, principalmente cardiovasculares. O tratamento estabelece mudanças no estilo de vida e medidas farmacológicas. A hidroclorotiazida é um dos fármacos mais prescritos na formulação industrial e magistral, tendo em vista que cresceu significamente em fornecimento de medicamentos personalizados e de custo baixo. Devido à impossibilidade do setor em realizar o controle de qualidade de todas as formulações manipuladas, evidências mostram que através de testes simples de controle é possível qualificar o produto e torná-lo seguro e eficaz. Diante do exposto esse trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade de cápsulas magistrais do anti-hipertensivo hidroclorotiazida (25 mg) a partir de amostras obtidas em três diferentes farmácias de manipulação do município de Lagarto/SE. O controle de qualidade das cápsulas magistrais foram avaliadas através de testes descritos na Farmacopeia Brasileira 5ªed. (2010), sendo estes: a determinação do peso médio, desintegração, dissolução e uniformidade de doses unitárias pelo método de variação de peso. As cápsulas manipuladas pela Farmácia X foram aprovadas no teste de desintegração e dissolução, para a Farmácia Y as cápsulas foram aprovadas somente no teste de desintegração, e a Farmácia Z as cápsulas produzidas foram aprovadas no teste de peso médio, desintegração e dissolução, porém nenhuma das farmácias encontraram-se dentro dos limites farmacopeicos estabelecidos para a uniformidade de doses unitárias através do método de variação de peso. Neste estudo é possível concluir que algumas farmácias apresentaram desvios de qualidade em alguns testes farmacopeicos realizados.
Abstract: Arterial hypertension is a multifactorial clinical condition at risk for the development of several pathologies, mainly cardiovascular. The treatment establishes changes in lifestyle and pharmacological measures. Hydrochlorothiazide is one of the most prescribed drugs in the master and industrial formulation. The master sector has grown significantly in the supply of personalized and low cost medicines. Due to the industry's complexity in quality control of formulations, evidence shows that through simple control testing it is possible to qualify the product and make it safe and effective. The objective of this study was to evaluate the quality of master capsules of the antihypertensive hydrochlorothiazide 25 mg in samples obtained from three different pharmacies in the municipality of Lagarto/SE. The quality control of the magisterial capsules were evaluated through tests described in the Brazilian Pharmacopoeia 5ªed. (2010), being these determination of the average weight, disintegration, dissolution and uniformity of unit doses by the method of weight variation. The capsules handled by Pharmacy X were approved in the disintegration and dissolution test, for Pharmacy Y the capsules were approved only in the disintegration test, and Pharmacy Z the capsules produced were passed the test of mean weight, disintegration and dissolution, but none Of the pharmacies were within the pharmacopoeia limits established for the uniformity of unit doses through the method of weight variation. In this study it is possible to conclude that some pharmacies presented quality control and quality deviations in some Pharmacopoeia tests performed.
Palavras-chave: Hipertensão
Farmacopeia
Farmácia
Farmácia magistral
Anti-hipertensivo
Tiazídico
Hypertension
Antihypertensive
Thiazidic
Compounding Pharmacies;
Idioma: por
Sigla da Instituição: UFS
Departamento: DFAL - Departamento de Farmácia – Lagarto - Presencial
Citação: CRUZ, Erica dos Santos. Controle de qualidade de cápsulas magistrais de hidroclorotiazida manipuladas no município de Lagarto-SE. 2017. 1 CD-ROM. TCC (Graduação em Farmácia) – Universidade Federal de Sergipe, Lagarto, 2017
URI: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/7467
Aparece nas coleções:Farmácia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ERICA_DOS_SANTOS_CRUZ.pdf773,31 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.