Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/808
Tipo de Documento: Artigo
Título: Long term follow-up and patterns of response of ALT in patients with chronic hepatitis NANB/C treated with recombinant interferon-a
Título(s) alternativo(s): Seguimento tardio e padrões de resposta da ALT em pacientes com hepatite crônica NANB/C tratados com interferon-a
Autor(es): Silva, Luiz Caetano da
Ono, Suzane Kioko
Fonseca, Luis Edmundo Pinto da
Carrilho, Flair José
Mendes, Luís Cláudio Alfaia
França, Alex Vianey Callado
Madruga, Carmen Lúcia de Assis
Laudanna, Antonio Atílio
Data do documento: Jun-1995
Abstract: The response to interferon treatment in chronic hepatitis NANB/C has usually been classified as complete, partial or absent, according to the behavior of serum alanine aminotransferase (ALT). However, a more detailed observation of the enzymatic activity has shown that the patterns may be more complex. The aim of this study was to describe the long term follow-up and patterns of ALT response in patients with chronic hepatitis NANB/C treated with recombinant interferon-a. A follow-up of 6 months or more after interferon-a was achieved in 44 patients. We have classified the serum ALT responses into six patterns and the observed frequencies were as follows: I. Long term response = 9 (20.5%); II. Normalization followed by persistent relapse after IFN = 7 (15.9%); III. Normalization with transient relapse = 5 (11.9%); IV. Temporary normalization and relapse during IFN = 4 (9.1%); V. Partial response (more than 50% of ALT decrease) = 7 (15.9%); VI. No response = 12 (27.3%). In conclusion, ALT patterns vary widely during and after IFN treatment and can be classified in at least 6 types. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT: A resposta ao tratamento com interferon em pacientes com hepatite crônica NANB/C tem sido classificada como completa, parcial ou ausente, de acordo com o comportamento da alanino aminotransferase sérica (ALT). Entretanto, uma observação mais detalhada da atividade enzimática tem mostrado que os padrões podem ser mais complexos. O objetivo deste estudo foi descrever o seguimento tardio e os padrões de resposta da ALT em pacientes com hepatite crônica NANB/C tratados com interferon alfa recombinante. Classificamos os tipos de resposta da ALT em 6 padrões e as freqüências observadas foram:I. Resposta completa e persistente = 9 (20,5%); II. Resposta completa com recaída persistente após o IFN = 7 (15,9%); III. Resposta completa com recaída temporária = 5 (11,9%); IV. Normalização temporária e recaída durante o tratamento com IFN = 4 (9,1%); V. Resposta parcial (queda dos níveis iniciais da ALT maior que 50%) = 7 (15,9%); VI. Não resposta = 12 (27,3%). Em conclusão, os padrões de ALT variam durante e após o tratamento e podem ser classificados em pelo menos 6 tipos.
Palavras-chave: Hepatite crônica
Hepatite C
Tratamento antiviral
Alanino aminotransferase sérica
ISSN: 0036-4665
Instituição/Editora: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo
Citação: SILVA, L. C. et al. Long term follow-up and patterns of response of ALT in patients with chronic hepatitis NANB/C treated with recombinant interferon-a. Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo, São Paulo, v. 37, n. 3, maio/jun. 1995. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651995000300010>. Acesso em: 14 nov. 2013.
Licença: Creative Commons Attribution License
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/808
Aparece nas coleções:DME - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LongTermALT.pdf932,86 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.