Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/1046
Tipo de Documento: Artigo
Título: Arbóreas forrageiras: pastagem o ano todo na Caatinga Sergipana
Autor(es): Mello, Anabel Aparecida de
São Mateus, Fábio A.
Fantini, Alfredo C.
Data do documento: Abr-2012
Abstract: A Caatinga é o bioma predominante no Nordeste do país e o único exclusivamente brasileiro. No estado de Sergipe, a área de influencia desse bioma é conhecida pela forte presença de assentamentos de reforma agrária e se destaca como região produtora de leite. As longas secas vêm prejudicando significativamente a criação de gado nessa região, tornando os agricultores altamente dependentes de insumos externos a suas propriedades. Há, entretanto, espécies arbóreas nativas que podem ser utilizadas como forragem durante o período de seca, objeto deste estudo. O trabalho foi realizado no Assentamento Florestan Fernandes, localizado no Município de Canindé de São Francisco, estado de Sergipe. O estudo da vegetação foi realizado através de levantamento fitossociológico em 30 parcelas de 400m², mensurando-se indivíduos com circunferênciaà altura do peito acima de 6 cm. Registraram-se 2.057 indivíduos, pertencentes a 26 espécies e 16 famílias. A abundância foi de 1.714,2 indivíduos/ha e a área basal de 10,9 m²/ha. As espécies que apresentaram o maior índice de valor de importância ecológica no ambiente estudado foram a Catingueira (28,9%), a Imbura-na-de-cambão (9,7%) e o Pinhão (7,2 %). Nove das 16 espécies apontadas como forrageiras pelos assentados já são apontadas na literatura como forrageiras. Entrevistas realizadas com os assentados revelaram o seu conhecimento dessas espécies como forrageiras, mas ao mesmo tempo evidenciaram que o recurso é pouco utilizado. Assim, o potencial das forrageiras arbóreas contrasta com a sua baixa utilização, o que sugere a oportunidade de programas para promover o uso adequado dessas espécies.
Palavras-chave: Caatinga
Arbóreas Forrageiras
Inventário Florestal
Agroecossistemas
Arbóreas Nativas
Reforma Agrária.
Análise fitossociológica
ISSN: 0100-6762
Instituição/Editora: Emater/RS-ASCAR
Citação: OLIVEIRA, D. G. et al. Análise da vegetação em nascentes da bacia hidrográfica do Rio Piauitinga, Salgado, SE. Revista Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável, Porto Alegre, v. 5, n. 1, p. 39-45, jan./abr. 2012. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622012000100014>. Acesso em: 18 ago. 2014.
Licença: Autorização para publicação no Repositório Institucional da Universidade Federal de Sergipe (RIUFS) concedida pelo editor
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/1046
Aparece nas coleções:DCF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ArbóreasForrageiras.pdf1,08 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.