Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4045
Document Type: Tese
Title: Administração e gestão social : aspectos dimensionais do desenvolvimento sustentável em municípios sergipanos
Authors: Bitencourt, Daniela Venceslau
Issue Date: 3-Jul-2015
Advisor: Soares, Maria José Nascimento
Resumo : Os esforços empreendidos pelos setores público, privado e terceiro setor para o desenvolvimento local sustentável tem sido, via de regra, concentrada nos indice do desenvolvimento e no interesse crescente do uso de indicadores como uma forma de atender aos interesses locais, diminuir a pobreza e atender as necessidades básicas dos seus munícipes. As gestões municipais necessitam ampliar o debate sobre as responsabilidades dos municípes no processo participativo de tomada de decisões de modo a promover o bem-estar social e no desenvolvimento local sustentável. Neste aspecto, a presente tese objetiva analisar o papel da gestão social como promotora do desenvolvimento local sustentável e, para tanto buscou-se calcular os índices de desenvolvimento sustentável dos municípios sergipanos; avaliar os níveis de sustentabilidade entre as dimensões (social, demográfica, economica, político-institucional, ambiental e cultural) de cada município; apresentar um panorama da situação dos niveis de sustentabilidade entre os municípios no Estado de Sergipe; explicar a gestão social na promoção do desenvolvimento local sustentável. Para a concretização dessa trajetória de pesquisa fez-se a opção pelo método dialetico e pelo método comparativo cruzando os dados obtidos por meio do cálculo dos indices de desenvolvimento sustentável entre os municipios os seus pontos de extrangulamentos entre as dimensões mediante o cruzamento das variaveis extraídas das informações encontradas: no IBGE; no SNIS; no DATASUS; no FEINBRA; no PNUD e outros sites de dominio público sobre a situação de cada município. Conclui-se, portanto, que a participação dos munícipes é condição sine qua nom na tomada de decisões e na obtenção do desenvolvimento local sustentável e como um desafio para os gestores que atuam na perspectiva da gestão social para além das suas competências administrativas desenvolver ação multidimensional que implique recursos, geração de cultura, renda e emprego para todos, ação educacional e ambiental, prevenção a saúde pública; organização comunitária, colaboração interinstitucional, parcerias entre público e privado de modo coletivo e com responsabilidade social.
Abstract: Efforts made by the public, private and third sector to local sustainable development has been, as a general rule, concentrated in index of development and growing interest in the use of indicators as a way to cater to local interests, decreased poverty and meeting the basic needs of their citizen. City managers need to broaden the debate about the responsibilities of citizens in participatory decision-making process in order to promote social well-being and sustainable local development. In this respect, the present thesis aims to analyze the role of social management as a promoter of sustainable local development and, to that end, sought to calculate the indexes of sustainable development of municipalities in the State of Sergipe; assessing sustainability levels between dimensions (demographic, economic, social, institutional and political, cultural and environmental) of each municipality; present an overview of the situation of the levels of sustainability among the municipalities in the State of Sergipe; as well as explain the social management in the promotion of sustainable local development.For the implementation of this research trajectory became the option for both, the dialetic and the comparative method, within the data obtained through the calculation of indixes of sustainable development among municipalities, their bottlenecks points between the dimensions through the intersection of variables extracted from the information found: in the IBGE; the SNIS; the DATASUS; the FEINBRA; and other public domain sites on the situation of each municipality. It is concluded that the participation of the citizens should be considered as a sine qua nom condition in decision-making and in obtaining sustainable local development and presents itself as a challenge for managers working in the perspective of social management as a addition to their administrative skills, developing multidimensional actions involving resources, culture, generations, income and employment, education, public health prevention; organized community, interinstitutional collaboration, public-private partnerships of collective mode and with social responsibility.
Keywords: Meio ambiente
Desenvolvimento sustentável
Serviço social
Administração
Gestão social
Municípios sergipanos
Administration
Social management
Sustainable local development
Municipalities in Sergipe
Subject CNPQ: OUTROS
Language: por
Country: Brasil
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citation: Bitencourt, Daniela Venceslau. Administração e gestão social : aspectos dimensionais do desenvolvimento sustentável em municípios sergipanos. 2015. 113 f. Tese (Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão. 2015.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4045
Appears in Collections:Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DANIELA_VENCESLAU_BITENCOURT.pdf2,57 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
ANEXO 2 - DANIELA_VENCESLAU_BITENCOURT.xls571 kBMicrosoft ExcelView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.