Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4189
Document Type: Dissertação
Title: Percepção ambiental, conhecimento e uso de recursos vegetais no assentamento agroextrativista São Sebastião, Pirambu, Sergipe
Other Titles: ENVIRONMENTAL AWARENESS, KNOWLEDGE AND USE OF PROCEEDS IN PLANT AGROEXTRACTIVE SETTLEMENT SÃO SEBASTIÃO, PIRAMBU, SERGIPE.
Authors: Oliveira, Débora Moreira de
Issue Date: 17-Jan-2012
Advisor: Gomes, Laura Jane
Resumo : O ecossistema de restinga tem sido um dos mais impactados no Brasil devido à sua localização litorânea, onde a expansão imobiliária e o turismo desordenado são os principais fatores degradantes. O litoral norte do estado de Sergipe se inclui nessa realidade, principalmente devido às belezas singulares da região. Tentativas de conservação das espécies têm sido escassas e recentes, ainda necessitando de maior estrutura para as unidades de conservação locais. Com o intuito de atender tanto à conservação dos recursos naturais quanto à melhoria socioeconômica da população foi criado na região, no município de Pirambu, um assentamento rural de reforma agrária de modalidade agroextrativista: o Assentamento Agroextrativista São Sebastião. O assentamento abrange 28 famílias, que já eram residentes das proximidades da terra atualmente regularizada, e que têm como principais atividades econômicas o extrativismo da mangaba (Harconia speciosa L.), o artesanato a partir da palha do ouricurizeiro (Siagrus coronata Matius Beccari) e a agricultura familiar. O objetivo geral deste estudo foi investigar como se dá a relação entre as pessoas e o meio ambiente botânico, através dos métodos e técnicas empregados pela etnobotânica, com o fim de suscitar possíveis discussões acerca da sustentabilidade destes recursos no assentamento. Para melhor compreensão e organização dos dados, este estudo encontra-se dividido em quatro capítulos. O capítulo 1 traz uma breve revisão dos principais autores e temas relacionados à pesquisa, bem como uma caracterização da área de estudo, com base na literatura disponível e em dados obtidos em campo. O capítulo 2 trata-se de um levantamento de espécies botânicas consideradas úteis pelos moradores. As 106 espécies identificadas foram enquadradas em sete categorias de uso, e algumas se inseriram em mais de uma categoria, a saber: Alimentícia (43), Medicinal (46), Combustível (22), Artesanal (3), Místico-religiosa (10), Ornamental (6) Outros (5). As espécies foram classificadas quanto ao seu Valor de Uso e, para a categoria Combustível, foi realizada a técnica do Ordenamento Rápido do Informante. O capítulo 3 foi um estudo específico do uso dos quintais da localidade. Vinte e cinco quintais foram visitados e todas as espécies com diâmetro a nível do solo ≥ 3 foram registradas, e computadas as respectivas alturas, copa e localização espacial no quintal. Foi averiguada a importância do quintal para o sustento familiar através de entrevistas semi-estruturadas, bem como a divisão de trabalho e as técnicas de manejo empregadas. O capítulo 4 foi um estudo realizado com o objetivo de conhecer a percepção das crianças do assentamento, em idade escolar compatível ao Ensino Fundamental, do meio ambiente local. Foi utilizada uma triangulação de métodos para se chegar às respostas desejadas, a saber: confecção de desenhos individuais, confecção de mapas coletivos e aplicação de entrevistas semi-estruturadas. Os dados obtidos nos diversos estudos apontam para uma riqueza de biodiversidade local ainda pouco explorada, em oposição a determinadas espécies que podem estar sofrendo pressão de uso, deste modo, concluindo pela necessidade de novos estudos multidisciplinares que valorizem o conhecimento local na construção de estratégias para o desenvolvimento sustentável no assentamento, que no próprio nome evidencia a proposta de se utilizar dos recursos naturais de maneira racional, socioeconômica e ambientalmente justa.
Abstract: The restinga ecosystem has been one of the most impacted in Brazil due to its coastal location, where the housing boom and Unregulated tourism are the main factors degrading. The northern coast of Sergipe is included in this reality, mainly due to the unique beauty of the region. Attempts to conserve species has been scarce and recent, still requiring more structure to the units of local conservation. In order to meet both the conservation of natural resources on improving socioeconomic conditions in the region was created in the municipality of Pirambu, a rural settlement land reform mode agroextractive: Assentamento Agroextrativista São Sebastião. The settlement covers 28 families, who were residents of nearby land currently regulated, and which have as their main economic activities in the extraction of mangaba (Harconia speciosa L.), handicrafts from the straw ouricurizeiro (Siagrus coronata Beccari Matius) and family farming. The objective of this study was to investigate how does the relationship between man and the environment botanist, with the methods and techniques employed by the ethnobotany, in order to raise possible discussions about the sustainability of these resources in the settlement. For better understanding and organization of data, this study is divided into four chapters. Chapter 1 presents a brief review of the main authors and themes related to the research , as well as a characterization of the study area, based on available literature and data obtained in the field. Chapter 2 it is a collection of botanical species considered useful by the residents. In this, we performed a general characterization of the study area, based on socioeconomic information provided by residents, associated with the listing of all known species useful. The 106 species listed were grouped into seven categories of use, and some were inserted in more than one category, namely: Food (43), Medical (46), Fuel (22), Craft (3), Mystic-religious (10), Ornamental (6) and Other (5). The species were classified according to their use and value to the category Fuel, we applied the technique of Rapid Spatial Insider. Chapter 3 was a specific study of the homegardens of the town. Twenty-five homegardens have been visited and all species with diameter at ground level were recorded ≥ 3, and computed their heights, canopy and location in space in the homegarden. Was investigated the importance of the yard to keep the family through semi-structured, and the division of labor and management techniques employed. Chapter 4 was a study with the objective of understanding the relation between the children of school-age settlement compatible to the elementary school and the local environment. We used a triangulation of methods to achieve the desired responses: making individual drawings, map-making and collective application of semi-structured interviews. Data from several studies point to a wealth of local biodiversity yet little explored, as opposed to certain species that may be under pressure to use, thus concluding the need for further multidisciplinary studies that value local knowledge in building strategies for sustainable development in the settlement that the name itself shows the proposal to use natural resources rationally, socioeconomic and environmental justice.
Keywords: Etnobotânica
Conhecimento tradicional
Restinga
Ethnobotany
Traditional knowledge
Restinga
Subject CNPQ: CNPQ::OUTROS
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Language: por
Country: BR
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4189
Appears in Collections:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DEBORA_MOREIRA_OLIVEIRA.pdf3,48 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.