Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4190
Document Type: Dissertação
Title: Níveis tecnológicos dos agroecossistemas do milho no estado de Sergipe
Authors: Santos, Cátia dos
Issue Date: 9-Feb-2012
Advisor: Pedrotti, Alceu
Resumo : As mudanças ocorridas na agricultura com a introdução da tecnologia têm levado os recursos naturais a tornarem-se mais frágeis diante do modo de produção desenvolvido sob o sistema convencional, no qual mantem-se com uso de máquinas, tratores, defensivos químicos e insumos externos. Nos agroecossistemas do milho no Estado de Sergipe desenvolveram-se nos últimos cinco anos uma modernização na agricultura, onde o milho além de ser cultivado como uma cultura de subsistência torna-se um agronegócio, fonte de renda principalmente dos municípios de Carira e Simão Dias maiores produtores de milho do Estado. Diante das mudanças nos padrões tecnológicos na produção do milho em Sergipe, realizou-se a pesquisa que abordou os Níveis Tecnológicos nos Agroecossistemas do Milho no Estado de Sergipe. O objetivo geral pautou-se na análise dos níveis tecnológicos na exploração dos agroecossistemas do milho no Estado de Sergipe diante das transformações ocasionadas pela inserção das tecnologias na agricultura. Foi realizada uma pesquisa de campo, e selecionou-se 15 indicadores onde foram observados os pontos potenciais e limitantes. Aplicaram-se questionários para coleta de dados, além de um teste de Resistência Mecânica à Penetração para analisar a compactação do solo. A pesquisa contemplou o método sistêmica abordando as dimensões ambiental, social e econômica na produção do milho na região centro-oeste de Sergipe. Destacou-se a prática da monocultura na região, o uso excessivo de defensivos químicos bem como a adoção de mais de 90% das sementes transgênicas entre os produtores. No período que se realizou a pesquisa o clima tornou-se o maior desafio para os produtores da região diante de uma condição atípica ocorrida na safra de 2010 levando além da redução da produtividade, também a perda de toda a safra em algumas propriedades. Quanto ao fator solo devem-se adotar práticas mais conservacionistas visando manter uma produção mais sustentáveis, dessas práticas destacam-se o plantio direto e a rotação de cultura. De modo geral deve-se repensar a expansão na cultura do milho principalmente nos municípios de Carira e Simão Dias de modo a buscar desenvolver práticas que levem em consideração não só o fator econômico, mas também o ambiental e o social.
Abstract: The changes occurred in the agriculture with the introduction of technology lead the natural resources to become more fragile when we consider the way of production developed under the conventional system, in which it keeps using machines, tractors, chemical defenses and external inputs. Through the last five years the corn agroecosystems in the State of Sergipe developed a modern agriculture, where besides being cultivated as a subsistence agriculture it has become an agribusiness, a source of income mainly in Carira and Simão Dias, the most important corn producers cities of the State. Facing the changes of the technological standards on the corn production in Sergipe, a research was made focusing on the technological level in the corn agroecosystems in the state of Sergipe. The main point was based on the analysis of the technological levels in the exploration of the corn agroecosystems in the State of Sergipe facing the changes caused by the insertion of technologies in the agriculture. A field research was made, and 15 indicators were selected and the potential and boundary points were observed. Questionnaires were applied for the data capture, besides a test of the mechanical resistance to the penetration to analyze the soil compaction. The research considered the systemic approach focusing on the environment, social and economical dimensions in the corn production in the middle- west region of Sergipe. The monoculture practice was highlighted; the excessive use of chemical defensives as well the adoption of more than 90% of the transgenic seeds among the producers. The weather become the biggest challenge for the producers in the period that the research was made for they faced an atypical condition occurred in the 2010 crop that lead not only a reduction of the production but also all the crop lost in some properties. For the soil factor, it should have used more conservative practices focusing on keeping a way of production more sustainable, in those practices the highlighted are the direct planting and the crop rotation. Generally, it should rethink the corn culture expansion mainly in Carira and Simão Dias in a way that would search to develop practices that lead in consideration not only the economical factor but also the environmental and the social ones.
Keywords: Agroecossistemas
Milho
Sergipe
Sustentabilidade
Tecnologia
Agroecosystems
Corn
Sustainability
Technology
Subject CNPQ: CNPQ::OUTROS
Language: por
Country: BR
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4190
Appears in Collections:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CATIA_SANTOS.pdf3,63 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.