Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4410
Tipo de Documento: Dissertação
Título: Estrutura e composição de uma vegetação ripária, relações dendrocronológicas e climáticas na Serra dos Macacos em Tobias Barreto, Sergipe-Brasil
Título(s) alternativo(s): STRUCTURE AND COMPOSITION OF A RIPARIAN VEGETATION, DENDROCHRONOLOGY AND RELATIONS CLIMATE IN THE SIERRA IN MONKEY TOBIAS BARRETO, SERGIPE, BRAZIL.
Autor(es): Nogueira Júnior, Francisco de Carvalho
Data do documento: 25-Mar-2011
Orientador: Ribeiro, Adauto de Souza
Resumo: Este trabalho foi realizado em domínio da caatinga numa área de 220 hectares de floresta localizada no Canyon da Serra dos Macacos, Município de Tobias Barreto, no período de 2009 a 2010. O objetivo do estudo foi diagnosticar a estrutura, composição e cobertura da vegetação para fins de conservação e realizar uma prospecção dendrocrológica das espécies arbóreas. A análise dos parâmetros climáticos foi estabelecida através de séries de 96 anos (1914 a 2010) para a precipitação e séries de temperatura de cerca de 50 anos (1967 a 2007). Os dados de temperatura foram calibrados com dados das Temperaturas da Superfície do Mar (TSM) obtidos através do NOAA (National Oceanic and Atmospheric Administration). Os dados de temperatura local tiveram uma amplitude térmica superior a 9ºC, diferente dos 6ºC descritos para o NEB (Nordeste Brasileiro) e apresentaram acentuada sazonalidade climática tanto para a precipitação quanto para a temperatura. O clima para a região de Tobias Barreto mostrou-se, principalmente, influenciado pelas anomalias nas TSM. Foram amostrados cerca de 12000 m2 de floresta divididos em três parcelas de 4000 m2. As parcelas foram distribuídas em um transecto linear de 1500 metros tendo como referência o leito do riacho Macacos na Toca da Onça nas altitudes de 360, 420 e 500 metros ao nível do mar. Foram determinados os parâmetros fitossociológicos da comunidade arbórea arbustiva do dossel e herbácea do sub-bosque, riqueza de espécies e relações dendrocronológicas de espécies arbóreas formadoras de anéis de crescimento. A vegetação arbórea do Canyon possui dois estratos definidos de dossel e sub-bosque arbustivo e fitofisionomia com formação de vegetação ripária, com indivíduos de até 25 m de altura e Circunferência do Tronco (CAP) de até 160 cm. O estrato herbáceo no sub-bosque possui uma rica diversidade de bromélias (8) espécies de ocorrência na Mata Atlântica. A riqueza da composição floristica foi de 93 espécies. A estrutura vertical da vegetação em função da altura e CAP apresentou curvas de distribuição e abundância em J invertidos indicando que a comunidade atual está em estágio maduro ou estável de regeneração. O estudo fitossociológico determinou a dominância da família Fabaceae (Leguminosae - Caesalpinioideae, Mimosoideaee e Faboideae) compondo 17 espécies de caatinga. Os padrões estruturais das populações avaliados pelo Índice de Valor de Importância Fitossociologica e Índice de Cobertura Árbórea da comunidade do Canyon apresentaram uma distribuição espacial dependente da distância do riacho e associada ao comportamento de abertura do dossel, caracterizando a vegetação como riparia semidecidual. A análise da cobertura arbóreaarbustiva utilizando o Gap Light Analizer (GLA) demonstrou que a semidecidualidade, variou de 30 a 70% de abertura do dossel no mês fevereiro (estação seca) e um fechamento do dossel entre 80 a 90% no mês de setembro (estação pós-chuva). Na prospecção dendrocronológica da comunidade constatou-se que 10 espécies presentes na Serra dos Macacos formam camadas de crescimento. A análise de uma população de 86 indivíduos de Pseudobombax marginatum (Malvaceae), através da datação-cruzada das séries radiais de anéis de crescimento, resultou em uma cronologia com 83 séries para 51 indivíduos (2353 anéis), com valor de inter-correlação de 0,449 e sensibilidade média de 0,522, enquanto a quantidade de anéis ausentes foi inferior a 3,0%. A análise de componentes principais (PCA) explicou 64,58% para a cronologia Arstan da variância (ANOVA) do crescimento das plantas estimando a idade cronológica das árvores em até 62 anos na comunidade e 61,23% para a cronologia Residual. A formação dos anéis de crescimento anuais relacionou-se positivamente com a precipitação do ano corrente (entre abril e julho) e com a temperatura do ano anterior (setembro a novembro), bem como, com a caducifólia das espécies no período seco. A taxa de incremento médio anual das árvores de P. marginatum foi de 2,15 mm/ano, sendo que a população apresentou idade média de 27 anos. Este estudo estabelece pela primeira vez um modelo de predição de idade de espécie arbórea associado à sazonalidade climática no Nordeste do Brasil. A riqueza de espécies e ocorrência de espécies raras neste enclave de floresta na caatinga contribui significativamente aos objetivos de preservação e conservação deste bioma.
Abstract: This work was done in the caatinga dominium in an area of 220 hectares of forest located in the Serra dos Macacos Canyon, municipality of Tobias Barreto, in the period 2009 to 2010. The aim was to diagnose the structure, composition and coverage of vegetation for conservation purposes and conduct a survey dendrochrological trees species. We sampled about 12000 m2 of forest, divided into three plots of 4000 m2 in order to determine the phytosociological parameters of the community tree-shrub canopy and herbaceous understory, species richness and dendrochronological survey of tree species forming rings growth. The plots were distributed in a transect of 1500 m with reference to the creek bed at the Burrow Monkeys at altitudes of 360, 420 and 500 meters to sea level. The trees of the Canyon have two defined strata of canopy and understory shrub and vegetation type with the formation of riparian vegetation, which closed canopies and structured with individuals up to 25 m high and trunk circumference (CAP) of up to 160 cm. The herbaceous layer in the understory has a rich diversity of bromeliads (8) species recorded in the Atlantic. The richness of the floristic composition of 93 species were identified. The vertical structure of vegetation in relation to height, CAP showed strong adjustment of the curves of distribution and abundance "J" reversed indicating that the community is present in mature or stable stage of regeneration. The phytosociological study determined the dominance of the family Fabaceae (Leguminosae - Caesalpinioideae, Faboideae and Mimosoideaee) comprising 17 species of caatinga. The structural patterns of the populations assessed by the Index of Importance Value Index Phytosociology and tree cover in the community of Canyon had a distance-dependent spatial distribution of stream and associated with the behavior of canopy opening, reinforced the idea of riparian vegetation with semideciduous. The analysis of tree cover and shrubs using the GLA (Gap Light Analyzer) demonstrated that semidecidual ranged 30-70% open canopy in the dry season or month in February and a canopy closure of 80 to 90% in September, post-rain season. Prospecting dendrochronological community found that 10 species in the Serra dos Macacos have potential in the formation of growth layers. The analysis of a population of 86 individuals Pseudobombax marginatum (Malvaceae), with the objective of determining the age of the trees through the rings of growth through cross-dating series, we obtained a chronology of 83 sets of growth rings 51 individuals (2353 rings P. marginatum), yielding a value of inter-correlation of 0.449, with mean sensitivity of 0.522, while the number of missing rings was less than 3.0%. The principal component analysis (PCA) indicated that the first components explained 64.58% by 61.23% and ARSTAN chronology Residual variance (ANOVA) of plant growth by estimating the chronological age of the trees up to 62 years in the community. The formation of the rings of annual growth is positively correlated with precipitation for the current year (between April and July) with the temperature of the previous year (September to November) and is associated with deciduous species showed that in the dry season. The behavior of tree growth of revealed significant variations in the rate of average annual increment of 2.15 mm / year, and the population mean age was 27 years. The analysis of climatic parameters was established through a series of 96 years (1914-2010) for precipitation and temperature series of about 50 years (1967-2007) obtained from the Meteorological Station of Samambaia, located at 9 km near of the Canyon. Temperature data were calibrated with data obtained from the SST NOAA (National Oceanic and Atmospheric Administration). Temperature data location had a temperature range above 9ºC, different from the 6ºC as described for the NEB (Northeast of Brazil) and showed marked seasonal climate with increased precipitation and lower temperatures during the months from March to July and rainfall lower and higher temperatures between September and February. The climate for the region of Tobias Barreto proved to be mainly influenced by anomalies in sea SST (surface temperatures). This study establishes for the first time a model for predicting age of tree species associated with the climate in the Northeast of Brazil. Species richness and occurrence of rare species in this enclave in the caatinga forest contributes significantly to the goals of preservation and conservation of this biome.
Palavras-chave: Bioma caatinga
Mata riparia
Estrutura da vegetação
Índice de área foliar
Dendrocronologia
Anéis de crescimento
Pseudobombax marginatum
Biome caatinga
Riparian vegetation
Structure of the vegetation
Index of foliar area
Dendrochronology
Rings of growth
Pseudobombax marginatum
área CNPQ: CNPQ::OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição/Editora: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da Instituição: UFS
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Ecologia e Conservação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4410
Aparece nas coleções:Mestrado em Ecologia e Conservação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FRANCISCO_CARVALHO_NOGUEIRA_ JUNIOR.pdf2,64 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.