Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/4845
Tipo de Documento: Dissertação
Título: O celibato pedagógico feminino em Sergipe nas três primeiras décadas do século XX : uma análise a partir da trajetória de Leonor Telles de Menezes.
Autor(es): Santos, Nivalda Menezes
Data do documento: 21-Dez-2006
Orientador: Freitas, Anamaria Gonçalves Bueno de
Resumo: Este texto tem como objetivos analisar e compreender os argumentos utilizados por Helvécio de Andrade e Rodrigues Dória nas três primeiras décadas do século XX, em favor do celibato pedagógico feminino, a partir da trajetória pessoal e profissional da professora celibatária Leonor Telles de Menezes. Considera as concepções de Roger Chartier sobre representação' e apropriação , as de Pierre Bourdieu sobre campo e capital social , as de Norbert Elias sobre História e Sociologia , assim como a de Carla Simone Chamon sobre trajetória , a fim de facilitar o trato com as fontes consultadas, tais como: as bibliográficas, documentais, iconográficas e orais. Aponta a mentalidade da época em que muitas sergipanas foram pressionadas para não casar, se desejassem ingressar no magistério a fim de não comprometerem o bom andamento das escolas. Termina por mostrar a carência de estudos sobre as professoras, que como Leonor, prestou relevantes serviços à educação do Estado, mas seus nomes continuam apenas na memória de parentes, amigos e ex-alunos.
Abstract: This paper has as objective to analyze and to understand the arguments used by Helvécio de Andrade e Rodrigues Dória in the three first decades of century XX to defend the feminine pedagogical celibacy having as starting point the personal and professional trajectory of the celibate teacher Leonor Telles de Menezes. It considers the conceptions of Roger Chartier about 'representation' and 'appropriation', of Pierre Bourdieu about field and 'social capital', of Nobert Elias about 'History' and 'Sociology', as well of Carla Simone Shamon about 'trajectory' to facilitate the use of the consulted sources, such as: bibliographical, documental, iconographic and oral. It points the mentality of the time that many women of Sergipe can't marry if they wanted to become teachers because the social pressure. The current idea was that the marriage could compromise the good course of the schools. Finally, it shows the lack of studies on teachers that, like Leonor, gave excellent services to the education of the State, although its names to remain only in the memory of relatives, friends and former-pupils.
Palavras-chave: Leonor Telles de Menezes
Celibato pedagógico feminino
Trajetória
Sergipe
Representações
História da profissão docente
Feminine pedagogical celibacy
Sergipe
Trajectory
Representations
History of education
área CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição/Editora: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da Instituição: UFS
Programa de Pós-graduação: Pós-Graduação em Educação
Citação: SANTOS, Nivalda Menezes. O celibato pedagógico feminino em Sergipe nas três primeiras décadas do século xx: uma análise a partir da trajetória de Leonor Telles de Menezes.. 2006. 135 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/4845
Aparece nas coleções:Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NIVALDA_MENEZES_SANTOS.pdf3,16 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.