Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/539
Tipo de Documento: Artigo
Título: Perspectivas de sustentabilidade ecológica do turismo em Xingó, SE/AL
Título(s) alternativo(s): Tourism ecological sustainability perspectives in Xingó, Sergipe and Alagoas, Brazil
Autor(es): Braghini, Cláudio Roberto
Gomes, Laura Jane
Ribeiro, Adauto de Souza
Data do documento: 2009
Abstract: A busca da sustentabilidade em várias dimensões implica olhar para o desenvolvimento local nos territórios em que o turismo ocorre. Este estudo analisou de forma sistêmica a relação entre turismo, gastronomia local e os recursos extraídos do rio São Francisco pela pesca artesanal, na região de Xingó, Nordeste do Brasil. A área de estudo abrangeu três municípios, Poço Redondo/SE, Canindé de São Francisco/SE e Piranhas/AL. Tratou-se de uma pesquisa exploratória, descritiva, intencional e não probabilística, utilizando entrevistas com roteiro estruturado e aberto, junto aos restaurantes, pescadores artesanais e gestores públicos, visitas locais de reconhecimento, construção de mapa coletivo com pescadores e elaboração de diagramas de alças causais, visando selecionar indicadores de sustentabilidade. Os resultados indicaram o Surubim Pseudoplatystoma corruscans (Spix e Agassiz, 1829), Pitu Macrobrachium carcinus (Linnaeus, 1758) e Tubarana Salminus hilarii (Valenciennes, 1850), os pescados típicos mais vendidos, no entanto, dependem de distribuidores e de estoques externos. Observou-se que a redução do pescado na região deveu-se à barragem da UHE de Xingó e a sobrepesca. O fluxo turístico crescente tem forte influência sobre o camarão Pitu. Os indicadores ambientais selecionados apontam necessidade de sistematização de informações sobre a produção pesqueira e o consumo nos restaurantes._________________________________________________________________________________________ ABSTRACT:The carrying support and the development of the local tourism involve different looks on its dimensions in the area where it occurs. This study examined in a systematic way the sustainability of tourism in the Northeast - Brazil, region of Xingó: the resources tourist and local gastronomy. The study area covers three districts: Poço Redondo and Canindé do São Francisco at Sergipe and in the state of Alagoas at Piranhas. This research was exploratory and descriptive with the aim to prepare diagrams causal loops in order to produce and select sustainability indicators. The assessment systemic tourist of sustainable showed that Surubim Pseudoplatystoma corruscans (Spix & Agassiz, 1829), Pitu (Macrobrachium carcinus (Linnaeus, 1758) and Tubarana Salminus hilarii (Valenciennes, 1850) were the typical fishes of the region that sold more, but the surubim and tubarana now are dependents extern on distributors. There is positive pressure to fish of the shrimp Pitu, which is greatly to tourism. The ecological dimension showed that the fish reduction could be due the dam of UHE-Xingó and overfishing. The select environmental indicators aimed necessity of the establish information system concerning the fishing production and consumption in the restaurants.
Palavras-chave: Sustentabilidade
Turismo
Xingó
Rio São Francisco
Caatinga
ISSN: 1678-7226
Citação: BRAGHINI, C. R.; GOMES, L. J.; RIBEIRO, A. S. Perspectivas de sustentabilidade ecológica do turismo em Xingó SE/AL. Revista Geográfica Acadêmica, Goiânia, v. 3, n. 1, p. 56-69, 2009. Disponível em: <http://www.rga.ggf.br/index.php?journal=rga&page=article&op=viewArticle&path[]=68>. Acesso em: 24 maio 2013.
Licença: Creative Commons Attribution License
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/539
Aparece nas coleções:DBI - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PerspectivasTurismoXingo.pdf1,91 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.