Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5427
Document Type: Tese
Title: A trajetória do discurso do desenvolvimento para o Nordeste : políticas públicas na (dis)simulação da esperança.
Authors: Lisboa, Josefa Bispo de
Issue Date: 28-May-2007
Advisor: Conceição, Alexandrina Luz
Resumo : Este estudo está centrado na ideologia do discurso do desenvolvimento subentendido nas políticas públicas de desenvolvimento regional para o Nordeste, a ser apreendida nas relações contraditórias do espaço do capital. Neste sentido, compreende-se o crescimento econômico como núcleo fundante desta ideologia. Como reflexões iniciais retomam-se os pressupostos fundamentais do desenvolvimento, indagando a possibilidade de equilíbrio da economia capitalista mundial por meio da superação dos desajustes do subdesenvolvimento. Investigou-se com base na leitura do pensamento social sobre o Nordeste, o sentido funcional da questão regional para a inserção dessa região no circuito do capital. A compreensão do discurso do desenvolvimento a partir dos anos 1980 direcionou uma reflexão sobre o processo histórico-social que faz do Banco Mundial a instituição chave do ajuste estrutural e o seu papel veiculador da ideologia do desenvolvimento local sustentável expressa no uso do território para a exploração capitalista como manifestação do desenvolvimento regional. Buscou-se verificar, com base em pesquisa de campo, a inscrição das políticas públicas financiadas pelo Programa de Combate à Pobreza Rural (PCPR) nos estados do Ceará, Pernambuco e Sergipe, enquanto condição de apropriação do território no uso da pobreza como retórica útil à continuidade do modelo de produção. Engendrada pela mundialização do capital, a dimensão local traz o caráter dinâmico do território, sustentado na idéia de potencialidade latente. Os lugares se tornam interessantes, atrativos e úteis à acumulação e garantem mobilidade ao capital. O discurso do desenvolvimento, longe de ser uma questão da promoção do bem-estar da sociedade, mostra o seu caráter ilusório ao cumprir uma importante função ideológica: a legitimação das relações de produção capitalistas que operam as diferenças, ou, em outras palavras, dirigem a produção da pobreza. A partir da inclusão da trajetória do discurso do desenvolvimento para o Nordeste nas relações sociometabólicas do capital, a Geografia tem, por seu turno, o papel de desvelar o caráter desigual e combinado do desenvolvimento, corroborando para a elucidação e superação das contradições.
Abstract: This study is centered in the ideologic speech of the implied development in the public politics of regional development of Northeast. To be apprehended in the contradictory relationships of the capital space. In this way, the economical growth is understood as nucleus founder of this ideology. As initial reflection, the fundamental presuppositions of the development are retaken, investigating the possibility of balance of the world capitalist economy through the overcoming of the disagreements of the underdevelopment. It was investigated with base in the reading of the social thought on the Northeast, the functional sense of the regional subject for the insert of that area in the capital circuit. The understanding of the speech of the development starting from 1980 addressed a reflection on the historical-social process that makes the World Bank the key institution of the structural adjustment and its transmitter paper of the ideology of the maintainable local development expressed in the use of the territory for the capitalist exploration as manifestation of the regional development. It was verified, with base in field research, the registration of the public politics financed by the Programa de Combate à Pobreza Rural in the states of Ceará, Pernambuco and Sergipe, while condition of appropriation of the territory in the use of the poverty as useful rhetoric to the continuity of the production model. Engendered by the mundialization of capital, the local dimension brings the dynamic character of the territory, sustained in the idea of latent potentiality. The places become interesting, attractive and useful to the accumulation and guarantee the capital mobility. The speech of the development, far away from being a subject of the illusory character while accomplishing an important ideological function: the legitimation of capitalist production relationships that operates the differences, or, in other words, drive the poverty production. Starting from the inclusion of the speech path of the development for the Northeast in socialmetabolic relationships of the capital, Geography has, in its role, the paper of watching the unequal and combined character of the development, corroborating for the elucidation and overcoming the contradictions.
Keywords: Políticas públicas
Nordeste
Desenvolvimento regional
Desenvolvimento local sustentável
Desenvolvimento desigual e combinado
Public politics
Notheast
Regional development
Sustainable local
Development
Unequal and combined development
Subject CNPQ: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Language: por
Country: BR
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Geografia
Citation: LISBOA, Josefa Bispo de. A TRAJETÓRIA DO DISCURSO DO DESENVOLVIMENTO PARA O NORDESTE: políticas públicas na (dis)simulação da esperança.. 2007. 288 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2007.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/5427
Appears in Collections:Doutorado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOSEFA_BISPO_LISBOA.pdf2,86 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.