Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/5521
Document Type: Dissertação
Title: Reconfiguração do espaço rural de Porto da Folha/SE : inovações socioprodutivas e ruralidades
Authors: Silva, José Natan Gonçalves da
Issue Date: 31-May-2016
Advisor: Menezes, Sônia de Souza Mendonça
Resumo : A modernização das atividades agrícolas nas unidades de produção familiar consiste uma realidade recente na configuração territorial do rural brasileiro e, sobretudo, de setores produtivos do Sertão nordestino. Esse processo foi impulsionado nas últimas décadas devido à formulação e ampliação de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento da agricultura familiar. A reorganização dos setores produtivos no campo deve-se ainda à ampliação de atividades não agrícolas prestadoras de serviços desempenhadas por agricultores e/ou trabalhadores liberais. A complexidade do mundo rural torna-se mais significativa quando se observa a convivência num mesmo espaço de inovações socioprodutivas e práticas econômicas, sociais e culturais tradicionais que reforçam a identidade territorial dos grupos sociais do campo, apesar das transformações em curso. Tomando como base o recorte empírico do município de Porto da Folha/SE, este estudo tem como objetivo analisar a reconfiguração do espaço rural, a partir do avanço de novas ruralidades e da resistência de ruralidades tradicionais. A metodologia aplicada apresenta perfil qualitativo e está fundamentada em pesquisas bibliográficas, levantamento documental, sistematização de dados e informações e pesquisas de campo a partir do uso das técnicas de investigação exploratória, diário de campo, aplicação de entrevistas e registros iconográficos. Os resultados da pesquisa apontam para a reconfiguração dos territórios rurais com base na modernização de segmentos e setores produtivos mantidos por agricultores familiares, o avanço de atividades não agrícolas e serviços básicos (educação, saúde e lazer), até recentemente restritos aos centros urbanos, bem como o fortalecimento de identidades alicerçadas no território que contribuem para a legitimidade cultural dos grupos sociais. Logo, as análises acerca da dinâmica do espaço rural não devem se restringir as relações econômico-produtivistas, mas também a organização social e as representações culturais dos sujeitos que vivem no campo.
Abstract: The modernization of rural activities in family farm units consists of a recent reality in territorial configuration of Brazilian countryside and, especially, of productive sectors in Northeast’s Sertão. This process has been propelled along the last decades due to formulation and expansion of public policies oriented to the development of family farming. The reorganization of productive sectors in countryside areas is also due to the expansion of non-farming service provider activities discharged by family farmers and/or liberal workers. The complexity of the rural world is even more meaningful as we observe an interaction, in the same space, of social and productive innovations and economic, social and traditional cultural practices that reinforce the countryside social groups’ territorial identity, despite the ongoing transformations. Assuming as a base the empirical configuration of Porto da Folha/SE municipality, this study aims to analyze the reconfiguration of the rural space from the advancement of new ruralities and the resistance of traditional ruralities. The methodology applied has a qualitative approach and is founded on bibliographic research, data collection, data systematization, information, and field research using exploratory research techniques, field diary, application of interviews and iconographic recordings. The results of this research point to a reconfiguration of rural territories based on modernization of productive sectors maintained by family farmers, the advancement of non-farming activities and basic services (education, health and leisure), until then restricted to urban centers, as well as the strengthening of identities founded in the territory that contributes to a cultural legitimacy of the social groups. Therefore, the analysis about rural space dynamics must not be restricted to economic and productive relations, but also to social organization and the cultural representations of the subjects who live in countryside.
Keywords: Geografia
Geografia agrícola
Inovações agrícolas
Agricultura e Estado
Agricultura familiar
Espaço em economia
Territorialidade humana
Porto da Folha (SE)
Inovações produtivas
Atividades não agrícolas
Identidades territoriais
Ruralidades
Productive innovation
Non-farming activities
Territorial identities
Ruralities
Family farm
Subject CNPQ: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Language: por
Country: Brasil
Publisher / Institution : Universidade Federal de Sergipe
Institution: UFS
Program Affiliation: Pós-Graduação em Geografia
Citation: SILVA, José Natan Gonçalves da. Reconfiguração do espaço rural de Porto da Folha/SE : inovações socioprodutivas e ruralidades. 2016. 191 f. Dissertação (Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2016.
Rights: Acesso Aberto
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/5521
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOSE_NATAN_GONCALVES_SILVA.pdf5,49 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.