Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/6850
Document Type: Dissertação
Title: Gestão ambiental participativa : contribuições de comunidades de bairros em áreas urbanas de riscos à saúde
Authors: Moitinho, Ana Caroline Figueiredo
Issue Date: 30-Mar-2017
Advisor: Souza, Antônio Vital Menezes de
Resumo : Esta pesquisa analisa a importância da participação da comunidade de bairro na gestão ambiental de unidades de saúde em áreas de riscos urbanos ambientais. Discute-se os processos de gestão ambiental pública aplicada aos sistemas de saúde básica, em particular, analisa-se o campo epidemiológico e suas relações com a gestão ambiental participativa. O campo empírico da pesquisa escolhido foi o bairro Rosa Elze em São Cristóvão – Sergipe: 40 indivíduos com faixa etária entre 20 e 75 anos de idade fizeram parte do estudo (26 mulheres e 14 homens foram entrevistados). A pesquisa é do tipo descritivo-exploratória. Os principais instrumentos de coleta de informações foram a observação sistemática, entrevistas semidirigidas, escala de satisfação de atendimento e registro fotográfico. Os resultados apontam que a comunidade de bairro pode contribuir com a maior eficiência, eficácia e diretividade no controle de problemas ambientais em áreas de riscos urbanos, principalmente, no que se refere às questões de prevenção e intervenção direta de casos epidemiológicos. Destaca-se, ainda, a necessidade de estudos técnico-científico no campo da gestão ambiental voltados para a elaboração de instrumentos de gestão ambiental participativa aplicados ao diagnóstico, intervenção e prognóstico que favoreçam participação, interação e maior colaboração entre unidades básica de saúde e moradores de comunidades de bairro em regiões urbanas.
Abstract: This study addresses the importance of neighborhood residents’ participation in environmental management of health units in urban areas facing environmental risks. Public environmental management of basic health systems is discussed, furthermore an epidemiological field study and its relationships with participatory environmental management are presented. The empirical field of this study was the Rosa Elze neighborhood, in São Cristóvão, Sergipe. Forty individuals aged 20 through 75 years participated in this study, being 26 women and 14 men. The research is classified as descriptive and exploratory, and the main data collection instruments were: systematic observation, semi-structured interviews, service satisfaction scale, and photographic analysis. According to the results, neighborhood residents can collaborate to greater efficiency, effectiveness, and directivity regarding environmental problem control in urban risk areas, especially about prevention and direct intervention of epidemiological cases. Additionally, it is pertinent to highlight the need for technical and scientific studies, in the environmental management field, towards the development of participative environmental management instruments to diagnosis, intervention, and prognosis that favor participation, interaction, and collaboration between health basic units and neighborhood residents in urban areas.
Keywords: Meio ambiente
Gestão ambiental
Epidemiologia
Saúde
Gestão participativa
Environment
Health
Epidemiology
Participative management
Subject CNPQ: OUTROS
Language: por
Institution: Universidade Federal de Sergipe
Program Affiliation: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citation: MOITINHO, Ana Caroline Figueiredo. Gestão ambiental participativa: contribuições de comunidades de bairros em áreas urbanas de riscos à saúde. 2017. 71 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente)-Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, SE, 2017.
URI: https://ri.ufs.br/handle/riufs/6850
Appears in Collections:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ANA_CAROLINE_FIGUEIREDO_MOITINHO.pdf1,41 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.